Perguntar
Fechar

Menstruação e Gravidez

Minha menstruação veio, mas fiquei preocupada com gravidez.
Dra. Janyele Sales
Dra. Janyele Sales
Medicina de Família e Comunidade

Provavelmente não, se de fato a sua menstruação veio com fluxo, intensidade e duração semelhante a seus períodos anteriores dificilmente você está grávida. Caso apresente atraso menstrual pode fazer um teste de gravidez para avaliar essa possibilidade. 

Os sintomas de enjoo e sensação de peso embora muito frequentemente sejam associados a gravidez não necessariamente significam que esteja grávida, podem estar associados ao outros fatores como mudanças na alimentação, sensação de estresse ou ansiedade, entre outros.

Algumas mulheres podem apresentar sangramento no começo da gravidez, mas geralmente há uma diferença importante em relação ao aspecto desse sangramento comparativamente a menstruação.

Leia mais em: Quais as possíveis causas de sangramento na gravidez?

A maioria das vezes esse sangramento se deve a implantação do óvulo na parede do útero, no entanto esse sangramento geralmente dura pouco tempo e vem em pouca quantidade, apresenta geralmente coloração rósea clara ou mais escura, como em borra de café. 

Procure o seu médico de família ou ginecologista para mais esclarecimentos e uma melhor avaliação.

Pode também ser do seu interesse:

Com quantos dias aparecem os sintomas de gravidez?

Estou há dois meses sem menstruar, isso é sinal de gravidez?
Dra. Rafaella Eliria Abbott Ericksson
Dra. Rafaella Eliria Abbott Ericksson
Clínica médica e Neurologia

Não, nem sempre é sinal de gravidez, existem outros motivos para ocorrerem atrasos menstruais, sobretudo em mulheres que já possuem o ciclo irregular, o que chamamos de amenorreia.

Outras causas de ausência da menstruação (Amenorreia)

Além da gravidez, existem outras causas para amenorreia, como:

  • Amamentação;
  • Estresse emocional;
  • Dietas muito restritivas;
  • Exercícios físicos extenuantes;
  • Uso de medicamentos controlados;
  • Métodos hormonais contraceptivos;
  • Síndrome do ovário policístico;
  • Menopausa precoce (antes dos 40 anos de idade);
  • Tumores da hipófise e
  • Quimioterapia.

Portanto, no caso de uso de contraceptivos ou outras medicações regularmente, é importante informar ao médico assistente. No caso de dietas restritivas ou atividade física extenuante, deve manter acompanhamento com um profissional da área, como professor de educação física ou fisioterapeuta, para não prejudicar sua saúde.

Nas alterações endocrinológicas, como síndrome do ovário policístico e tumor de hipófise, além da amenorreia poderá apresentar outros sintomas, como acne (espinhas), aumento de peso, galactorreia (secreção de leite nas mamas), entre outros. Cabe ao médico, frente a essas suspeitas, dar continuidade à investigação diagnóstica.

Sinais iniciais de gravidez

O primeiro sinal da gravidez costuma mesmo ser a ausência da menstruação, entretanto outros sinais são bastante comuns, como a cólica, náuseas e vômitos matinais, sonolência diurna, aumento da sensibilidade e do volume das mamas e alterações de humor.

Sendo assim, se observar alguns desses sintomas, associado a relação sexual nessa época, sem uso de contraceptivos, as chances de gravidez são maiores.

Para confirmar ou descartar a gravidez, pode realizar testes de gestação, de farmácia ou exame de sangue (mais específico), e procurar um ginecologista, o médico responsável pelo diagnóstico e tratamento dos casos de amenorreia.

Leia mais em: Teste de farmácia de gravidez é confiável?

Pode lhe interessar também: O que é amenorreia e quais as suas causas?

Para fazer o teste de gravidez a menstruação precisa estar atrasada?
Dra. Janyele Sales
Dra. Janyele Sales
Medicina de Família e Comunidade

Sim. Se fizer antes da data da menstruação chegar, o resultado pode não ser seguro. Pode fazer a teste já com 1 dia de atraso, embora o ideal seja aguardar um pouco mais para evitar resultados falso negativos, quando trata-se de testes de urina comprados em farmácia.

