Perguntar
Fechar

Cefaleia

Dores de cabeça constante com náuseas e tontura...
Dr. Charles Schwambach
Dr. Charles Schwambach
Médico

Pode ser por causa da sinusite ou pode ser uma enxaqueca que na maioria das vezes está associada com o emocional da pessoa. Dores de cabeça desse tipo sem nada nos exames, na maioria das vezes está associada com quadros de estresse, depressão ou ansiedade.

Enxaqueca: causas, sintomas e tratamento
Dr. Charles Schwambach
Dr. Charles Schwambach
Médico

A enxaqueca é uma doença neurológica, caracterizada por crises fortes de dor de cabeça. 

O primeiro passo no caminho do tratamento da enxaqueca é o seu correto diagnóstico e para o correto diagnóstico da enxaqueca é preciso conhecer os sintomas da enxaqueca para diferenciar a enxaqueca das outras causas de cefaleia. 

Muito comum é a confusão entre enxaqueca e as outras formas de cefaleia ou dor de cabeça. A cefaleia é apenas um sintoma que pode aparecer isolado ou aparecer em conjunto com outros sintomas em um grande número de doenças como a gripe, hipertensão arterial, meningite ou tumor cerebral e até mesmo na própria enxaqueca, para citar apenas alguns exemplos de doenças em que a cefaleia pode aparecer.

Sintomas de enxaqueca

A enxaqueca é uma doença que tem como principal sintoma a cefaleia. A cefaleia da enxaqueca tem algumas características especiais como a periodicidade das crises de que podem ser desde diárias até semanais ou quinzenais e em alguns pacientes as crises são mais esparsas. Essa periodicidade é que leva o médico ao diagnóstico de enxaqueca.

Geralmente a dor é em apenas um dos lados da cabeça, pode ocorrer nos dois lados e apresenta-se na forma de uma dor pulsátil. Geralmente é de forte intensidade levando o paciente a procurar o serviço de emergência com frequência.

Alguns pacientes apresentam aura pré-crise (espécie de alteração visual que antecede a crise de enxaqueca ou ocorre logo no início da crise).

Veja também: O que é enxaqueca com aura e quais são os sintomas

Náuseas, vômitos, fraqueza, tontura e mal-estar geralmente estão associados às crises de enxaqueca, principalmente se a dor for muito intensa. Um médico de posse desses dados pode fazer o diagnóstico e conduzir adequadamente a investigação e tratamento adequado para cada caso.

Causas da enxaqueca

Não existe uma causa definida para enxaqueca, provavelmente o fator genético está presente devido o fato de haver “famílias de enxaquecosos”. O que já se sabe é que alguns fatores são desencadeantes das crises de enxaqueca como preocupações, ansiedade, stress, ficar muito tempo sem comer, alguns tipos de bebidas alcoólicas, excesso de café e adoçantes. Para algumas mulheres existe uma relação direta com o período menstrual.

O sono também é importante e dormir pouco, dormir demais ou sono mal dormido pode desencadear a dor. O sol, a claridade, mudanças climáticas, o cigarro e a poluição são outros fatores. Evitar ou diminuir os fatores anteriormente citados pode reduzir o número de crises.

A maioria das pessoas que sofrem de enxaqueca apenas toma remédios para as crises de dor, são analgésicos apenas, que não tem nenhum efeito em longo prazo no controle da enxaqueca.

Tratamento da enxaqueca

O tratamento da enxaqueca pode ser feito com o uso de medicamentos antidepressivos, anticonvulsivantes e betabloqueadores. Além de algumas medidas gerais que são muito importantes no controle e tratamento da enxaqueca e devem ser adotadas por todos os pacientes: evitar o consumo de bebidas alcoólicas, dormir pelo menos 8 horas por dia, dieta equilibrada e o principal fator é a prática regular de exercícios físicos (mínimo de 30 minutos de exercícios aeróbicos entre 3 a 5 vezes por semana.

Veja também:

Qual é o tratamento da enxaqueca?

Que remédios devo tomar para a enxaqueca?

Dor de cabeça, nervoso, olho direito vermelho...?
Dr. Charles Schwambach
Dr. Charles Schwambach
Médico

Você tem cinco sintomas eu poderia então citar 5 doenças (no mínimo), porém vamos tentar simplificar pelo mais óbvio.

