Pergunte ao Médico
Como Funciona

Sintomas

Manchas roxas aparecendo nas duas pernas...

Manchas roxas significam extravasamento de sangue dos vasos sanguíneos embaixo da pele. Trauma, fragilidade capilar, doenças dos vasos sanguíneos e doenças relacionadas com a coagulação sanguínea são as principais causas de manchas roxas.

Dr. Charles Schwambach
Quais são os principais sintomas do herpes genital?

Os principais sintomas do herpes genital são vermelhidão, dor em ferroadas, coceira e bolhas na região genital. Em alguns casos, pode haver febre, dor muscular e dor de cabeça, embora esses sintomas sejam muito menos comuns.

O herpes genital é uma infecção causada principalmente pelo vírus Herpes simplex tipo 2, que se transmite por contato direto com a lesão de uma pessoa infectada. O vírus então se aloja nos nervos do indivíduo e se manifesta por meio dos sintomas descritos, que aparecem no local de contato, que pode ser a vulva e vagina, pênis, ânus ou boca.

O tratamento inclui uso de pomadas ou comprimidos antivirais, que devem ser prescritos por médico clínico geral, dermatologista ou ginecologista.

É fundamental procurar um médico o mais rápido possível, para abreviar a duração dos sintomas e evitar a transmissão para outras pessoas, já que as vesículas (pequenas bolhas com líquido dentro) são altamente contaminantes.

Em gestantes, o tratamento deve ser feito com urgência, uma vez que a doença pode passar para o bebê e, nesse caso, pode levar a sequelas graves relacionadas com o desenvolvimento do cérebro.

Dr. Gabriel Soledade
Gosto de Sangue e Dor de Cabeça o que pode ser?

Gosto de sangue e dor de cabeça pode ser sinusite, rinite, amidalite ou até mesmo resfriado ou gripe em processo inicial. É importante observar também a presença de outros sinais e sintomas. No caso dessas doenças, podem surgir também:

  • Sinusite:

    • Dor na região anterior da cabeça, ao redor dos olhos, no céu da boca, na testa ou nas bochechas;
    • Sensação de pressão na cabeça;
    • Nariz entupido;
    • Secreção nasal de cor amarela ou esverdeada;
    • Febre;
    • Mal-estar;
    • Perda de apetite;
    • Tosse;
    • Cansaço.
  • Rinite:
    • Corrimento e congestão nasal;
    • Coceira no nariz, nos olhos e no céu da boca;
    • Espirros;
    • Lacrimejamento;
    • Olheiras.
  • Amigdalite (bacteriana):
    • Dor intensa ao engolir;
    • Febre;
    • Indisposição e mal estar;
    • Dor de cabeça;
    • Calafrios;
    • Placas de pus brancas nas amígdalas;
    • Vermelhidão na garganta;
    • Nódulos ou caroços no pescoço.
  • Gripe e resfriado (geralmente apresentam os mesmos sintomas, sendo mais intensos na gripe e mais leves no resfriado):
    • Febre;
    • Tosse;
    • Dor de garganta;
    • Dores no corpo;
    • Mal estar.

Para saber ao certo o que está causando essa dor de cabeça acompanhada pelo gosto de sangue na boca, o melhor é consultar um médico de família ou um otorrinolaringologista para um diagnóstico e tratamento adequados.

Quais são os sintomas do condiloma acuminado?

O condiloma acuminado é caracterizado por verrugas, que aparecem em áreas como vulva e vagina, ânus e reto, pênis e boca.

Trata-se de uma doença sexualmente transmissível, causada pelo vírus HPV e que se trata por meio de medicações ou da cauterização elétrica ("queimar") das lesões.

O acompanhamento da doença deve ser feito por dermatologista ou ginecologista.

Dr. Gabriel Soledade
Diverticulite tem cura? Qual o tratamento?

Diverticulite tem cura sim, e o tratamento é simples, na maioria dos casos.

Tratamento

O tratamento inicial associa dieta (leve e líquida) e tratamento farmacológico com antibióticos e analgésicos, quando não há sinais de gravidade. Até 80% dos casos evolui para cura em três dias.

Os tratamentos mais agressivos são: 1) cirurgia para a remoção de parte do intestino comprometida pelos divertículos e 2) drenagem dos abscessos (quando de pequeno volume) por punção transcutânea.

As recidivas da doença costumam ser frequentes. Nestes casos, a cirurgia pode ser programada de acordo com as necessidades dos pacientes.