Alguns teste mais sensíveis até conseguem detectar uma gravidez antes do atraso menstrual, no entanto, a chance de erro é maior por isso recomenda-se aguardar pelo menos uma semana para a realização do teste.

Isto porque a produção do hormônio que é detectado na gravidez, o beta-HCG, pode sofrer algumas pequenas variações de mulher para mulher no inicio da gravidez, ele começa a ser produzido de 6 a 12 dias após a fecundação.

O teste de gravidez de sangue pode ser realizado mais cedo?

Sim, o exame de sangue além de ser mais preciso também fica positivo mais cedo. Ele pode ser realizado até 12 dias após a ovulação, portanto, antes mesmo do atraso menstrual é possível realizar o teste e ter um resultado confiável em alguns casos.

O que fazer se não souber a data possível da menstruação?

Nessa situação pode-se fazer o teste de gravidez 21 dias após a relação sexual desprotegida, este é um período de tempo que caso tenha ocorrido fecundação a gravidez já pode ser detectada pelos testes de farmácia usualmente feitos.

Caso suspeite de gravidez e deseje mais esclarecimentos procure um médico de família ou ginecologista.

Será que eu posso estar grávida e menstruando?
Dra. Rafaella Eliria Abbott Ericksson
Dra. Rafaella Eliria Abbott Ericksson
Clínica médica e Neurologia

Não. Se estiver grávida não é possível menstruar, a menstruação é a descamação do endométrio (parede do útero), que só acontece quando não ocorre a fecundação.

Quando ocorre a fecundação e implantação do óvulo no útero, os hormônios se organizam para que o endométrio não descame, e passe a nutrir o óvulo. Inclusive, quando por alguma deficiência hormonal ocorre a descamação (menstruação), o risco de aborto é elevado, pela expulsão do óvulo junto com o sangramento.

O que pode acontecer é um sangramento devido à gestação, que ocorre pela implantação do óvulo na parede do útero, chamado sangramento de nidação, entretanto, esse sangramento é bem diferente do sangramento da menstruação. É um sangramento menos volumoso, normalmente apenas suja a roupa íntima, de coloração mais clara e dura em média 1 a 2 dias.

Saiba mais em: Dá para confundir sangramento de nidação com menstruação escura?

A questão de voltar a engravidar pode acontecer logo no primeiro mês após interromper o remédio, ou pode levar mais tempo, dependendo do organismo de cada mulher, não é possível estimar exatamente esse tempo. No entanto, o fato de estar há três meses mantendo relações sem uso de contraceptivos favorece sim o acontecimento da gestação.

Além do risco da gravidez, a relação desprotegida, oferece um risco de contrair uma doença sexualmente transmissível, o que muitas vezes é ainda mais preocupante. Por isso é importante que procure um ginecologista para esclarecer suas dúvidas e receber as orientações adequadas e atualizadas, visando manter uma vida sexual ativa responsável e sem riscos.

De qualquer forma, recomendamos que faça o teste de gravidez, de farmácia ou o beta HCG (mais específico), porque será a única maneira de ter certeza se está ou não grávida. Sendo positivo, deve procurar um atendimento médico em unidade de saúde básica, para iniciar o programa de pré-natal, que cuidará da saúde da mãe e do bebê.

Pode lhe interessar também: Teste de farmácia de gravidez é confiável?

Relação 6 dias após a menstruação posso ficar grávida?
Dra. Janyele Sales
Dra. Janyele Sales
Medicina de Família e Comunidade

O risco de gravidez nessa situação é mínimo. A chance de gravidez nos primeiros dias do ciclo menstrual é muito baixo na grande maioria das mulheres, isto porque o começo do ciclo geralmente está longe do período fértil em que a mulher ovula, que se localiza na metade do ciclo menstrual ou mais próximo do fim.

Mulheres que apresentam um ciclo menstrual mais curto ou seja de 21 a 25 dias podem ter um risco maior de gravidez se tiver relação sexual no começo do ciclo, ou seja, nos primeiros dias após o primeiro dia da menstruação.

