Melena (fezes escuras): o que é? Quais são as causas?

Dra. Rafaella Eliria Abbott Ericksson
Dra. Rafaella Eliria Abbott Ericksson
Clínica médica e Neurologia

A melena se caracteriza por fezes escuras, normalmente de consistência pastosa, com aspecto brilhante, semelhante à borra de café ou petróleo e com odor fétido muito forte.

Trata-se de um sinal típico de hemorragia digestiva alta, ou seja, sinal de sangramento no trato gastrointestinal alto (esôfago, estômago ou intestino delgado).

A aparência deste sangramento se dá pelo fato de a hemorragia ocorrer no início do trato digestivo e passar por todo o processo de digestão antes de ser eliminado nas fezes.

Por isso, a melena só é observada nos casos de sangramento moderado ou grave. Quando o sangramento é pequeno, acaba por ser absorvido durante todo o trajeto, ou é tão discreta que se torna imperceptível a olho nu, sendo necessário um exame de laboratório para essa pesquisa, o teste de sangue oculto nas fezes.

Quais são as causas da melena?

Em geral, a melena é consequência de hemorragias no estômago ou duodeno. São várias as doenças que podem levar a essa agressão e consequente sangramento, como as doenças citadas abaixo.

  • Gastrite aguda,
  • Úlcera gástrica,
  • Úlcera duodenal,
  • Esofagite de refluxo,
  • Varizes de esôfago,
  • Câncer,
  • Abuso de medicamentos, especialmente, quando ingeridos em jejum (anti-inflamatórios, analgésicos, antitérmicos).

Melena tem tratamento?

Sim. O principal objetivo do tratamento da melena é detectar rapidamente a causa da hemorragia para interromper o sangramento.

Nos casos mais leves, por exemplo, sangramento de varizes esofágicas ou úlcera pequena, é possível tratar por meio de endoscopia digestiva alta, inserindo balão esofágico, que comprime das varizes, ou suturando (costurando) a úlcera.

Nos casos mais graves ou de instabilidade clínica, pode ser necessário um procedimento cirúrgico de urgência, entretanto são casos mais raros.

Existe prevenção para a melena?

Prevenir a melena implica em prevenir as hemorragias digestivas altas. Para isto é necessário:

  • Evitar a automedicação, especialmente, com menor uso de anti-inflamatórios;
  • Buscar ajuda médica rapidamente se observar a presença de melena, dor, desconforto ou vômitos constantes;
  • Evitar hábitos como o tabagismo e consumo excessivo de bebidas alcoólicas;
  • Se houver indicação médica para uso de anti-inflamatório por tempo prolongado, avaliar a necessidade de fazer uso de um antiácido associado;
  • Higienizar verduras, frutas e legumes com hipoclorito de sódio para evitar bactérias;
  • Alimentar-se adequadamente, evitar o jejum.

Pode lhe interessar também:

Fezes escuras com sangue, o que é?

Sangue nas fezes, o que pode ser?