Perguntar
Fechar

Omeprazol

Omeprazol para esofagite e dor no estômago. Quanto tempo demora para fazer efeito?
Dra. Rafaella Eliria Abbott Ericksson
Dra. Rafaella Eliria Abbott Ericksson
Clínica médica e Neurologia

Normalmente, o omeprazol produz uma melhora rápida dos sintomas, dentro de poucos dias. Entretanto, feridas como úlceras e inflamação na parede do esôfago e estômago, podem levar até 8 semanas para cicatrização completa.

Pode ser necessário usar também algum antiácido, juntamente como omeprazol, para ajudar a aliviar as dores estomacais, mas sempre conforme a orientação médica.

Se você está tomando omeprazol duas semanas e não melhorou muito, deve primeiro falar com o seu médico gastroenterologista, que irá avaliar a necessidade de fazer ou não outra investigação.

Contudo, verifique se você está tomando o omeprazol da forma correta, em jejum, 15 minutos antes de cada refeição; vale também confirmar a data de validade do medicamento, e se tem seguido as orientações quanto a alimentação adequada para quem tem diagnóstico de gastrite ou esofagite. Se o medicamento não for usado corretamente, ele pode não produzir os efeitos esperados.

Saiba mais sobre o tratamento da esofagite em: Esofagite erosiva tem cura? Qual o tratamento?

Como tomar omeprazol corretamente?

O correto é tomar o omeprazol antes das refeições, de preferência 15 minutos antes do café da manhã. Se for prescrito mais de uma vez ao dia, sempre 15 minutos antes de cada refeição.

Se tiver dificuldade em engolir as cápsulas, abra-as e misture o conteúdo com um pouco de suco de fruta ou água fria e beba imediatamente. Nunca mastigue ou macere os comprimidos.

Não mastigue os microgrânulos do interior das cápsulas e não os misture com leite.

Mesmo que você já esteja se sentindo melhor, não interrompa o tratamento antes do tempo determinado pelo médico.

Leia também:

Omeprazol: para que serve e quais os efeitos colaterais?
Dra. Nicole Geovana
Dra. Nicole Geovana
Medicina de Família e Comunidade

O omeprazol é uma medicação que serve principalmente para tratar ou prevenir úlceras no estômago e intestino, doença do refluxo gastroesofágico, azia e síndromes causadas pelo aumento de ácido no estômago. Ele pode ter outras funções que seu médico poderá explicar em consulta.

A eficácia do omeprazol no tratamento das úlceras duodenais (porção inicial do intestino) é de quase 100%, sendo mais eficiente nesses casos do que quando comparado com o seu uso nas úlceras gástricas (estômago). Os resultados podem ser notados em até 4 semanas após o início do tratamento com o medicamento.

Sabe-se, através de estudos, que o omeprazol também é eficaz para tratar úlceras de estômago e intestino que são resistentes a outros tipos de medicação.

Já o tratamento do refluxo é mais prolongado, embora as taxas de cura nesses casos ultrapassaram os 80% depois da quarta semana de uso de omeprazol.

O omeprazol também serve para auxiliar no tratamento de erradicação a bactéria Helicobacter pylori, que pode causar gastrite, úlcera e até câncer de estômago.

O omeprazol pode servir ainda como protetor da mucosa do estômago contra os danos provocados por medicamentos anti-inflamatórios.

Quais os efeitos colaterais do omeprazol?Efeitos colaterais comuns

Os efeitos colaterais do omeprazol considerados comuns, ou seja, que ocorrem em até 10% dos casos, incluem dor de cabeça, diarreia, prisão de ventre, dores abdominais, náuseas, vômitos, gases intestinais, regurgitação, infecções respiratórias, tosse, tontura, aparecimento de manchas vermelhas na pele e dor nas costas.

Efeitos colaterais pouco comuns

Outros efeitos secundários do omeprazol foram observados em menos de 1% das pessoas que tomaram o medicamento. Dentre essas reações estão formigamentos, alterações no sono (insônia ou sonolência), vertigem, coceiras pelo corpo e mal-estar.

Efeitos colaterais raros

Já as reações adversas consideradas raras, que ocorrem em menos de 0,1% dos casos, incluem agitação, depressão, confusão mental, agressividade, alucinações, crescimento das mamas em homens, boca seca, diminuição das plaquetas, hepatite, insuficiência hepática, dores articulares e musculares, fraqueza muscular, sensibilidade à luz, febre, aumento da transpiração, inchaço em mãos e pés, visão turva, alterações no paladar, entre outras.

