Perguntar
Fechar

Quais os sintomas da retocolite ulcerativa?

Os sintomas​ da retocolite ulcerativa idiopática (RCIU) são parecidos com os de outras doenças intestinais. No início do quadro, há uma crescente urgência para defecar, cada vez mais frequente, com vontade intensa logo após comer. Surgem leves cólicas abdominais baixas e aparece pequena quantidade de muco e sangue nas fezes.

Com a evolução da doença, os episódios de diarreia tornam-se frequentes com maior quantidade de sangue, muco ou pus (os episódios variam em intensidade e duração e são intercalados por períodos em que o paciente está bem, sem sintomas). A dor abdominal torna-se mais intensa e pode haver febre e toxemia nos casos mais graves.

Menos comumente, a RCIU pode ter início agudo e fulminante, com diarréia súbita, violenta e síndrome febril.

Quando a doença está confinada ao retossigmoide, pode haver constipação (fezes normais ou endurecidas).

Em casos mais avançados, os sintomas estendem-se a outros locais, sendo os mais comuns listados abaixo:

  • Manifestações articulares: Ocorrem em cerca de 25% dos doentes. Variam de artralgia a artrite aguda, com dor e edema articular.
  • Manifestações cutâneo-mucosas: Ocorrem em cerca de 15% dos pacientes, e incluem eritema nodoso, pioderma gangrenoso, lesões labiais e úlceras aftosas orais.
  • Manifestações oculares: Em 5% dos casos - uveíte, conjuntivite e episclerite.

Em caso de suspeita de RCIU, o médico deve ser prontamente consultado para investigação da causa e tratamento.