Hidroquinona: para que serve, como usar e quais os efeitos colaterais?

Dra. Rafaella Eliria Abbott Ericksson
Dra. Rafaella Eliria Abbott Ericksson
Clínica médica e Neurologia

A hidroquinona é uma pomada indicada para clarear gradualmente manchas escuras na pele, principalmente causadas pela exposição ao sol ou por fontes artificiais de radiação, sobretudo no rosto. Podem aparecer em homens ou mulheres, e nas mulheres, essas manchas são mais comuns na gravidez ou devido ao uso de pílula anticoncepcional.

A hidroquinona também é usada para clarear sardas e manchas marrons provocadas pelo sol em outras áreas expostas à luz solar, como dorso das mãos e antebraço.

Para que serve hidroquinona

Como a hidroquinona funciona?

A hidroquinona clareia gradualmente as manchas na pele causadas pelo sol. A pomada tem 3 filtros solares que reduzem a ação nociva da radiação solar, conferindo um FPS (Fator de Proteção Solar) de valor 15. Contudo, a hidroquinona não deve ser usada como protetor solar.

Como usar hidroquinona?

Recomenda-se aplicar uma fina camada de pomada sobre a mancha, duas vezes ao dia ou conforme indicação médica.

Durante o tratamento com hidroquinona, deve-se evitar a exposição ao sol. Sempre que houver necessidade de se expor à luz do sol, está recomendado aplicação de bloqueador solar, com filtro de fator 50 para evitar o escurecimento da pele.

Depois que a pele já estiver mais clara, recomenda-se proteger os locais que foram tratados através do uso diário de protetor solar ou roupas que cubram essas áreas. O objetivo dessa proteção é evitar a repigmentação da pele nas áreas que foram clareadas.

Quais são as contraindicações da hidroquinona?

A hidroquinona é contraindicada para pessoas com hipersensibilidade à substância ou a algum dos componentes da fórmula da pomada, bem como para menores de 12 anos de idade.

Para testar se a pessoa é ou não alérgica à pomada, recomenda-se aplicar um pouco do creme numa pequena área íntegra da pele, que pode ser na própria mancha ou numa área próxima à mesma. Depois da aplicação, deve-se aguardar 24 horas.

Se aparecer uma ligeira vermelhidão na pele, não é propriamente uma contraindicação ao uso de hidroquinona. Porém, o uso da pomada deve ser interrompido em caso de formação de bolhas, vermelhidão intensa, ardência ou presença de coceira.

O uso de hidroquinona deve ficar restrito a pequenas áreas do corpo, não deve ser usada em áreas muito extensas, nem deve entrar em contato com os olhos.

Da mesma forma, não deve ser aplicada em caso de pele irritada ou com presença de queimaduras causadas pelo sol.

Mulheres grávidas só devem utilizar hidroquinona sob orientação médica.

Quais são os efeitos colaterais da hidroquinona?

Os efeitos colaterais mais comuns da hidroquinona incluem vermelhidão, coceira, descamação, inflamação, formação de pequenas bolhas e ligeira queimação.

O uso prolongado de hidroquinona, ou sem o devido acompanhamento do profissional médico, pode levar à hiperpigmentação da pele, deixando o local da aplicação com coloração marrom ou preto-azulada, ou até mancha "branca". Isso ocorre sobretudo em pessoas com pele pouco sensível ao sol, ou pelo uso incorreto do produto.

Na presença de qualquer efeito colateral, suspenda o uso de hidroquinona e entre em contato com o médico que receitou o medicamento. Para maiores esclarecimentos sobre o uso de hidroquinona, consulte um médico dermatologista.

Leia também:

Água oxigenada com bicarbonato de sódio clareia manchas na pele?

Existe alguma forma de clarear manchas escuras na pele?