O omeprazol pode causar ainda encefalopatia hepática em pessoas com insuficiência hepática grave. Trata-se de uma perda das funções cerebrais devido à não eliminação das toxinas do sangue pelo fígado.

É importante ressaltar que o uso prolongado do omeprazol pode ter várias consequências à saúde. Por isso, apenas tome medicação com indicação e receita médica.

Caso você tenha alguma dessas reações descritas acima, pare de tomar o omeprazol e procure um/a médico/a.

Também podem lhe interessar:

O que fazer para aliviar azia?

O que é H. pylori?

O que é refluxo e quais os sintomas?

O que é úlcera gástrica e quais os sintomas?

Omeprazol e Domperidona, como devo tomar?
Dra. Janyele Sales
Dra. Janyele Sales
Medicina de Família e Comunidade

Preferencialmente faça como seu médico mandou, como está escrito na receita médica. Para facilitar, tenha em mente que o omeprazol funciona melhor com o estômago vazio. Portanto, o ideal é você tomar o omeprazol 30 minutos antes de comer; espere uns 15 minutos e tome a domperidona; espere mais 15 minutos e então coma.

Como tomar e para que serve domperidona?

A domperidona é indicada para tratar síndromes digestivas que provocam retardo do esvaziamento do estômago, refluxo gastroesofágico, esofagite, sensação de empachamento, saciedade precoce, distensão abdominal, dor abdominal, gases estomacais e intestinais, náuseas, vômitos, azia e queimação no estômago. 

Síndromes digestivas que retardam o esvaziamento gástricoCrianças com pelo menos 35 Kg, adultos e adolescentes (mais de 12 anos de idade)

A dose de domperidona indicada geralmente é de 30 mg por dia, podendo ser aumentada, quando necessário, para uma dose diária máxima de 40 mg.

Tomar 10 mg (10 ml) 3 vezes ao dia, 15 a 30 minutos antes das refeições. Se necessário, tomar 10 mg de domperidona antes de dormir, sem ultrapassar a dose máxima de 40 mg (40 ml) por dia.

Náuseas e VômitosCrianças com pelo menos 35 Kg, adultos e adolescentes (mais de 12 anos de idade)

Tomar 10 mg (10 ml) 3 vezes ao dia, 15 a 30 minutos antes das refeições. Se necessário, tomar 10 mg de domperidona antes de dormir, sem ultrapassar a dose máxima de 40 mg (40 ml) por dia.

O tempo de duração máximo do tratamento para casos de náusea e vômito não deve ser superior a uma semana. Para outras indicações, a duração máxima do tratamento com domperidona é de 4 semanas.

Se a náusea ou o vômito continuar por mais de uma semana, a pessoa deve ser vista por um médico.

Síndromes digestivas que retardam o esvaziamento gástricoBebês e crianças com menos de 12 anos ou menos de 35 kg

A dose diária de domperidona varia conforme o peso. Lembrando que é muito importante medir a dose exatamente de acordo com o peso, se exceder a dose máxima recomendada. 

Administrar 2,5 ml de domperidona para cada 10 quilos de peso corporal (0,25 ml/kg), 3 vezes ao dia, 15 a 30 minutos antes das refeições. Se necessário, dar mais uma dose antes da criança dormir. Nunca ultrapassar a dose máxima diária de 35 mg (35 ml).

Náuseas e vômitosBebês e crianças com menos de 12 anos ou menos de 35 kg

Administrar 2,5 ml de domperidona para cada 10 quilos de peso corporal (0,25 ml/kg), 3 vezes ao dia, 15 a 30 minutos antes das refeições. Se necessário, dar mais uma dose antes da criança dormir. Nunca ultrapassar a dose máxima diária de 35 mg (35 ml)

Como tomar omeprazol?

As cápsulas de omeprazol devem ser ingeridas com líquido, imediatamente antes das refeições e logo pela manhã. 

Pessoas que têm dificuldade em tomar as cápsulas por inteiro, podem abrir a cápsula e misturar os grânulos intactos com um pouco de suco ou água e tomar imediatamente. Não misturar a medicação com leite nem mastigar os grãos.

