Perguntar
Fechar

O que é febre maculosa e quais os sintomas?

Febre maculosa é uma doença infecciosa grave, transmitida pela picada de carrapatos infectados por bactérias do gênero Rickettisia. A bactéria ataca a parede interna dos vasos sanguíneos, o que pode trazer sérias complicações e causar a morte se a doença não for tratada a tempo.

No Brasil, a febre maculosa é causada pela bactéria Rickettsia rickettsii e transmitida pelo carrapato Amblyomma cajennense, mais conhecido como carrapato-estrela.

Os sintomas da febre maculosa começam de forma súbita, com febre alta, dor de cabeça e calafrios, podendo ocorrer também fortes dores musculares, prostração, hemorragias, náuseas e vômitos.

Entre o 3º e o 5º dia surgem as manchas vermelhas na pele (máculas). Daí a doença ser chamada de febre "maculosa".

As máculas aparecem primeiro nas extremidades, como punhos e tornozelos, irradiando depois para tronco, rosto, pescoço, palmas das mãos e solas dos pés.

É importante lembrar que as manchas nem sempre estão presentes ou podem não ser identificadas facilmente, sobretudo em pessoas idosas ou de pele negra.

Outros sinais comuns da febre maculosa incluem:

  • Agitação psicomotora;
  • Inchaço na face, principalmente nos olhos;
  • Inchaço nas pernas, que ficam brilhantes;
  • Tosse;
  • Hipotensão arterial (pressão baixa).

A febre maculosa também pode cursar de forma assintomática ou manifestar sintomas mais brandos.

Quando a doença é diagnosticada e tratada precocemente, a morte é pouco comum. Porém, sem um tratamento adequado, a febre maculosa pode ser fatal em mais de 80% dos casos, causando danos no sistema nervoso central e em diversos órgãos internos .

Como ocorre a transmissão da febre maculosa?

A transmissão da febre maculosa ocorre pela picada do carrapato infectado, sem chances de ser transmitida de pessoa para pessoa.

Para transmitir a doença, o carrapato tem ficar agarrado à pele durante cerca de 4 horas. Se o animal for esmagado e a pessoa tiver lesões na pele, o contágio pode ocorrer nesse momento.

Ao contrair a doença, a maioria das pessoas adquire imunidade contra a bactéria e dificilmente terá febre maculosa mais do que uma vez.

Como é o tratamento da febre maculosa?

O tratamento da febre maculosa é feito com antibióticos, uma vez que a doença é causada por bactérias. Porém, é fundamental que o tratamento seja iniciado logo nos primeiros dias da doença.

A partir do 7º dia, as lesões que a bactéria causa nas paredes dos vasos sanguíneos podem ser irreversíveis e a morte já não pode ser evitada.

Por isso é muito importante que a febre maculosa seja diagnosticada e tratada precocemente, o que nem sempre acontece, uma vez que os seus sintomas são muitas vezes confundidos com outras doenças, como dengue, por exemplo.

Leia também: Qual o tratamento para febre maculosa?

Procure atendimento médico com urgência em caso de suspeita de febre maculosa e relate ao médico se esteve em locais onde há cavalos e animais silvestres ou em regiões com casos registrados de febre maculosa.