Perguntar
Fechar

Posso tomar vacina da gripe se eu estiver gripado?

Dra. Nicole Geovana
Dra. Nicole Geovana
Medicina de Família e Comunidade

Sim, desde que não esteja com febre, pode tomar a vacina da gripe se estiver gripado. Porém, é importante lembrar que a vacina não vai aliviar os sintomas da gripe já instalada, nem curá-la.

O objetivo de tomar a vacina contra a gripe é prevenir novos casos quando houver um surto. Se a pessoa já estiver contaminada com o vírus, a dose não vai fazer efeito contra essa infecção.

A vacina da gripe também não provoca gripe. Ela é produzida com vírus mortos, incapazes de causar a doença. Portanto, se a pessoa estiver gripada, não apresentar febre e decidir tomar a vacina, ela não vai ficar mais doente por isso.

Vacina da gripe: quem pode tomar e quais os efeitos colaterais

Quem não pode tomar a vacina da gripe?

A vacina contra a gripe é contraindicada para pessoas alérgicas à proteína do ovo, que é usada na sua fabricação. Indivíduos que já tiveram uma reação alérgica depois de comer ovo não devem se vacinar. No entanto, esse tipo de alergia é bastante raro.

Quem já teve reações adversas a algum dos componentes da vacina também não deve se vacinar. Nestes casos, é recomendável uma avaliação médica para saber se é seguro ou não tomar a vacina.

Fora nessas situações excepcionais, praticamente qualquer pessoa com mais de 6 meses de idade pode tomar a vacina da gripe. Contudo, existem grupos de risco que têm prioridade em tomar a vacina, devido à maior chance de adquirirem a forma mais grave da gripe, que pode ser fatal. Segundo a Organização Mundial de Saúde (OMS), fazem parte desses grupos:

  • Crianças entre os 6 meses e os 5 anos de idade;
  • Pessoas a partir dos 60 anos de idade;
  • Profissionais de saúde;
  • Povos indígenas;
  • Gestantes;
  • Mulheres no pós-parto;
  • Presos e funcionários do sistema prisional;
  • Pessoas com doenças respiratórias, cardíacas, renais, hepáticas e neurológicas, diabetes, obesidade, imunidade baixa e transplantadas.

A vacinação tem o objetivo de prevenir os casos graves de gripe e as mortes, mas não evita a transmissão do vírus. Por isso, esses grupos têm prioridade nas campanhas de vacinação, por serem mais susceptíveis a complicações, como a pneumonia bacteriana.

Quais os efeitos colaterais da vacina da gripe?

Os efeitos colaterais mais comuns da vacina da gripe estão relacionados com a injeção e incluem dor, vermelhidão e endurecimento no local da aplicação. Essas reações ocorrem em até 20% das pessoas vacinadas e normalmente desaparecem depois de 48 horas.

O aparecimento de abscessos geralmente está relacionado com alguma infecção secundária ou a erros na aplicação da injeção.

Menos de 1% das pessoas que tomam a vacina da gripe apresentam febre, mal estar e dores musculares. Esses efeitos colaterais podem ocorrer de 6 a 12 horas após a aplicação da vacina e, quando presentes, duram no máximo 2 dias.

As reações de hipersensibilidade (anafiláticas) são extremamente raras e podem ser desencadeadas por qualquer um dos componentes da vacina.

Em todo caso, para avaliar o risco benefício de tomar a vacina da gripe estando gripado, o melhor é falar com o/a médico/a de família ou clínico/a geral.