Perguntar
Fechar

Estou com corrimento marrom mesmo tomando anticoncepcional: o que pode ser e o que fazer?

Dra. Rafaella Eliria Abbott Ericksson
Dra. Rafaella Eliria Abbott Ericksson
Clínica médica e Neurologia

As mulheres que usam anticoncepcional hormonal oral (pílula), especialmente as que estão iniciando o seu uso, podem apresentar um corrimento marrom chamado de escape ou spotting, devido à variação das concentrações de hormônio no corpo.

Este tipo de corrimento (sangramento) ocorre em pouca quantidade e cessa espontaneamente. É também comum no início e no final da menstruação e após as relações sexuais. Geralmente, não está ligado a gravidez.

Se você está apresentando corrimento marrom (sangramento de escape) deve manter o uso do seu anticoncepcional até o final da cartela e conversar com o ginecologista.

Corrimento marrom pode ser gravidez?

O corrimento marrom geralmente não é um sinal de gravidez, principalmente, se você usa anticoncepcional regularmente conforme orientação médica.

No entanto, no início da gestação pode haver um pequeno sangramento, chamado sangramento de nidação, que corresponde à implantação do embrião na parede do útero.

Esse sangramento é de cor rosada, de pequena quantidade e que dura de 2 a 3 dias no máximo. Acredita-se que apenas 20% das mulheres percebam o sangramento de nidação.

Se você está grávida e apresenta corrimento marrom é importante entrar em contato com o obstetra para investigar a sua causa.

Se estou usando anticoncepcional, por que o corrimento marrom acontece?

Este corrimento marrom (sangramento de escape) se deve aos hormônios presentes no anticoncepcional e não oferece riscos à saúde. Ele é bastante comum se você:

  • Está se adaptando ao uso da pílula anticoncepcional,
  • Está trocando de anticoncepcional ou
  • Parou de usar pílula e está retomando o uso.

Nestes casos, ocorre uma variação da quantidade de hormônios, especialmente a progesterona, no corpo da mulher o que provoca o sangramento marrom.

O que devo fazer?

Mesmo que você esteja apresentando sangramento, é importante que mantenha o uso do anticoncepcional de acordo com a orientação do ginecologista.

A tendência é que o corpo se adapte ao medicamento e o sangramento de escape cesse de forma espontânea. Isto ocorre cerca de três meses após o início do uso do anticoncepcional, após a sua troca ou retomada.

Esquecer de tomar o anticoncepcional é um fator que pode fazer com que o sangramento permaneça por mais tempo. Para evitar que isto aconteça, tome a medicação diariamente no mesmo horário. Isto reduz a chance de esquecê-lo.

No caso do sangramento não cessar ou esse efeito colateral causar grande impacto na sua qualidade de vida, converse com o ginecologista para avaliar a troca da medicação.

Quando devo me preocupar?

Você deve procurar um ginecologista ou médico de família se:

  • O corrimento marrom (sangramento de escape) incomodar muito e você pensar em suspender o uso do anticoncepcional,
  • Se o corrimento tiver cheiro mau cheiro,
  • Se apresentar coceira na vagina,
  • Se o sangramento for abundante e acompanhado de sangue vermelho vivo e/ou
  • Se sentir cólica ou dor abdominal.

Nestas situações é possível, através do exame ginecológico, que o médico observe o canal vaginal, o colo do útero e o aspecto do corrimento para definir o tratamento mais adequado para você.

Não utilize creme vaginais ou outros medicamentos sem indicação médica.

Para saber mais sobre corrimento marrom e sangramentos de escape pode ler:

Tomo injeção e começou a sair uma borra marrom... o que é isso, há algum problema?

Menstruação não veio, no lugar dela uma borra marrom...

Corrimento marrom, o que pode ser?

Referência:

Federação Brasileira das Associações de Ginecologia e Obstetrícia.