Isto ocorre porque nos ciclos muito curtos o período fértil se aproxima mais do começo do ciclo, a mulher pode já ovular no sétimo dia do ciclo, se tiver uma relação inclusive nos primeiros dias estando ainda menstruada pode engravidar. Portanto, para mulheres que apresentam ciclos menstruais muito curtos é recomendado usar proteção mesmo no período menstrual.

Tempo de sobrevivência do espermatozoide e chance de gravidez

Além disso, é importante levar em consideração que o espermatozoide pode permanecer até 5 dias no corpo da mulher em algumas situações, portanto, ele pode sobreviver até o momento em que ocorrer a ovulação.

Mulheres com ciclo mais longo

Já mulheres que apresentam ciclos menstruais mais longos acima de 28 dias não precisam se preocupar já que a chance de ovulação na primeira semana do ciclo menstrual é mínima. Mulheres com ciclos mais longos podem ovular por volta do décimo quarto dia do ciclo ou mesmo depois, por isso apresentam chance muito pequena de gravidez na primeira semana do ciclo.

É importante ressaltar que muitas mulheres apresentam ciclos menstruais irregulares, em que não se pode definir com precisão o dia da ovulação, e mesmo quando apresentam ciclos regulares o dia exato da ovulação pode variar, por isso, quando não se deseja engravidar o mais adequado é contar com um método contraceptivo de apoio.

Para mais esclarecimentos sobre o risco de gravidez no decorrer do ciclo menstrual consulte o seu ginecologista ou médico de família.

Também pode ser do seu interesse:

Posso engravidar menstruada?

É normal a menstruação depois da gravidez ser diferente?
Dra. Nicole Geovana
Dra. Nicole Geovana
Medicina de Família e Comunidade

Sim, é normal que a menstruação depois da gravidez seja diferente nos primeiros meses, com um fluxo menstrual mais intenso e com um sangramento que dura mais do que antes da gestação, mas isso volta ao normal com o tempo.

É importante lembrar que o sangramento que começa logo após o parto e pode durar cerca de 40 dias não é menstruação, mas sim restos do material que revestia o útero durante a gestação e que o corpo está eliminando. Este fluxo normalmente é mais intenso e irregular que o da menstruação.

Depois desse período, conhecido como resguardo, a mulher ainda pode ficar meses sem menstruar, no caso de estar amamentando exclusivamente, porque os hormônios produzidos durante o aleitamento impedem a ovulação.

No entanto, quando o bebê deixa de ser alimentado exclusivamente com leite materno e começa a ingerir fórmulas ou comidas sólidas, a mulher já pode voltar a ter menstruação, da mesma maneira que ocorria antes da gravidez.

Há casos de irregularidade do ciclo menstrual entre mulheres que ganharam muito peso durante a gestação, mas que tende a normalizar à medida que a mulher reestabelece seu peso.

O fluxo menstrual também pode ser mais leve do que antes da gravidez se a mulher começar a tomar pílula anticoncepcional, usar DIU ou tomar pílulas que são exclusivamente de  progesterona.

Se houver uma alteração muito significativa entre a menstruação antes e depois da gravidez, a mulher pode consultar o/a ginecologista, clínico/a geral ou médico/a de família para uma investigação detalhada.

Estou com algumas dúvidas se poderei estar grávida. Faz dois meses que tenho menos dias de menstruação, muito sono e fazendo muito xixi. Se estiver grávida, posso mesmo assim fazer uma ecografia?
Dra. Rafaella Eliria Abbott Ericksson
Dra. Rafaella Eliria Abbott Ericksson
Clínica médica e Neurologia

Sim. Inclusive a Ecografia (ou Ultrassonografia), é um dos exames utilizados para confirmar ou descartar a gravidez.

A ecografia é um exame de imagem, realizado por um médico capacitado, na maioria das vezes um radiologista, que pode ser utilizado para avaliar diversos sistemas. No caso de investigação de gestação, nas primeiras semanas. a via mais indicada é a via transvaginal.

Antes mesmo da ecografia, por ser um exame que leva mais tempo para ser agendado, você pode realizar um dos testes de urina na farmácia, pois estão disponíveis e possuem alta sensibilidade, ou seja, mais de 90% de confiabilidade, e não necessita de receita médica. Ou o teste de dosagem de Beta HCG no sangue, teste mais específico, porém este necessita de pedido médico, e agendar o quanto antes uma consulta médica com ginecologista / obstetra, para avaliação e orientação adequada.

