Perguntar
Fechar

Bilirrubina na urina, o que pode ser?

Dra. Rafaella Eliria Abbott Ericksson
Dra. Rafaella Eliria Abbott Ericksson
Clínica médica e Neurologia

Bilirrubina na urina é um sinal de doenças no fígado, na vesícula biliar ou distúrbios no sangue, já que em condições normais a bilirrubina não costuma estar presente na urina. Dentre as doenças que podem aumentar a concentração dessa substância na urina podemos citar: hepatites, cirrose, câncer de fígado, anemia falciforme, tumores ou cálculos biliares, entre outras.

A bilirrubina é um pigmento da bile (líquido produzido pelo fígado), que fica armazenada na vesícula biliar. A maior parte da produção de bilirrubina é proveniente da degradação dos glóbulos vermelhos do sangue, também conhecidos como hemácias ou eritrócitos, que circulam no sangue, e a menor parte é produzida diretamente no fígado.

Assim, quando a bilirrubina está presente na urina, podemos assegurar que a sua concentração no sangue está elevada, o que indica um mau funcionamento do fígado, uma obstrução na vesícula que esteja impedindo o fluxo da bile, uma degradação exagerada de hemácias, ou ainda uma possível lesão hepática.

Quando as taxas de bilirrubina estão altas, além de ser excretada na urina, causando uma coloração escura, esse pigmento também se deposita na pele e na conjuntiva (parte branca dos olhos), resultando em coloração amarelada na pele e nos olhos. É a chamada icterícia.

Contudo, na maioria das vezes, a bilirrubina pode ser detectada no exame de urina mesmo antes da icterícia se manifestar.

Veja também: Bilirrubina alta: o que pode ser?

Para maiores esclarecimentos, fale com o médico que solicitou o exame ou consulte um hepatologista.

Saiba mais em:

Para que serve o exame de bilirrubina no sangue?

Olhos amarelados, o que pode ser?