Recomendações
  • Alimentos com alto teor de fibras na dieta: frutas, cereais integrais, vegetais e grãos são excelentes para o processo digestivo como um todo além de essenciais para um bom funcionamento intestinal, o que ajuda a prevenir a doença diverticular;
  • Evite o uso de laxantes para combater as crises de constipação intestinal;
  • Tente beber pelo menos dois litros de líquido ao dia (ajuda na formação do bolo fecal);
  • Realize atividades físicas com frequência - elas aceleram o metabolismo e o trânsito intestinal.
O que é

Para entender melhor, a diverticulite é a inflamação de um ou mais divertículos, que são saliências parecidas com a ponta de um dedo de luva, que podem estar localizadas em várias áreas do trato gastrintestinal, mais frequentemente entre as fibras musculares do intestino grosso. Nestes divertículos pode haver aprisionamento de pequena quantidade de fezes. As bactérias presentes nas fezes, sob determinadas condições, multiplicam-se e inflamam o tecido, causando a doença. Pode haver abscesso (acúmulo localizado de pus) ou perfuração intestinal. Neste segundo caso, as fezes na cavidade abdominal podem levar a uma condição muito grave (peritonite).

No caso de suspeita de diverticulite, um médico (preferencialmente um gastroenterologista) deverá ser consultado para investigação e tratamento.

Dr. Marcelo Scarpari Dutra Rodrigues
Vomitar sangue: o que pode ser?

Vomitar sangue pode ter diversas causas. A presença de sangue no vômito indica que o sangue pode ser proveniente do estômago, da boca, da garganta, do esófago ou da porção inicial do intestino delgado, não sendo portanto sinal de gravidez.

Algumas das causas de sangue no vômito:

  • Vomitar com muita intensidade ou durante muito tempo pode rasgar pequenos vasos sanguíneos da garganta ou do esôfago e produzir estrias de sangue no vômito. Pode ser essa a razão da pessoa vomitar sangue depois de beber;
  • Sangramento de veias inchadas localizadas no estômago ou nas paredes da porção inferior do esôfago. Pode ter como causa lesões hepáticas graves;
  • Úlcera com hemorragia no estômago, na porção inicial do intestino delgado ou no esôfago;
  • Defeitos nos vasos sanguíneos do aparelho digestivo;
  • Esofagite ou gastrite (irritação, inchaço ou inflamação do revestimento do esôfago ou estômago);
  • Engolir sangue após uma hemorragia nasal;
  • Câncer no estômago ou no esôfago.

Se vomitar sangue, a pessoa deve procurar um médico gastroenterologista para que as causas sejam conhecidas e tratadas.

Corrimento amarelo, o que pode ser?

Corrimento amarelo é, normalmente, um sinal de infecção bacteriana (vaginose bacteriana) ou infecção causada por protozoários (Tricomoníase). O diagnóstico e tratamento de ambas as doenças são simples.

Na vaginose bacteriana, ocorre uma alteração da flora vaginal normal, que é (primariamente composta por Bacilos de Doderlein) por outras bactérias, geralmente Gardnerella vaginalis. Nem sempre apresenta sintomas, mas geralmente há corrimento vaginal de cor amarela, branca ou cinza com odor desagradável (peixe podre), além de ardência ao urinar e coceira na vagina. O tratamento deve ser feito com antibióticos.

A melhor maneira de evitar a vaginose bacteriana é:

  • evitar fazer duchas vaginais;
  • limitar o número de parceiros;
  • usar preservativo sempre, em todas as relações;
  • procurar fazer exames ginecológicos uma vez ao ano, no mínimo.

Na Tricomoníase, o agente etiológico (causador da doença) é o protozoário Trichomonas vaginalis, cuja transmissão ocorre através do contato íntimo sem preservativo. O corrimento tem uma tonalidade mais acinzentada, com mau cheiro, por vezes espumoso. Também pode ocorrer dispareunia (dor nas relações sexuais) e disúria (dor ao urinar). O tratamento da tricomaníase também é feito com antibióticos, e deve envolver ambos os parceiros. O tratamento é desaconselhado durante a gravidez.

Sempre que ocorrer sangramento ou corrimento, de qualquer cor ou tipo, procure imediatamente um médico ginecologista para avaliação. Ele poderá fazer o exame para averiguar se você está grávida ou não e lhe dar o tratamento ideal, se for necessário.

Dr. Marcelo Scarpari Dutra Rodrigues
Sensação de peso e pressão na cabeça, sem vontade de fazer as coisas... Resposta da Psicóloga:

É provável que muito dos sintomas seja Psicológico, continue indo no profissional indicado e trabalhando para criar uma rotina que lhe ocupe o tempo, distraindo e cuidando do seu bebê.

Dr. Charles Schwambach