Perguntar
Fechar

Creme Vaginal

Qual o risco de ter relação durante o uso de creme vaginal?
Dra. Nicole Geovana
Dra. Nicole Geovana
Medicina de Família e Comunidade

Creme e pomada vaginal devem ser usados em dias seguidos e sem atividade sexual durante o período do tratamento. Esses produtos são medicamentos indicados para tratar infecções e necessitam de um tempo para agir na mucosa da vagina e combater os micro organismos que estão provocando a infecção. Nesse tempo de ação do creme, é importante não haver secreções, inflamações ou escoriações na vagina provocadas pelo ato sexual.

Ter relação sexual durante o tratamento com creme vaginal pode diminuir a eficácia do medicamento e não tratar completamente a infecção, aumentando a chance de ter que recomeçar o tratamento com outro tipo de medicação.

Por isso, é indicado não ter relação sexual durante todo o período do uso do creme ou pomada vaginal, que pode variar a depender do tipo de infecção e do medicamento em questão.

Metronidazol: o que é e para que serve?
Dra. Nicole Geovana
Dra. Nicole Geovana
Medicina de Família e Comunidade

Metronidazol é um antibiótico utilizado para diversos fins. Ele existe na forma de comprimido a ser utilizado por via oral e em forma de creme ou gel para ser aplicado na pele ou em mucosas.

O formato de creme ou gel do metronidazol, em geral, é indicado para infecções vaginais e certos acometimentos na pele.

Por via oral, o metronidazol pode ser indicado para infecções gastro-intestinais (giardíase, amebíase), tratamento auxiliar na erradicação de úlceras gástricas causadas pelo H. pylori, infecções vaginais (tricomoníase, gardnerela, mobiluncus), doença inflamatória pélvica nas mulheres, uretrites nos homens, peritonite, colangite, diverticulite e alguns tratamentos dentários.

O medicamento atinge o seu pico de efeito duas horas após a sua ingestão ou aplicação, que é o tempo que leva para o organismo absorvê-lo completamente.

Como usar o metronidazol?

Os comprimidos de metronidazol devem ser tomados juntamente com 1 copo de água, sem mastigar e engolidos inteiros. 

A dosagem adequada e a duração do tratamento serão determinadas durante a consulta médica. É importante seguir o uso recomendado pelo/a profissional de saúde. Isso poderá variar para dose única (tomada de uma só vez) ou doses diárias por alguns dias. As doses podem ser aumentadas, conforme a avaliação médica. Se achar necessário, o/a médico/a também poderá indicar novo tratamento com metronidazol depois de algumas semanas.

Leia também: Quais são os sintomas da giardíase e como é o tratamento?

Nas infecções vaginais, as doses variam conforme a causa da infecção. Para auxiliar o tratamento com comprimidos, pode ser indicado o uso de creme ou gel de metronidazol para aplicar no local. 

Saiba mais em: O que é gardnerella e como se contrai?

O/a parceiro/a também deve receber tratamento com metronidazol por via oral para prevenir novas infecções. Em geral, a dose indicada para parceiros/as nos casos de infecção vaginal é única.

Veja também: Usando pomada vaginal posso ter relação?

Por ser um antibiótico, o metronidazol é dispensado apenas com receita medica. Use as medicações com a devida indicação médica, conforme receita e na dosagem e duração indicada pelo/a médico/a.

Creme vaginal: quanto tempo após utilização é possível voltar a ter relações sexuais?
Dr. Marcelo Scarpari Dutra Rodrigues
Dr. Marcelo Scarpari Dutra Rodrigues
Médico

O hábito sexual pode ser retomado logo após o término do uso do creme vaginal, conforme a prescrição médica.

Não é indicado manter relações sexuais durante tratamentos com cremes vaginais. A atividade sexual pode interferir com a quantidade de medicamento que permanece no interior da vagina, comprometendo sua eficácia. Além disso, grande parte dos cremes contém uma base oleosa, que reage com o látex do preservativo e aumenta o risco de rompimento. Um outro risco é o parceiro absorver o medicamento e ter efeitos colaterais indesejáveis.

O creme vaginal deverá ser prescrito pelo médico ginecologista.

Meu ginecologista receitou creme vaginal para corrimento...
Dr. Charles Schwambach
Dr. Charles Schwambach
Médico

Corrimento desse tipo pode ocorrer sem que signifique nada de importante, não é sintoma de gravidez, o mais importante é que você foi ao médico e está fazendo o tratamento que precisa fazer. Pode ser da própria infecção ou um restinho da menstruação ou efeito do próprio creme mesmo, somente se preocupe se o corrimento não desaparecer.

Quem está usando creme vaginal pode fazer exame transvaginal?
Dra. Nicole Geovana
Dra. Nicole Geovana
Medicina de Família e Comunidade

Sim, quem está em uso de creme vaginal pode realizar o exame transvaginal normalmente.

O ultrassom transvaginal é solicitado para avaliar os órgãos pélvicos da mulher. Isso pode ser mesmo que a mulher esteja usando creme vaginal. Isso porque o creme vaginal não irá atrapalhar a realização do exame e não vai interferir no resultado.

Cremes vaginais servem para tratar vários tipos de infecções vaginais, na maioria das vezes causadas por fungos ou bactérias. São, portanto, antibióticos ou antifúngicos que só devem ser usados com prescrição médica.

A mulher que está em uso do creme vaginal deve continuar o uso normalmente como indicado na receita, mesmo tendo o exame transvaginal marcado. 

Leia também:

Como é feito o exame transvaginal?

Posso transar com camisinha fazendo o uso do creme vaginal?
Dr. Charles Schwambach
Dr. Charles Schwambach
Médico

Não. Enquanto estiver em tratamento para infecções vaginais não deve ter relações sexuais.