Perguntar
Fechar

Artrite Reumatóide

Artrite reumatoide tem cura? Qual o tratamento?
Dr. Marcelo Scarpari Dutra Rodrigues
Dr. Marcelo Scarpari Dutra Rodrigues
Médico

A artrite reumatoide não tem cura definitiva. Contudo, o seu tratamento geralmente é efetivo, pois preserva a capacidade funcional, evita a progressão das deformidades e pode cessar os sintomas.

A artrite reumatoide, também conhecida como artrite degenerativa, artrite anquilosante, poliartrite crônica evolutiva (PACE) ou artrite infecciosa crônica é uma doença inflamatória autoimune e crônica. 

A artrite reumatoide afeta as membranas sinoviais (camada fina de tecido conjuntivo) de várias articulações (mãos, ombros, coluna cervical, cotovelos, punhos, joelhos, tornozelos, pés) e órgãos como o coração, os pulmões e os rins dos indivíduos que têm uma predisposição genética. Com a progressão, podem ocorrer deformidades, com comprometimento da função dos membros (movimentos).

Quais são as causas da artrite reumatoide?

Ainda não se conhecem as causas exatas da artrite reumatoide, mas sabe-se que afeta as mulheres duas vezes mais do que os homens e ocorre principalmente entre os 50 e os 70 anos. 

Entretanto, pode manifestar-se em qualquer idade e em ambos os sexos. A forma juvenil tem início antes dos 16 anos. Acomete um número de articulações menor e há menos alterações em exames de sangue

Qual é o tratamento para artrite reumatoide?

O tratamento da artrite reumatoide inclui o uso de medicamentos específicos, fisioterapia, exercícios e cirurgia. O tratamento deve ser mantido durante toda a vida. Os medicamentos são prescritos conforme o quadro clínico de cada doente.

Os medicamentos mais usados para tratar a artrite reumatoide são os anti-inflamatórios não esteroides, os corticoides, medicamentos imunossupressores e  fármacos antirreumáticos modificadores da doença (FARMD). Há alguns medicamentos mais recentes, baseados em biologia molecular, que trazem novas possibilidades terapêuticas.

Os principais objetivos dos medicamentos e do tratamento da artrite reumatoide são aliviar os sintomas (principalmente a dor), o processo inflamatório, evitar ou retardar deformidades e melhorar a qualidade de vida da pessoa.

Em estágios mais avançados da doença, pode-se realizar cirurgia e/ou colocação de próteses articulares.

O repouso só deve ser indicado por pouco tempo e quando os pacientes apresentam dor intensa. As atividades físicas e a fisioterapia são fundamentais no controle do comprometimento das articulações e perda da mobilidade.

Quanto mais cedo o tratamento da artrite reumatoide começar, melhor será a resposta em retardar a destruição dos componentes articulares.

O prognóstico será melhor se a doença for diagnosticada precocemente e o tratamento iniciado o quanto antes. Com o tratamento adequado, é possível obter a remissão dos sintomas, preservar a capacidade funcional e evitar a progressão das deformidades.

O médico reumatologista é o especialista responsável pelo diagnóstico e tratamento da artrite reumatoide.

Fiz um exame artrite reumatoide - látex, o que eu tenho?
Dr. Charles Schwambach
Dr. Charles Schwambach
Médico

Por enquanto você somente tem o resultado de um exame, precisa voltar ao médico para ele interpretar esse resultado baseado no motivo que fez ele pedir esse exame.

Quais os sintomas da artrite reumatóide?
Dr. Marcelo Scarpari Dutra Rodrigues
Dr. Marcelo Scarpari Dutra Rodrigues
Médico

Os sintomas da artrite reumatóide são diversos. No início da doença, os sintomas geralmente ocorrem lentamente e são confundidos com os de outras doenças, embora possam ocorrer de forma abrupta.