Deduzo que alguma coisa deixou você muito nervoso (se bem que você anda bem preocupado ultimamente), esse nervosismo resultou na sua dor de cabeça e também exacerbou um problema alérgico ou inflamatório crônico que você tem nas suas mucosas (nariz, olhos, garganta ou pulmão) isso resultou no olho vermelho, sangramento nasal, o sangue que você cuspiu é resultante do sagramento nasal (parte do sangue escore pela parte posterior do nariz e cai na garganta e as vezes você consegue cuspir parte dese sangue.

Tremores, dor de cabeça, fraqueza...o que está acontecendo?
Dr. Charles Schwambach
Dr. Charles Schwambach
Médico

Algum tipo de infecção estomacal ou intestinal, ou uma virose são as causas mais prováveis, porém não dá para ter certeza, pela sua descrição você não está muito bem, o ideal é ir ao médico.

Dor de cabeça na região acima dos olhos, dores musculares...
Dr. Charles Schwambach
Dr. Charles Schwambach
Médico

Parece mesmo uma infecção viral, mas creio que a lista de vírus mais prováveis deve ter mais de uma centena, incluindo a Dengue (somente se numa região endêmica) os outros você pode descartar ou colocá-los no final da lista.

Enjoo, dor de cabeça e falta de apetite, pode ser gravidez?
Dr. Charles Schwambach
Dr. Charles Schwambach
Médico

Pode sim ser gravidez, porém pode ser muitas outras coisas. O principal sintoma de gravidez seria o atraso menstrual (coisa que você não tem), mas pode ser gravidez sim.

Logo após a relação sexual tenho dor de cabeça. O que pode ser?
Dra. Janyele Sales
Dra. Janyele Sales
Medicina de Família e Comunidade

É preciso observar se a dor de cabeça começa mesmo logo após a relação sexual ou se ela tem início durante o ato. Existem muitos tipos de dor de cabeça (cefaleia) e um deles está relacionado ao orgasmo (cefaleia orgástica).

Este tipo de dor de cabeça atinge homens e mulheres, podendo acontecer antes do orgasmo (menos comum), no início da excitação ou da relação sexual, com aumento progressivo à medida que a pessoa vai se excitando. No entanto, o mais comum é que essa dor de cabeça aconteça durante o orgasmo, no momento do clímax.

Caracteriza-se como uma dor explosiva, sentida em toda a cabeça ou apenas na nuca. Este tipo de cefaleia pode durar até 2 dias, podendo desaparecer em até uma hora se o indivíduo interromper a atividade sexual. Pode ter intensidade tão forte que em muitos casos é preciso interromper a relação sexual.

A principal causa dessa dor de cabeça ainda não é conhecida. Pode estar relacionada com o aumento da pressão sanguínea durante a relação sexual, enxaquecas ou até estresse.

O melhor é procurar um médico clínico geral ou médico de família para uma avaliação inicial. Em casos de maior gravidade, quando as crises são muito intensas e frequentes, pode ser necessário o acompanhamento pelo neurologista para uma investigação mais aprofundada da causa dessa cefaleia após as relações sexuais.

Também pode ser do seu interesse:

Dor de cabeça frequente: o que pode ser?

Enxaqueca e cefaleia

Tenho dificuldade de concentração e aprendizado, memória...
Dr. Charles Schwambach
Dr. Charles Schwambach
Médico

Parece mesmo um quadro de enxaqueca (os sintomas são compatíveis) em relação a um aneurisma é uma hipótese pouco comum (rara na verdade), principalmente em um adulto jovem. Aproveita a ocasião com o neurologista para começar a tratar mais adequadamente seu problema de memória, concentração e aprendizagem.

Leia também: 5 Formas de Melhorar a sua Memória

Após cirurgia de aneurisma cerebral é normal ter dor de cabeça?
Dra. Janyele Sales
Dra. Janyele Sales
Medicina de Família e Comunidade

As dores de cabeça que a sua mãe sente podem ser decorrentes da cirurgia e do processo de recuperação, isto porque cirurgias que são realizadas na cabeça, como a de aneurisma cerebral, podem deixar como sequela dores de cabeça, principalmente nos primeiros dias após a operação. 

A dor é esperada, mas desde que dentro de um limite. Provavelmente ela deve ter retorno no neurologista, que provavelmente irá avaliar e solicitar novos exames de imagem para avaliar o resultado da cirurgia e as causas da dor de cabeça.

O que é um aneurisma cerebral?

O aneurisma cerebral caracteriza-se por uma área de fraqueza na parede de uma artéria localizada dentro do crânio. Essa parte mais fraca do vaso sanguíneo tende a ficar mais dilatada e é preenchida com sangue. Em geral, o aneurisma cerebral se desenvolve na bifurcação das artérias, pois ser a porção mais frágil da sua estrutura.