Vale ressaltar que os sintomas de menstruação irregular, sonolência e aumento da frequência urinária podem ter outras causas que não só a gravidez, por isso é fundamental a consulta com médico especialista, visando iniciar além da investigação de gestação, um check-up completo, clínico e hormonal. A hipertensão, a diabetes e os distúrbios de tireoide por exemplo, podem inicialmente apresentar quadro clínico semelhante a esse.

Em casos de alteração no ciclo menstrual, um médico ginecologista / obstetra deve ser consultado.

Pode lhe interessar também:

Tenho SOP e comecei a tomar metformina, estou com um mês de atraso menstrual, posso estar grávida?
Dra. Rafaella Eliria Abbott Ericksson
Dra. Rafaella Eliria Abbott Ericksson
Clínica médica e Neurologia

É possível sim.  Apesar da Síndrome de ovário policístico (SOP) ser sabidamente uma causa comum de infertilidade, a mulher que mantém relações sem uso de contraceptivo também corre o risco de engravidar. Depende de muitas variáveis, uma dela é a relação de medicamentos que faz uso regular, como a metformina.

A SOP se caracteriza por irregularidade menstrual, sinais como obesidade leve, acne, hirsutismo (excesso de pelos grossos e escuros, em regiões mais comuns nos homens), além do aumento da resistência à insulina e exclusão de outras doenças. Como opções de tratamento, devido o aumento da resistência à insulina, um dos tratamentos habituais é o uso regular de metformina. 

Entretanto a metformina, prescrita na intenção de auxiliar na redução do peso e na regularidade dos ciclos menstruais, possibilitando a ovulação, aumenta as chances de engravidar. Portanto, as mulheres que não desejam engravidar neste período, devem fazer uso de algum anticoncepcional.

No caso de suspeita de gravidez deve procurar atendimento de ginecologista/obstetra, o quanto antes, realizar testes de gravidez e seguir as orientações de acordo com o resultado encontrado.

Pode lhe interessar também:

Grávida menstrua?
Dr. Charles Schwambach
Dr. Charles Schwambach
Médico

Grávida pode ter sangramento e não menstruação, na maioria das vezes o aspecto do que desce pode parecer a mesma coisa, mas em termos de fisiologia são coisas muito diferentes.

Menstruação atrasada há 2 meses, será que posso estar grávida?
Dra. Janyele Sales
Dra. Janyele Sales
Medicina de Família e Comunidade

Sim, uma das principais causas da ausência da menstruação em mulheres sexualmente ativas em idade reprodutiva é a gravidez. Nesta situação um teste de gravidez pode ser realizado para descartar ou confirmar a hipótese de gestação, pode ser realizado tanto o teste de gravidez de farmácia, em que se dosa o hormônio beta-HCG na urina, ou o teste de sangue que dosa esse hormônio na corrente sanguínea.

Caso o teste de gravidez venha negativo será necessário investigar a causa da amenorreia, que é o nome dado a ausência da menstruação. Existem diversas doenças que podem levar a amenorreia, entre elas distúrbios tireoidianos, alterações da prolactina, síndrome dos ovários policístico, menopausa precoce, entre outras.

É válido lembrar que diversas situações relacionadas ao estilo de vida da mulher também podem interferir no seu ciclo menstrual, causando irregularidade menstrual como: excesso de atividade física, estresse, perda ou ganho de peso.

Leia mais em: O que é amenorreia e quais as suas causa?

Procure o seu médico de família ou ginecologista para uma avaliação.

Tive relação menstruada e ela parou. Posso estar grávida?

Se teve relação sexual menstruada e ela parou, é um sinal de que o seu período menstrual chegou ao fim. Não é nenhum sintoma de que você está grávida. Fazer sexo menstruada não interrompe a menstruação, mesmo que a relação tenha originado uma eventual gravidez. Pelo contrário, a estimulação durante o ato pode gerar contrações uterinas que expulsam o sangue do útero, podendo aumentar o sangramento.

