Perguntar
Fechar

Qual é o tratamento para os transtornos de personalidade?

O tratamento para os transtornos de personalidade pode incluir psicoterapia, medicamentos, terapia familiar e alteração das rotinas.

O tratamento de escolha para os transtornos de personalidade é a psicoterapia cognitiva-comportamental. O tempo de duração é longo, podendo levar anos, e requer grande esforço por da parte do terapeuta.

A psicoterapia é fundamental para o sucesso do tratamento dos transtornos de personalidade, pois ajuda o paciente a identificar a sua instabilidade e monitorá-la para mudar o padrão de comportamento e desenvolver autocontrole.

No entanto, pessoas com transtornos de personalidade geralmente têm resistência em aceitar o tratamento psicoterápico. Os resultados são pouco satisfatórios e as mudanças são bastante limitadas.

Os medicamentos usados no tratamento dos transtornos de personalidade servem para controlar depressões, psicoses, ansiedade, impulsividade, entre outros distúrbios.

Casos de transtornos borderlines (fronteiriços) e esquizotípicos podem ser tratados com neurolépticos, já que esses indivíduos muitas vezes manifestam paranoias, dificuldades de comunicação, entre outros sintomas psicóticos.

Os indivíduos borderlines instáveis e os antissociais com dificuldade em controlar os impulsos podem se beneficiar do tratamento com medicamentos antidepressivos. O objetivo é controlar os impulsos suicidas, que apresentam alta prevalência nesses tipos de transtornos de personalidade.

Já os anticonvulsivantes podem ser usados para tratar os comportamentos impulsivos e automutiladores.

O psiquiatra é o especialista responsável pelo tratamento dos transtornos de personalidade.

Saiba mais em:

Qual é o tratamento para o transtorno da personalidade esquiva?

Transtorno de personalidade é uma doença mental?

Quais os tipos de transtorno de personalidade e suas características?

Quais os sintomas dos transtornos de personalidade?