Perguntar
Fechar

Engravidar

É possível engravidar menstruada?
Dr. Ivan Ferreira
Dr. Ivan Ferreira
Médico

A fase da menstruação não é propícia para ocorrer a gravidez, uma vez que durante a menstruação o útero não está preparado para receber a implantação do óvulo fecundado pelo espermatozoide. Ocorrendo justamente o contrário, o endométrio está descamando porque não houve  a fecundação. Além disso, a mulher normalmente não ovula nesse período e o sangue da menstruação dificulta a sobrevivência do espermatozoide.

É possível a mulher engravidar em presença de um sangramento vaginal anormal, que não é a menstruação. Uma situação que pode ser confundida com a menstruação ocorre quando o óvulo é fecundado (ovócito) e se implanta no endométrio. Nessa fase pode ocorrer um sangramento discreto, de curta duração, e que algumas mulheres confundem com a menstruação. Nesse caso o sangramento coincide com o início da gravidez.

Os distúrbios endocrinológicos também podem causar um sangramento durante a ovulação devido à um estímulo anormal de hormônios no revestimento interno do útero (endométrio)  ser confundido com a menstruação (sangramento uterino disfuncional ovulatório). Nessa situação se a mulher tiver relação sexual poderá ficar grávida. Outros distúrbios como infecções, endometrioses e tumores também podem causar sangramentos vaginais e serem confundidos com a menstruação.

O ginecologista ou o obstetra são os médicos que podem diagnosticar a gravidez e orientar as dúvidas sobre ela.

É possível engravidar na pausa do anticoncepcional?
Dr. Ivan Ferreira
Dr. Ivan Ferreira
Médico

Não é possível engravidar na pausa do anticoncepcional se ele tiver sido tomado corretamente. O anticoncepcional deve ser tomado sempre no mesmo horário e sem falhas. Ele age inibindo a ovulação, que é o momento propício para engravidar. Durante a semana de pausa do anticoncepcional ocorrerá o descamação do endométrio (camada interna das células do útero) e o sangramento, que é a menstruação. Essa fase é incompatível com o processo de fecundação e gravidez.

Porém, se durante o uso do anticoncepcional, anterior a pausa, ocorrerem distúrbios gastrointestinais com diarreia ou vômitos até 4 horas após a sua ingestão, a absorção do anticoncepcional poderá ser prejudicada, reduzindo sua eficácia. Também o uso de medicamentos, como certos antibióticos e anticonvulsivantes, pode interferir na sua ação.

Em casos de dúvidas sobre a eficácia do anticoncepcional, deverá ser utilizado um método anticoncepcional alternativo, como a camisinha, até o uso final da cartela e o início da nova.

O ginecologista é o profissional indicado para orientar sobre o uso do anticoncepcional.

Tomando anticoncepcional posso transar sem camisinha?
Dra. Nicole Geovana
Dra. Nicole Geovana
Medicina de Família e Comunidade

Os anticoncepcionais disponíveis em pílula, injeção, dispositivo intra uterino, anel vaginal, adesivo ou implante subcutâneo não protegem contra as doenças sexualmente transmissíveis (DST). A função primordial do anticoncepcional é evitar gravidez indesejada, mas ele não é capaz de evitar as DSTs como a camisinha é capaz.

O preservativo tanto masculino quanto feminino são eficazes para prevenir as DSTs e também é um método contraceptivo para  evitar gravidez.

Por isso, mesmo quem toma anticoncepcional é aconselhável usar a camisinha para evitar as doenças que são transmitidas pelo sexo.

Com relação à eficácia dos métodos anticoncepcionais, os anticoncepcionais citados acima têm eficácia um pouco superior à da camisinha para prevenir gravidez. Mas todos, quando usados corretamente, são capazes de prevenir 98 a 99% dos casos.

Tomei a pílula do dia seguinte corro risco de engravidar?
Dr. Charles Schwambach
Dr. Charles Schwambach
Médico

Sim, qualquer mulher que tenha relações sexuais desprotegida corre risco de engravidar, a pílula do dia seguinte é um método anticoncepcional de emergência (jamais deve ser usado de rotina), que tem uma eficácia limitada e dependente do tempo, quanto mais demorar para tomar menos eficaz.