A dilatação da artéria pressiona nervos ou outras estruturas do cérebro localizadas próximas a ela. E alguns casos, o aneurisma pode se romper e causar hemorragia, que acaba por comprimir estruturas adjacentes à artéria.

O aneurisma cerebral pode ocorrer em qualquer área do cérebro, embora a maioria dos casos ocorra na base do crânio.

O que pode causar um aneurisma cerebral?

O aneurisma cerebral pode ter causa congênita, ou seja, a fraqueza na parede da artéria pode estar presente desde o nascimento. Os aneurismas são mais frequentes em pessoas que já possuem outras doenças genéticas ou circulatórias.

Os aneurismas cerebrais também podem ter outras causas, como traumatismos, tabagismo, pressão alta (hipertensão arterial), infecções, tumores, aterosclerose, consumo excessivo de bebidas alcoólicas e outras drogas.

Quais são os sintomas de um aneurisma cerebral?

Na maioria dos casos, os sinais e sintomas do aneurisma cerebral só se manifestam quando o aneurisma aumenta de tamanho ou se rompe. Os sintomas são decorrentes da compressão das estruturas vizinhas ao aneurisma.

Os sinais e sintomas do aneurisma cerebral podem incluir dor acima e ao redor dos olhos, formigamento, fraqueza ou paralisia facial em apenas um lado da face, dilatação das pupilas, alterações visuais e aumento da sensibilidade à luz (fotofobia).

Em casos de hemorragia, quando o aneurisma se rompe, o principal sintoma é uma forte dor de cabeça, que começa subitamente. As dores de cabeça também podem surgir dias antes do aneurisma se romper, porém, a dor é mais leve.  

Juntamente com a dor de cabeça, podem estar presentes também visão dupla, náuseas, vômitos, rigidez da nuca e perda da consciência.

O aneurisma cerebral, quando se rompe, provoca um derrame cerebral, que pode provocar lesões permanentes no cérebro ou levar à morte.

Qual é o tratamento para aneurisma cerebral?

Para aneurismas cerebrais pequenos, o tratamento consiste apenas acompanhamento regular. O tratamento do aneurisma cerebral depende do tamanho do aneurisma, da sua localização e do quadro clínico da pessoa.

Normalmente, o tratamento do aneurisma cerebral é feito através de cirurgia. O procedimento cirúrgico pode ser feito por clipagem, que consiste em interromper a circulação sanguínea através da implantação de um clipe de metal na artéria.

Outra forma de tratar o aneurisma é através da embolização. O procedimento é feito através da inserção de um cateter na artéria femoral, que é guiado até o aneurisma. A seguir, é colocado um dispositivo em forma de espiral no aneurisma para preenchê-lo, bloquear o fluxo sanguíneo e permitir a coagulação do sangue.

Para aliviar os sintomas do aneurisma, também podem ser indicados medicamentos anticonvulsivantes e analgésicos.

Além do tratamento específico do aneurisma cerebral, também é importante tratar outras doenças que podem estar presentes, como a pressão alta, por exemplo.

O diagnóstico e tratamento do aneurisma cerebral é da responsabilidade do médico neurologista ou neurocirurgião.

Pode ocorrer dor de cabeça por causa de anestesia?
Dr. Charles Schwambach
Dr. Charles Schwambach
Médico

Normal é uma palavra inviável de ser usada. Dor de cabeça após anestesia é uma ocorrência frequente, normalmente não precisa nenhuma forma específica de tratamento, somente se a dor for muito forte.

Bati com a cabeça na parede ontem e agora dor de cabeça?
Dr. Charles Schwambach
Dr. Charles Schwambach
Médico

A maior preocupação quando existe um trauma na cabeça é uma hemorragia intracraniana, mas geralmente seus sinais ocorrem nas primeiras horas após  trauma (desmaio, vômito, cefaleia intensa, sonolência e coma - dormir e não acordar mais), dor de cabeça fraca é perfeitamente esperado para alguém que bateu a cabeça e sobreviveu.

Tenho sentido muita tontura, sono, muita dor de cabeça...
Dr. Charles Schwambach
Dr. Charles Schwambach
Médico

Acredito que pode começar com um clínico geral ou um médico que você tenha mais contato e confiança, é somente uma suposição, porém se quer ir direto ao especialista talvez deva ir a um psiquiatra.