AdultosÚlceras intestinais (duodenais)

Tomar 20 mg de omeprazol, uma vez por dia, antes do café da manhã, por 2 a 4 semanas.

Úlceras estomacais (gástricas) e esofagite de refluxo

Tomar 20 mg de omeprazol, uma vez por dia, antes do café da manhã, por 4 a 8 semanas.

CriançasEsofagite de refluxo

Crianças com mais de 1 ano de idade devem tomar 10 mg de omeprazol, uma vez ao dia, logo pela manhã. Para auxiliar a ingestão do medicamento, misturar o conteúdo da cápsula com suco ou água (leite não).

Crianças com mais de 20 kg

Tomar 20 mg de omeprazol, uma vez ao dia, logo pela manhã. Para auxiliar a ingestão do medicamento, misturar o conteúdo da cápsula com suco ou água (leite não).

A dose de omeprazol pode ser aumentada, conforme avaliação médica, até um máximo de 40 mg por dia.

Para que serve omeprazol?

O omeprazol serve para tratar condições em que há muita produção de ácido estomacal. O medicamento age diminuindo a quantidade de ácido produzido pelo estômago. Por isso, é usado no tratamento de úlceras no estômago e no intestino e também no refluxo gastroesofágico

O medicamento muitas vezes também é usado juntamente com antibióticos para tratar úlceras provocadas pela bactéria Helicobacter Pylori. 

Outras indicações do omeprazol incluem dispepsia, acidez, azia, arrotos, indigestão e prevenção de sangramentos do trato gastrointestinal.

Lembrando que é importante seguir a orientação do médico, respeitando sempre os horários de tomar a medicação, bem como as doses e o tempo de duração do tratamento. O tratamento com omeprazol e domperidona não deve ser interrompido sem conhecimento do médico.

Grávida pode tomar omeprazol?
Dra. Nicole Geovana
Dra. Nicole Geovana
Medicina de Família e Comunidade

Sim.

Com indicação médica o omeprazol pode ser usado pela gestantes.

Não há muitos estudos em mulheres grávidas que comprovem os possíveis riscos do omeprazol para o feto. Por isso, ele só deve ser usado quando os benefícios superam os possíveis riscos.

Quem decide isso será o/a médico/a que melhor orientará quando e como fazer o uso do omeprazol na gravidez.

Criança pode tomar omeprazol?
Dra. Nicole Geovana
Dra. Nicole Geovana
Medicina de Família e Comunidade

Sim. Criança pode tomar omeprazol.

Assim como em adultos, o omeprazol é usado em crianças para tratar algumas doenças gastrointestinais.

A contraindicação é quando a criança apresenta alguma hipersensibilidade (choque anafilático, coceira, broncoespasmo e nefrite aguda) ao medicamento, devendo assim parar imediatamente de tomar.

Cuidados especiais são necessários quando se usa a medicação por um período prolongado, devendo, em alguns casos, tomar outras medicações ou vitaminas associadas ou mesmo interromper o tratamento por um tempo.

Assim como outras medicações, o omeprazol só deve ser usado com indicação médica.

Porque não pode tomar omeprazol quando amamentando?
Dra. Nicole Geovana
Dra. Nicole Geovana
Medicina de Família e Comunidade

A medicação Omeprazol é autorizada durante a amamentação.

O Omeprazol pode ser tomado pela mulher que está amamentando, sem contra-indicações.

Ele é um medicamento utilizado para reduzir a secreção ácida do estômago. A sua excreção pelo leite materno é quase insignificante, por isso, não apresenta danos para o bebê que está em aleitamento materno.

Sendo assim, o Omeprazol é uma medicação caracterizada de baixo risco para a amamentação e pode ser tranquilamente utilizada pela mulher que está amamentando.

O Omeprazol é uma medicação que serve principalmente para tratar ou prevenir úlceras no estômago e intestino, doença do refluxo gastroesofágico, azia e síndromes causadas pelo aumento de ácido no estômago. Ele pode ter outras funções que o/a médico/a poderá explicar durante a consulta.

Caso você tenha outras dúvidas, converse com o/a médico/a durante as consultas do/a seu/sua filho/a ou procure um serviço de saúde.

Leia também:

Omeprazol para que serve e quais os efeitos colaterais?

Omeprazol para esofagite e dor no estômago quanto tempo demora para fazer efeito?