No seu caso específico, como você estava no final do seu ciclo e já fora do seu período fértil as chances de engravidar são menores.

Quanto tempo após laqueadura posso ter relações sem engravidar?
Dr. Ivan Ferreira
Dr. Ivan Ferreira
Médico

Após laqueadura, o período seguro para se ter relações sexuais sem engravidar depende da técnica utilizada, que vai de uma semana à três meses.

A laqueadura, também conhecida como ligadura das trompas ou cirurgia de esterilização feminina, é uma técnica em que as trompas de Falópio são bloqueadas de forma a não permitirem o encontro do óvulo com o espermatozoide, impedindo a fecundação e gravidez. Dependendo da técnica utilizada será definido o tempo necessário de espera para se ter uma relação sexual sem uso de outro método contraceptivo.

Veja também o artigo: Quanto tempo depois de uma cirurgia posso engravidar?

Técnicas de laqueadura:

  • corte das trompas, bloqueio com anéis, clipes ou eletrocoagulação (queima): pode-se ter relações sexuais após aproximadamente 10 dias,
  • uso de Essure®, dispositivo que provoca uma reação de fibrose nas trompas: pode-se ter relações sexuais após aproximadamente 3 meses, com a necessidade prévia de realização de testes para a comprovação do fechamento da trompa.

 O ginecologista ou obstetra deverá ser consultado nessas situações, para a orientação adequada sobre o qual período necessário para ter relações sexuais de uma forma segura após a laqueadura.

Como saber qual meu período fértil?
Dr. Charles Schwambach
Dr. Charles Schwambach
Médico

O cálculo do período fértil só é possível em mulheres com ciclos menstruais regulares.

Como Calcular o Período Fértil?

Em teoria a mulher é fértil durante todo seu ciclo menstrual (durante todo o mês), porém alguns períodos são mais férteis que outros. E o chamado período fértil é o período com a maior chance de ocorrer uma gravidez.

Passo 1: precisa saber quantos dias tem seu ciclo (de quantos em quantos dias vem sua menstruação), os ciclos de 28 dias são considerados como a média para a maioria das mulheres;

Passo 2: divida a duração do seu ciclo por 2 (28 dias dividido por dois é igual a 14);

Passo 3: o valor obtido da divisão dos dias do seu ciclo por 2 é considerado seu dia mais fértil, conte 4 dias antes e 3 dias depois e esse é seu período fértil. Se 14 é o dia mais fértil, então o período fértil fica 4 dias antes (dias 10, 11, 12 e 13; mais o dia 14 e mais os dias 15, 16 e 17 que são 3 dias depois do dia mais fértil);

Passo 4: coloque isso no calendário (sempre lembrando que o dia 1 é o primeiro dia da menstruação).

Exemplos de cálculo do período fértil:

Ciclos 26 dias: dia mais fértil é o 13 e período fértil é entre 9 e 16;

Ciclos 28 dias: dia mais fértil é o 14 e período fértil é entre 10 e 17;

Ciclos 30 dias: dia mais fértil é o 15 e período fértil é entre 11 e 18.

Leia também:

Quais os sintomas do período fértil?

Corro risco de engravidar fora do meu período fértil?

Sangramento após relação no período fértil indica gravidez?
Dr. Charles Schwambach
Dr. Charles Schwambach
Médico

É possível sim ter havido gravidez, a irregularidade menstrual dela fala a favor de você. O problema é que vocês tiveram relação já dentro do período fértil dela (em teoria, porque se a menstruação é irregular, o cálculo do período fértil fica comprometido) e esse sangramento pode realmente ser decorrente da nidação (implantação do óvulo fecundado no útero), foi logo em seguida sim, o que pode ser o suficiente para gerar a dúvida (você é bem espertinho...), porém a natureza não segue as nossas regras muito menos o que está escrito na internet. O jeito é esperar e caso a menstruação atrase por mais de 15 dias fazer um exame de gravidez.

É possível engravidar com inflamação no útero?
Dr. Gabriel Soledade
Dr. Gabriel Soledade
Médico

É possível, mas é mais difícil.

