Perguntar
Fechar

Doação de Sangue

De quanto em quanto tempo posso doar sangue?
Dra. Nicole Geovana
Dra. Nicole Geovana
Medicina de Família e Comunidade

A mulher pode doar sangue a cada 90 dias, respeitando o limite de 3 doações por ano.

O homem pode doar sangue a cada 60 dias, não devendo passar de 4 doações por ano.

Esse intervalo deve ser dado para que as células sanguíneas sejam repostas pelo organismo e, dessa forma, evite situações como anemia.

Nesse intervalo, o organismo irá repor as reservas de ferro e irá renovar as células do sangue. Com isso, a doação não acarretará em danos ou deficiências nutricionais para a pessoa.

Se você tem entre 18 e 69 anos e pesa no mínimo 50 Kg, procure um Hemocentro próximo de você para doação de sangue.

Doar sangue é um procedimento simples, seguro e que pode salvar vidas.

Fiz doação de sangue e nos exames constaram: HTLV?
Dr. Charles Schwambach
Dr. Charles Schwambach
Médico

O HTLV é um vírus, parente do HIV, mas fique tranquila que mais de 90% dos adultos infectados não vão desenvolver nenhuma doença relacionada ao vírus, as principais doenças relacionadas a esse vírus são imunodeficiência, doenças neurológicas e linfoma.

Quem teve trombose pode doar sangue?
Dra. Nicole Geovana
Dra. Nicole Geovana
Medicina de Família e Comunidade

Não. Quem teve trombose arterial ou tem trombose venosa recorrente não pode doar sangue.

Essas duas situações são causas de inaptidão definitiva para doação de sangue. Ou seja, quem já teve trombose arterial ou tem trombose venosa recorrente não pode doar sangue.

A trombose é uma situação em que ocorre o desprendimento de um coágulo sanguíneo que se desloca e obstrui algum vaso sanguíneo, impedindo a circulação do sangue e o provimento de nutrientes para o órgão afetado. A trombose pode ser arterial ou venosa a depender da origem do trombo desprendido.

Existem ainda outros critérios que determinam quem pode ou não ser doador de sangue, estabelecidos pelo Ministério da Saúde e pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA).

Em caso de dúvidas, consulte um Hemocentro mais próximo de você.

Doar sangue engorda ou emagrece?
Dra. Nicole Geovana
Dra. Nicole Geovana
Medicina de Família e Comunidade

A doação de sangue não interfere no peso da pessoa, por isso, quem doa sangue não engorda nem emagrece em decorrência do procedimento. 

Durante a doação de sangue, aproximadamente 450 mL de sangue é retirado da pessoa. Após a doação, o organismo é capaz de recuperar esse volume doado, repondo as células sanguíneas e voltando aos padrões hematológicos anteriores. Essa quantidade de sangue perdida não é capaz de provocar a redução ou aumento no peso da pessoa. Portanto, doar sangue não engorda nem emagrece. 

A doação de sangue é uma atitude voluntária e altruísta que depende exclusivamente da disposição da pessoa em doar sangue. Essa atitude pode salvar vidas e deve ser feita com o exclusivo objetivo de doar sangue e não com outros fins como perder, ganhar peso e investigar doenças sexualmente transmissíveis. 

Se você deseja engordar ou emagrecer, procure um profissional de saúde adequado como médico/a de família, clínico geral ou nutricionista. 

Quem teve meningite pode doar sangue?
Dra. Nicole Geovana
Dra. Nicole Geovana
Medicina de Família e Comunidade

Sim, quem teve meningite pode doar sangue. Porém, é preciso esperar 6 meses após a cura total da meningite e não ter nenhuma sequela para fazer a doação de sangue.

Pessoas que receberam vacina contra meningite devem esperar 48 horas para poder doar sangue.

