Perguntar
Fechar

Anemia Falciforme

Anemia falciforme tem cura? Como é o tratamento?
Dra. Nicole Geovana
Dra. Nicole Geovana
Medicina de Família e Comunidade

A anemia falciforme não tem cura, porém, ao ser detectada é possível realizar um acompanhamento constante capaz de levar a uma boa qualidade de vida.

O objetivo do tratamento da anemia falciforme é controlar as crises dolorosas que a pessoa pode apresentar, além de prevenir possíveis infecções advindas em diversos órgãos.

Para isso, a pessoa deverá ter uma alimentação saudável, proteger devidamente os membros inferiores contra possíveis feridas fazendo uso de meias e sapatos adequados.

Além disso, é fundamental manter uma boa hidratação com a ingestão de água e outros líquidos.

Nos momentos de dor, é indicado uso de analgésicos e anti-inflamatórios para o controle da dor. Em algumas situações, poderá ser necessária a transfusão de sangue.

O transplante de medula óssea tem demonstrado uma via importante para o tratamento e cura da doença, porém, pela dificuldade em encontrar doadores compatíveis, essa opção não é válida para todas as pessoas portadoras de anemia falciforme.

O que é anemia falciforme?
Dra. Nicole Geovana
Dra. Nicole Geovana
Medicina de Família e Comunidade

Anemia falciforme é uma doença hereditária que afeta as células vermelhas do sangue. Essas células, conhecidas como hemácias, são responsáveis pelo transporte do oxigênio para os diversos tecidos do corpo.

A pessoa com anemia falciforme apresenta um formato diferente de hemácia que fica em forma de foice. Com essa alteração no formato, o transporte do oxigênio fica limitado e a pessoa poderá apresentar certas complicações.

Ao nascer, a anemia falciforme pode ser diagnosticada pelo teste do pezinho. Nas demais idades, a anemia falciforme poderá ser investigada a partir do quadro clínico e confirmada por exames laboratoriais, como por exemplo, a eletroforese de hemoglobina.

A anemia falciforme pode causar diversos sintomas, entre eles:

  • Crises dolorosas;
  • Dores articulares;
  • Palidez;
  • Cansaço;
  • Icterícia;
  • Atraso no crescimento;
  • Feridas nas pernas.

A partir do diagnóstico de anemia falciforme, a pessoa deverá ser acompanhada continuamente para manter uma qualidade de vida adequada, controlar as dores e prevenir infecções.

Saiba mais em: Quais são os tipos de anemia e seus sintomas?

Quais são os sintomas da anemia falciforme?
Dra. Nicole Geovana
Dra. Nicole Geovana
Medicina de Família e Comunidade

Os sintomas da anemia falciforme podem ser:

  • Crises dolorosas provocadas pela oclusão dos vasos sanguíneos;
  • Dor articular;
  • Falta de ar;
  • Palidez;
  • Cansaço;
  • Icterícia;
  • Febre;
  • Taquicardia;
  • Úlceras nas pernas;
  • Priapismo (ereção peniana não relacionada ao estímulo prazeroso);
  • Redução da acuidade visual, podendo levar à cegueira;
  • Inchaço nas mãos e pés, principalmente em crianças;
  • Aumento do baço;
  • Desmaio;
  • Atraso no crescimento e maturação sexual;
  • Infecções diversas;
  • Acidente Vascular Cerebral (AVC);
  • Problemas neurológicos, cardiovasculares, renais e pulmonares;
  • Cálculos biliares.

Anemia falciforme é uma doença hereditária que afeta as células vermelhas do sangue.

O teste do pezinho que é ofertado gratuitamente pelo Sistema Único de Saúde (SUS) é uma importante ferramenta de detecção precoce da anemia falciforme.

Leia também:

O que é anemia falciforme?