Perguntar
Fechar

Clareamento dental pode ser feito em casa?

Dra. Juliana Guimarães
Dra. Juliana Guimarães
Doutora em Saúde Pública

O clareamento dental, que pode ser realizado no consultório do dentista ou em casa, consiste em uma técnica utilizada para clarear e remover manchas dos dentes naturais. Porém, mesmo efetuado em casa, o clareamento dental deve ser orientado por um dentista.

É um procedimento bastante comum ser um tratamento restaurador eficiente, não invasivo comumente solicitado pelas pessoas que desejam melhorar a coloração de seus dentes.

Formas de clareamento dental

Clareamento dental a laser
Clareamento a laser

Clareamento caseiro

Há no mercado fitas para clareamento, moldeiras adaptáveis e géis branqueadores que, aplicados conforme a indicação do fabricante, trazem bons resultados estéticos para quem desejar ter dentes mais brancos.

Algumas pessoas fazem clareamento dental em casa utilizando vinagre, água oxigenada e bicarbonato de sódio. Esta mistura, se utilizada incorretamente, pode ser muito abrasiva e provocar o desgaste dentário e aumento da sensibilidade dos dentes. Por este motivo somente deve ser empregada sob orientação do/a dentista.

Clareamento com moldeira

A técnica de clareamento com moldeira pode ser efetuada em casa. Para isto, o dentista desenvolve uma moldeira de silicone que é utilizada juntamente com um gel clareador à base de peróxido de hidrogênio ou peróxido de carbamida. A moldeira com gel clareador deve ser utilizada por algumas horas durante o dia ou à noite e o tratamento dura aproximadamente duas semanas.

Clareamento com laser

O clareamento com laser é feito em consultório pelo/a dentista por meio do uso de luz pulsada. Por meio desta técnica é possível observar o resultado já na primeira sessão. Geralmente se faz em trono de uma ou três sessões para que seja alcançado o grau de branqueamento desejado para os dentes.

Facetas de resina ou porcelana

A aplicação de facetas de resina ou porcelana é também conhecida como aplicação de lentes de contato. Este procedimento é realizado pelo dentista e consiste no revestimento dos dentes com resina ou porcelana. É uma técnica permanente que confere dentes mais brancos e esconde imperfeições.

Quais as contraindicações do clareamento dental?

  • Pessoas alérgicas aos componentes do clareador
  • Mulheres grávidas
  • Pessoas com cáries, inflamações ou outros problemas de gengiva ou em restaurações dentárias
  • Menores de 15 anos
  • Pessoas com placas bacterianas e tártaro

Efeitos colaterais do clareamento dental

  • Sensibilidade dental
  • Irritação nas gengivas: neste caso, observe o uso excessivo de gel clareador ou de problemas de adaptação da moldeira.
  • Desmineralização dos dentes: quando o clareamento dental é utilizado em excesso.

Alimentos a se evitar durante o clareamento dental

Alguns alimentos podem interferir nos resultados do clareamento dental. Como regra geral, evite alimentos coloridos tais como:

  • Vinho tinto
  • Café
  • Chás
  • Beterraba
  • Cenoura
  • Refrigerantes e sucos de frutas ácidas (podem ampliar a sensibilidade dos dentes)

Independente da técnica escolhida para clarear os dentes, o clareamento eficaz e seguro deve ser indicado pelo dentista em uma consulta após avaliação clínica e radiográfica.

Veja também

Água oxigenada clareia os dentes? Faz mal usar na boca?