Grávida pode tomar omeprazol?

Quantos dias para melhorar da gastrite com omeprazol?
Dr. Charles Schwambach
Dr. Charles Schwambach
Médico

A resposta ao tratamento no caso de gastrite é geralmente imediato. Como foi feito esse diagnóstico? Quem receitou esse medicamento para sua filha? Deve procurar primeiramente um médico.

Omeprazol e domperidona diminuem efeito do anticoncepcional?
Dra. Nicole Geovana
Dra. Nicole Geovana
Medicina de Família e Comunidade

Não. Nem o Omeprazol nem a Domperidona diminuem o efeito do anticoncepcional.

O omeprazol é uma medicação que serve principalmente para tratar ou prevenir úlceras no estômago e intestino, doença do refluxo gastroesofágico, azia e síndromes causadas pelo aumento de ácido no estômago.

O medicamento muitas vezes também é usado juntamente com antibióticos para tratar úlceras provocadas pela bactéria Helicobacter pylori.

Outras indicações do omeprazol incluem dispepsia, acidez, azia, arrotos, indigestão e prevenção de sangramentos do trato gastrointestinal.

A domperidona é indicada para tratar síndromes digestivas que provocam retardo do esvaziamento do estômago, refluxo gastroesofágico, esofagite, sensação de empachamento, saciedade precoce, distensão abdominal, dor abdominal, gases estomacais e intestinais, náuseas, vômitos, azia e queimação no estômago.

Tanto o omeprazol quanto a domperidona não interferem na ação do anticoncepcional. Por isso, essas medicações podem ser usadas ao mesmo tempo.

É importante ressaltar que o uso prolongado do omeprazol pode ter várias consequências à saúde. Por isso, apenas tome medicação com indicação e receita médica.

Leia também:

Omeprazol e domperidona como devo tomar?

Omeprazol para que serve e quais os efeitos colaterais?

Posso fazer uso de omeprazol antes de tomar fluoxetina?
Dra. Janyele Sales
Dra. Janyele Sales
Medicina de Família e Comunidade

Pode sim, mas não tome nenhum medicamento sem orientação médica, toda e qualquer medicação deve ser orientada pelo profissional que está acompanhamento o seu tratamento. Informe-o sobre os sintomas gástricos que está tendo.

Uma outra opção é ingerir a fluoxetina junto com o café da manhã ou junto com o almoço. Muitas vezes os sintomas dispépticos do uso da fluoxetina e outros medicamentos inibidores da recaptação da serotonina melhoram com o decorrer do uso ou ajuste da dose, converse com o seu médico sobre isso.

Como aliviar a queimação e dor no estômago?

Outras medidas que podem ser tomadas para aliviar os sintomas dispépticos são:

  • Evite alimentos como café, refrigerantes;
  • Evite alimentos com frituras e gorduras;
  • Evite alimentos com aditivos, conservantes e especiarias;
  • Evite tomar bebidas alcoólicas;
  • Não fume;
  • Controle o excesso de peso através de uma alimentação saudável e prática de atividade física.
Omeprazol e Inibidores de bomba de prótons

O omeprazol faz parte de um conjunto de medicamentos chamados de inibidores de bomba de prótons (IBP), são medicamentos utilizados no controle dos sintomas de dispepsia, que são sintomas gástricos como queimação, azia, distensão abdominal, sensação de empachamento e náuseas.

Só devem ser tomados sob prescrição médica e por um tempo determinado, porque, embora sejam medicamentos seguros, não são totalmente isentos de riscos. Alguns dos problemas de saúde que tem o risco aumentado pelo uso contínuo e indiscriminado dos IBPs são:

  • Fraturas ósseas;
  • Infecções gastrointestinais;
  • Diminuição da absorção de vitaminas e minerais;
  • Lúpus eritematoso cutâneo subagudo;
  • Nefrite intersticial;
  • Pólipos benignos no estômago.

Na presença de sintomas dispépticos com o uso da fluoxetina consulte o seu médico de família, clínico geral ou psiquiatra.

Faço uso de Rivotril, posso tomar Omeprazol?
Dr. Charles Schwambach
Dr. Charles Schwambach
Médico

Os dois remédios pedem ser usados pelo mesmo paciente, porém não deve usar nenhum medicamento sem a receita e orientação de um médico, a auto-medicação é desnecessária e pode ser perigosa.