Perguntar
Fechar

O que é parto humanizado?

Parto humanizado é um parto em que as condutas e as atitudes profissionais estão centralizados nas necessidades da mulher. No parto humanizado, as intervenções ou os procedimentos são realizados apenas quando existe uma indicação real e não por rotina.

A Organização Mundial da Saúde define algumas atitudes que os profissionais devem ter e os direitos da mulher durante um parto humanizado:

  • Atitudes dos profissionais:

    • Respeitar a vontade da mulher de ter um(a) acompanhante da sua escolha durante o trabalho de parto e parto;
    • Monitorar o bem-estar físico e emocional durante todo o processo;
    • Responder às informações e explicações solicitadas;
    • Permitir que a mulher caminhe durante o período de dilatação e fique na posição que desejar no momento da expulsão;
    • Orientar e oferecer formas de aliviar a dor durante o trabalho de parto, como massagem, banho morno e outras técnicas de relaxamento;
    • Permitir o contato de pele com pele entre mãe e bebê e o início da amamentação logo após o nascimento;
    • Ter normas de procedimentos e acompanhar a evolução do parto pelo partograma, oferecer alojamento conjunto e estimular o aleitamento materno.
  • Direitos da mulher:
    • Estar acompanhada durante o trabalho de parto e parto por alguém escolhido por ela;
    • Conhecer a identidade do profissional;
    • Receber informações sobre os procedimentos que serão realizados com ela e com o bebê;
    • Receber alimentos e líquidos, sem excessos, durante o trabalho de parto;
    • Caminhar e se movimentar durante o trabalho de parto;
    • Receber massagens ou outras técnicas de relaxamento;
    • Tomar banhos mornos;
    • Adotar a posição que quiser no momento da expulsão;
    • Receber o bebê para mamar logo após o nascimento;
    • Ser chamada pelo nome.

Os profissionais devem respeitar o tempo, os limites, os desejos, a ansiedade e a expectativa da mulher durante todo o trabalho de parto e parto propriamente dito.

A figura central no parto humanizado é a mulher, que deve ter autoridade sobre o seu próprio
corpo e também sobre o processo do nascimento.

O profissional que está dando assistência à parturiente deve chamá-la pelo nome, explicar em cada momento o que está acontecendo e orientá-la, bem como a sua família, o máximo possível.

O principal objetivo do parto humanizado é resgatar o nascimento pela sua simplicidade e promover mudanças no comportamento e nas atitudes dos profissionais envolvidos no processo.

Mais sobre o assunto em: Quais as vantagens e desvantagens do parto humanizado?