Perguntar
Fechar

Apneia do sono: o que é e quais são os sintomas?

A apneia do sono ou síndrome de apneia e hipopnéia obstrutiva do sono (SAHOS) é caracterizada por colapsos recorrentes da região faríngea durante o sono, que impedem a adequada entrada de oxigênio nos pulmões.

Quais são os sintomas da apneia do sono?

A apneia do sono acontece devido a inadequada oxigenação pulmonar, que leva à diminuição da concentração de oxigênio no sangue e ao acúmulo de gás carbônico (hipoxemia e hipercapnia, respectivamente). Tais alterações levam a repercussões em diversos sistemas e a uma multiplicidade de sintomas:

  • ronco;
  • episódios de interrupção da respiração durante o sono;
  • acordar com sensação de sufocamento;
  • boca seca pela manhã e/ou dor de garganta;
  • impotência sexual;
  • cansaço;
  • sonolência diurna excessiva;
  • irritabilidade;
  • depressão;
  • cefaleia matinal.

Quais os riscos da apneia do sono?

A apneia do sono pode levar ao desenvolvimento de doenças crônicas, como diabetes mellitus tipo 2, hipertensão arterial e obesidade, além de elevar o risco de acidentes no trabalho e no trânsito. Também é considerada fator de risco independente para doenças cardiovasculares e acidente vascular encefálico isquêmico.

Em caso de suspeita de apneia do sono, um médico (preferencialmente um otorrinolaringologista, neurologista ou pneumologista), com especialização em medicina do sono, deverá ser consultado.

Ele poderá avaliar detalhadamente, através de anamnese, exame físico e eventuais exames complementares, qual é o seu diagnóstico correto, orientá-lo e prescrever o melhor tratamento, caso a caso.

Veja também: A apneia do sono tem cura? Qual é o tratamento para apneia do sono?