Os sintomas mais comuns são:

  • Rigidez matinal (que regride durante o dia);
  • Diminuição do apetite;
  • Cansaço;
  • Mal-estar;
  • Perda de peso;
  • Febre baixa;
  • Inchaço nas juntas das mãos, punhos, joelhos e pés (sendo que estas articulações se deformam com a evolução da doença).

O acometimento das articulações é geralmente simétrico e estas podem apresentar sinais inflamatórios intensos, tais como: aumento de temperatura local, inchaço, vermelhidão e dor, além da rigidez matinal supracitada.

Os sintomas extra-articulares mais comuns são:

  • Anemia;
  • Cansaço extremo;
  • Perda de peso;
  • Pericardite;
  • Pleurite;
  • Perda de apetite;
  • Nódulos subcutâneos.
Critérios Diagnósticos

Para se fazer o diagnóstico de artrite reumatóide é necessário que estejam presentes quatro ou mais dos seguintes critérios e que estes perdurem por pelo menos 6 semanas:

  • Rigidez matinal (dificuldade de movimentação ao acordar) com duração superior a uma hora por dia;
  • Artrite de três ou mais áreas, com sinais inflamatórios;
  • Artrite das articulações das mãos ou punhos (Pelo menos 1 área com edema em punho, metacarpofalangeana ou interfalangeana distal);
  • Artrite simétrica - Envolvimento simultâneo bilateral (para as metacarpofalangeanas e interfalangeanas proximais, não precisa haver simetria perfeita);
  • Nódulos reumatóides;
  • Fator reumatóide sérico positivo;
  • Alterações radiográficas, tais como: erosões ou descalcificações articulares.

Em caso de suspeita de artrite reumatóide, um médico (preferencialmente um reumatologista) deverá ser consultado para investigação e tratamento.

Também pode lhe interessar:

O que é artrite reumatoide?

O que é artrite?

O que é artrite reumatoide?
Dra. Nicole Geovana
Dra. Nicole Geovana
Medicina de Família e Comunidade

Artrite reumatoide é uma doença inflamatória crônica que acomete sobretudo as articulações das mãos e dos punhos. Trata-se de uma doença autoimune, ou seja, o sistema imunológico ataca o próprio corpo, causando inflamação da articulação e destruição da cartilagem.

A causa da artrite reumatoide não é conhecida, mas sabe-se que ocorre principalmente em mulheres com mais de 40 anos. Embora seja mais comum em mãos e punhos, pode acometer qualquer articulação do corpo.

Os principais sintomas da artrite reumatoide são dor, inchaço, rigidez matinal, calor e vermelhidão na articulação afetada. Com a evolução da doença, a cartilagem articular é destruída e podem surgir deformidades que impedem a realização de atividades diárias.

As deformidades surgem com mais frequência nas articulações próximas às extremidades, como dedos das mãos, dedão do pé (joanete) e punho.

Leia também: Quais os sintomas da artrite reumatóide?

Em casos mais raros, a artrite reumatoide pode provocar alterações em outros sistemas e órgãos do corpo. A Síndrome de Felty, por exemplo, pode causar diminuição dos glóbulos brancos e aumento do baço e dos linfonodos, também conhecidos como gânglios linfáticos.

O tratamento da artrite reumatoide varia de acordo com a fase da doença, podendo incluir medicamentos anti-inflamatórios, analgésicos, corticoides, imunossupressores e biológicos, fisioterapia, terapia ocupacional e cirurgia.

Saiba mais em: Artrite reumatóide tem cura? Qual o tratamento?

O objetivo do tratamento é diminuir a dor, a inflamação e o inchaço, além de manter ou recuperar os movimentos da articulação.

O/a médico/a reumatologista é o/a especialista responsável pelo diagnóstico e tratamento da artrite reumatoide.

Também pode lhe interessar: 

O que é artrite?

O que é artrite psoriática? Quais são os sintomas e como tratar?

Artrite idiopática juvenil: Quais são os sintomas e como é o tratamento?

O que é artrite séptica e como é o tratamento?

O que é artrite reativa?