Perguntar
Fechar
Sinto azia e quando durmo acordo na madrugada com gases...
Dra. Janyele Sales
Dra. Janyele Sales
Medicina de Família e Comunidade

É algum problema digestivo, provavelmente trata-se de uma síndrome dispéptica, doenças do refluxo gastroesofágico ou mesmo hérnia de hiato são causas possíveis, no entanto, é importante consulta um médico para uma avaliação mais detalhada dos sintomas e assim chegar ao melhor diagnóstico e tratamento.

O que é a azia e quais são as suas causas?

A azia é um sintoma que corresponde a sensação de queimação ou ardência, geralmente na região denominada epigástrio (boca do estômago), mas pode atingir também a região retroesternal (area no meio do peito) e a região anterior do pescoço até a garganta.

Na maioria das vezes a azia faz parte de um conjunto de sintomas chamados de dispepsia, popularmente chamado de má digestão, que inclui dor ou desconforto abdominal, sensação de empachamento , náuseas, vômitos, eructações e perda de apetite. Frequentemente as pessoas também podem queixar-se de gases.

As principais causas de azia e síndrome dispéptica são o refluxo gastroesofágico, gastrite e esofagite. Mais raramente também pode estar associada a casos de úlcera péptica e câncer de estômago ou esôfago.

Uma causa comum de refluxo gastroesofágico é a presença de hérnia de hiato, que é a passagem de parte do estômago para cima do diafragma.

Qual o tratamento da azia?

O tratamento da azia geralmente inclui mudanças alimentares e eventualmente uso de medicamentos, como os inibidores de bomba de prótons (omeprazol, pantoprazol, entre outros).

As principais medidas dietéticas de controle da azia são:

  • Evitar café (mesmo descafeinado);
  • Evitar o consumo de álcool e tabaco;
  • Evitar o consumo de alimentos cítricos, picantes ou gordurosos;
  • Controlar o estresse.

Para mais esclarecimentos consulte um médico de família ou clinico geral.

É normal ter azia durante a gravidez?
Dra. Ângela Cassol
Dra. Ângela Cassol
Médico

A azia na gravidez é um sintoma bastante comum e ocorre por alguns motivos:

  • Com o aumento do útero durante a gravidez, o estômago e os intestinos ficam comprimidos dentro do abdome, o que torna a digestão mais lenta e aumenta a chance de ocorrer refluxo dos ácidos gástricos para o esôfago;
  • Na gravidez, há maior produção de um hormônio chamado progesterona, que relaxa o esfincter do estômago que impede o refluxo dos ácidos gástricos para o esôfago.

Para amenizar os sintomas da azia, há algumas medidas simples que podem ser feitas por qualquer grávida:

  • evitar o consumo de alimentos gordurosos, frituras, refrigerantes, chocolate, cafeína, frutas cítricas, vinagre, molho de tomate e álcool;
  • evitar o consumo de líquidos durante as refeições;
  • alimentar-se várias vezes ao dia, com pequenas quantidades de alimentos;
  • evitar deitar-se após uma hora das refeições.

É importante evitar o uso de medicações durante a gestação. Se essas medidas não forem suficientes para amenizar os sintomas, a grávida deve procurar seu obstetra e não tomar quaisquer remédios sem prescrição médica.