Perguntar
Fechar

Dormir pouco faz mal à saúde? Quais as consequências?

Dra. Nicole Geovana
Dra. Nicole Geovana
Medicina de Família e Comunidade

Dormir pouco pode fazer mal à saúde. Cada indivíduo possui um padrão de sono e uma necessidade distinta de quantidades de horas dormidas. Por isso, o dormir pouco deve ser particularizado em cada caso e não deve ser entendido de uma forma generalizada. A quantidade de sono que para algumas pessoas pode ser pouca, para outras será o suficiente. O importante é que cada um deve encontrar seu padrão de sono que permita o repouso apropriado e que seja suficiente para continuar acordado e atento nas atividades diárias.

As pessoas que dormem pouco podem apresentar falta de energia, cansaço, fadiga, dificuldade no desempenho das atividades do cotidiano bem como no processamento da memória.

As consequências serão relacionadas às atividades que cada pessoa desenvolve, em casa ou no ambiente de trabalho e no percurso de deslocamento. Pessoas que estão em situação de privação de sono, ou porque dormiu pouco no dia anterior ou porque está sem dormir bem há muitos dias, apresentam maior chance de acidentes de trabalho, acidentes de trânsito, baixo desempenho no trabalho e redução na elaboração da memória.

Leia também: Dormir demais faz mal à saúde?

Se o seu padrão de sono mudou e está sentindo que a quantidade de sono dormida não está sendo suficiente para repousar, é importante refletir sobre as atividades diárias, as pressões do trabalho, das atividades domésticas e buscar uma forma de refazer a rotina e certos hábitos.

Também pode lhe interessar: Sonambulismo: como identificar e tratar?