Além disso, quando a mulher está menstruada, é um sinal de que o óvulo não foi fecundado. Esse óvulo é liberado cerca de 14 dias antes do 1º dia de menstruação, se você tiver um ciclo de 28 dias. Isso significa que, no caso de haver relação sexual durante a menstruação, não haverá óvulo para ser fecundado pelo espermatozoide.

Se for esse o seu caso, é impossível estar grávida. Porém, 28 dias é a duração média dos ciclos, que podem ter duração mais curta, de 21 dias, ou mais longa, de até 35 dias. Se o seu ciclo for de 21 dias, você pode engravidar se tiver relação sexual menstruada.

Ter relação menstruada engravida?

A mulher que tem relação sexual menstruada dificilmente engravida. Aliás, é muito difícil engravidar durante a menstruação, pois esse é o período do mês que está mais distante do dia da ovulação. Contudo, se você tiver um ciclo menstrual curto e um período menstrual longo, a chance de gravidez existe. Por isso, embora seja muito improvável, não é impossível.

A maioria das mulheres tem um ciclo menstrual de 28 dias, em média. Cada ciclo começa no 1º dia de menstruação e termina no dia anterior à vinda do próximo período. A ovulação ocorre exatamente no meio do ciclo. Nesse caso, no 14º dia. Esse é o dia mais fértil e, portanto, com maior probabilidade de engravidar.

Porém, o espermatozoide pode permanecer vivo no corpo da mulher durante 72 horas. Por isso, o período fértil começa 3 dias antes e termina 3 dias depois do dia da ovulação. Portanto, o período fértil num ciclo de 28 dias vai do 11º ao 17º dia. Esse é período do mês que pode ocorrer uma gravidez se tiver relações sexuais sem usar método anticoncepcional.

Veja também: Como calcular o Período Fértil?

Assim, se o seu ciclo for de 28 dias, o seu período fértil só começa 11 dias depois do 1º dia de menstruação. Tendo em conta que o período menstrual, em condições normais, dura no máximo 7 dias, seria impossível, nesse caso, estar grávida, mesmo que tenha tido relação sexual no último dia de menstruação.

Quando é possível engravidar se tiver relação menstruada?

A duração média do ciclo menstrual é de 28 dias. Contudo, é importante lembrar que ciclos menstruais com duração de 21 a 35 dias são considerados normais.

Assim, se uma mulher tem um ciclo de 21 dias, o seu dia mais fértil seria o 10º ou 11º dia do ciclo. O período fértil nesses casos iria do 7º ao 14º dia. Nesse caso, se houver relação sexual no último dia de menstruação (considerando um período menstrual de 7 dias), a mulher já está no seu período fértil, pois seria o 7º dia.

Portanto, é possível engravidar menstruada se você tiver um ciclo menstrual de 21 dias ou menos e o seu período menstrual tiver duração de 7 dias ou mais. Quanto mais próxima do fim da menstruação ocorrer a relação sexual, maiores são as chances de gravidez.

O que deve fazer é esperar pela próxima menstruação. Se ela atrasar uma semana, faça um teste de gravidez. Se, por acaso, você estiver grávida, é no próximo período menstrual que a gravidez irá se manifestar. Nesse caso, com atraso e ausência de menstruação no período esperado.

Para maiores esclarecimentos, consulte um médico clínico geral, médico de família ou ginecologista.

Saiba mais em:

É possível engravidar menstruada?

Tive relação sexual no 1° dia menstruação, posso engravidar?

É possível engravidar tendo relação sexual uma noite antes da menstruação?

Corro risco de engravidar fora do meu período fértil?

Atraso menstrual faço já exame de gravidez ou ainda é cedo?
Dr. Charles Schwambach
Dr. Charles Schwambach
Médico

Normalmente consideramos atraso menstrual para fins de suspeita de gravidez somente se esse atraso for superior a 15 dias, antes disso podem ocorrer atrasos eventuais que ainda a menstruação desce, porém se sua menstruação é sempre certinha e existe a possibilidade de você estar grávida, qualquer atraso pode ser motivo para suspeitar. O melhor exame nestes casos é o exame de sangue (Beta-hcg), mas espere completar pelo menos 15 dias de atraso.