A inflamação do útero, chamada de doença inflamatória pélvica, acontece devido à infecção causada por alguns tipos de bactéria, frequentemente adquiridas por transmissão sexual.

Ela causa alteração nas secreções e nas paredes internas do útero, podendo inclusive favorecer ao aparecimento de aderências, que é quando essas paredes "grudam" uma na outra.

Isso tudo pode dificultar a engravidar durante a infecção. Além disso, essas modificações podem deixar sequelas no útero, e afetar a fertilidade mesmo depois do tratamento adequado.

Além disso, é importante lembrar que a infecção que acontece durante a gestação pode levar a sérios riscos para o bebê.

Leia também: Corrimento impede gravidez?

Por isso, essas pacientes precisam ser acompanhadas por um ginecologista, e o tratamento deve ser iniciado o mais rápido possível, a fim de se evitarem os riscos à fertilidade e ao bebê.

Tive relações sem camisinha depois de 3 dias de tomar anticoncepcional injetável. É possível engravidar?
Dra. Nicole Geovana
Dra. Nicole Geovana
Medicina de Família e Comunidade

Se você usa o anticoncepcional injetável regularmente e há alguns meses, a chance de engravidar é mínima tendo relações sexuais desprotegidas 3 dias após aplicar a injeção. O anticoncepcional injetável atua de forma contínua prevenindo a gestação.

Se você aplicou a primeira dose do anticoncepcional dessa vez, a chance aumenta a depender de que período do ciclo menstrual você se encontra. Estando no período fértil essa chance é bem grande.

De qualquer forma é recomendável aguardar a próxima menstruação e, durante esse período, usar a camisinha em todas as relações sexuais. Se houver atraso menstrual, convém realizar um teste de gravidez antes de continuar a próxima injeção.

O anticoncepcional injetável evita a gravidez mas não previne de doenças sexualmente transmissíveis. Por isso, mesmo usando esse tipo de anticoncepcional, é indicado o uso de preservativo (masculino ou feminino) em todas as relações sexuais.

Aquele lubrificante que sai do pênis pode engravidar?
Dr. Charles Schwambach
Dr. Charles Schwambach
Médico

É difícil engravidar nessa situação. não é impossível, mas as chances são muito pequenas. Mas respondendo especificamente sua pergunta: o lubrificante que sai do pênis pode conter espermatozoides e a mulher pode engravidar sim.

Relação com camisinha qual probabilidade ocorrer gravidez?
Dra. Nicole Geovana
Dra. Nicole Geovana
Medicina de Família e Comunidade

Uma relação sexual com camisinha apresenta em torno de 2 a 5% de chance de ocorrer gravidez.

O coito interrompido não é uma técnica indicada enquanto método contraceptivo.

O coito interrompido, caracterizado pela ejaculação fora da vagina, pode apresentar falhas no tempo em que a ejaculação ocorre, além de poder conter esperma no líquido pré-ejaculatório. Sendo assim, a taxa de falha do coito interrompido é em torno de 20%.

Quando há utilização da camisinha, não há necessidade de ejacular fora da vagina, pois o líquido da ejaculação será armazenado pela camisinha.

A camisinha (preservativo) é um excelente contraceptivo e um método de barreira contra agentes infecciosos de doenças sexualmente transmissíveis. Embora não seja 100% eficiente, pode chegar a um valor muito próximo disto para a maioria das doenças e também para a prevenção da gravidez.

O preservativo é oferecido gratuitamente pelo Sistema Único de Saúde (SUS) e pode ser adquirido nas Unidades Básicas de Saúde (UBS) ou nas Unidades de Saúde da Família (UBSF).

Leia também: O que fazer para tirar camisinha que ficou dentro da vagina?

Tomar seguidamente pílula dia seguinte diminui sua eficácia?
Dr. Charles Schwambach
Dr. Charles Schwambach
Médico

Corre risco de engravidar sim. A eficácia da pílula do dia seguinte não é de 100% e seu uso em curto espaço de tempo não diminui seu efeito. Você não deve fazer nada; o que já passou não volta mais, o jeito é esperar e se a menstruação atrasar faça o exame de gravidez. Eu tenho uma pergunta: como que vocês conseguiram estourar a camisinha duas vezes seguidas?