Em relação a doenças, não pode doar sangue quem:

  • Tem ou já teve teste positivo para HIV;
  • Teve hepatite depois dos 10 anos de idade;
  • Já teve malária;
  • Tem doença de chagas;
  • Teve algum tipo de câncer;
  • Tem doenças graves no pulmão, coração, rins ou fígado;
  • Tem problemas de coagulação sanguínea;
  • Tem diabetes com complicações vasculares ou que utiliza insulina;
  • Teve tuberculose extrapulmonar;
  • Já teve elefantíase;
  • Já teve hanseníase;
  • Já teve leishmaniose visceral;
  • Já teve brucelose;
  • Já teve esquistossomose hepatoesplênica;
  • Fez transplante de órgãos ou de medula.

Existem ainda outros critérios que determinam quem pode ou não ser doador de sangue, estabelecidos pelo Ministério da Saúde e pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA).

Em caso de dúvidas, consulte um Hemocentro mais próximo de você.

Grávida pode doar sangue?
Dra. Nicole Geovana
Dra. Nicole Geovana
Medicina de Família e Comunidade

Não. Grávida não pode doar sangue.

Gravidez é uma situação temporária de impedimento para a doação de sangue. Durante a gestação, ocorrem algumas alterações no sangue da mulher. A grávida possui um maior volume plasmático, uma alteração na massa das células vermelhas e, por consequência, uma anemia fisiológica. Essa adaptação é feita para garantir o fornecimento de nutrientes para o feto e seu crescimento e desenvolvimento adequado.

Com a doação de sangue, o organismo precisa repor os nutrientes e as células sanguíneas. E, durante a gravidez, esse período pode não ser suficiente, prejudicando o aporte sanguíneo para a mulher e o feto.

A mulher grávida não deve doar sangue e precisa realizar suas consultas de rotina do pré-natal.

Leia também: 7 Coisas que uma Grávida Não Deve Fazer

Quem toma anticoncepcional pode doar sangue?
Dra. Nicole Geovana
Dra. Nicole Geovana
Medicina de Família e Comunidade

Sim. Quem toma anticoncepcional pode doar sangue.

O uso de anticoncepcional não é impedimento para doação de sangue.

O hormônio contido no anticoncepcional não afeta a doação de sangue. Por isso, a mulher que toma anticoncepcional pode doar sangue regularmente.

A doação de sangue é uma prática muito importante que pode salvar vidas. Se você tem entre 18 e 69 anos de idade, acima de 50 Kg, procure um Hemocentro próximo de você para maiores informações.

Leia também:

De quanto em quanto tempo posso doar sangue?

A mulher pode doar sangue estando menstruada? 

Quem tem infecção urinária pode doar sangue?
Dra. Nicole Geovana
Dra. Nicole Geovana
Medicina de Família e Comunidade

Sim. Quem está com infecção urinária pode doar sangue.

Caso a infecção urinária seja decorrente de uma pielonefrite (infecção nos rins), a pessoa deve aguardar 1 mês para doar sangue.

Caso a infecção urinária seja restrita à bexiga (cistite), a pessoa pode doar sangue normalmente.

A doação de sangue é uma prática muito importante que pode salvar vidas. Se você tem entre 18 e 69 anos de idade, acima de 50 Kg, procure um Hemocentro próximo de você para maiores informações.

Leia também:

De quanto em quanto tempo posso doar sangue?

Quem fez um transplante pode doar sangue?

Sim, em geral, quem fez transplante pode doar sangue, mas precisa esperar 1 ano para fazer a doação. Isso nos casos de transplantes em que os órgãos ou tecidos são provenientes de outra pessoa ou algum animal.

Já as pessoas que fizeram ​transplante de córnea ou transplante de dura-máter (meninge) estão definitivamente impedidos de doar sangue.

A razão de algumas cirurgias impedirem a doação de sangue está relacionada com a doença que originou a necessidade da cirurgia.

As doenças e condições que impedem a doação de sangue de forma temporária ou permanente estão indicadas na portaria nº 1.353 de 2011 do Ministério da Saúde.