Perguntar
Fechar

Ouvidos

Ouvido entupido: o que pode ser e o que fazer?
Dra. Nicole Geovana
Dra. Nicole Geovana
Medicina de Família e Comunidade

A sensação de ouvido entupido pode ter diversas causas, sendo que a mais comum e frequente está relacionada com a variação de pressão durante uma mudança de altitude, como ocorre durante a descida de uma serra ou quando o avião começa a descer, por exemplo.

Como o corpo demora algum tempo para se habituar a essa mudança de pressão, o ouvido fica entupido, pois a pressão do ambiente é diferente daquela que ele estava habituado.

Normalmente a situação se resolve ao engolir saliva, beber algum líquido ou bocejar. Outra forma de desentupir o ouvido é tapar o nariz, fechar a boca e soprar, sem deixar o ar sair.

Quando os músculos orais e nasais se movimentam, a tuba auditiva se abre. Por isso, engolir, mastigar ou bocejar ajuda a desentupir os ouvidos.

Contudo, a manobra de tapar o nariz, fechar a boca e soprar para aumentar a pressão nos ouvidos pode enviar ou favorecer a entrada de secreção nasal contaminada para o ouvido em algumas situações.

Colocar azeite ou álcool para aliviar a sensação de ouvido entupido não é indicado, pois pode piorar o quadro. Qualquer tratamento só deve ser iniciado após avaliação de um médico otorrinolaringologista, já que o ouvido entupido pode ser causado por diversas doenças.

Quais são as outras causas de ouvido entupido?Bruxismo

O deslocamento incorreto da mandíbula pode dar a sensação de ouvido tapado.

Bloqueio de algum ossinho do ouvido

No ouvido médio existem 3 ossinhos que ajudam a transmitir as ondas sonoras até o ouvido interno, por meio de movimentos em conjunto com o tímpano, através de contrações de músculos muito pequenos. Caso haja algum bloqueio ou disfunção nesse movimento, pode surgir a sensação de ouvido entupido.

Resfriado, gripe, rinite alérgica, aumento das adenoides

Podem causar obstrução nasal devido ao acúmulo de catarro, que pode ser empurrado para o ouvido, tapando-o.

Otite

As infecções de ouvido podem deixar o ouvido entupido. Normalmente a otite vem acompanhada de dor, febre, vertigem, tontura, além de agitação, choro fácil e perda de apetite, no caso das crianças.

Acúmulo de cera

O cerume em excesso pode obstruir parcialmente ou totalmente o conduto auditivo, bloqueando a transmissão das ondas sonoras para estruturas mais internas do ouvido.

Mesmo quando a quantidade de cera é normal, ela pode ser empurrada para o fundo do ouvido com a entrada de água ou com o uso de cotonetes, deixando o ouvido entupido e podendo até causar dor de ouvido.

O tratamento nesses casos consiste na retirada do excesso ou acúmulo de cera, através de lavagem do ouvido ou por meio de um instrumento apropriado. Contudo, quando a cera está compactada no fundo do ouvido, é necessário usar medicamento para o ouvido, antes de remover o cerume.

Em caso de ouvido entupido, deve-se procurar o/a médico/a de família, clínico/a geral ou otorrinolaringologista para que as causas sejam devidamente identificadas e tratadas.

Catarro no ouvido: quais os sintomas e como tratar?
Dra. Nicole Geovana
Dra. Nicole Geovana
Medicina de Família e Comunidade

O principal sintoma de catarro no ouvido é a sensação de ouvido entupido. Isso porque o acúmulo de secreção no ouvido atrapalha o funcionamento normal da audição, além de poder causar otites de repetição. A ocorrência de infecções de ouvido repetidas ou a diminuição da audição podem necessitar de tratamento cirúrgico.

O acúmulo de catarro no ouvido pode ocorrer devido a gripes frequentes, rinite alérgica, aumento das amígdalas e das adenoides, entre outras causas. O catarro fica acumulado no ouvido médio, parte do ouvido mais interna ao tímpano, levando à perda de audição.

Através do exame físico, o/a médico/a verifica a presença do catarro por trás do tímpano. O diagnóstico é confirmado por outros exames que indicam uma perda auditiva e uma menor vibração do tímpano.

O tratamento para catarro no ouvido é feito com medicamentos corticoides por via oral. Se não houver melhora do quadro depois de alguns dias, é então indicado o tratamento cirúrgico.

Nesse caso, o procedimento consiste na colocação de um pequeno tubo de ventilação no ouvido para drenar a secreção e impedir que ela se acumule novamente, restaurando a audição e prevenindo as infecções de repetição.

Caso você sinta catarro no ouvido, procure o/a médico de família ou médico/a clínico/a geral. Durante a consulta esse/a profissional avaliará a necessidade de encaminhamento para o/a médico/a otorrinolaringologista.

Saiba mais em: Ouvido entupido: o que pode ser e o que fazer?

Minha cabeça está fazendo um barulho estranho...
Dr. Charles Schwambach
Dr. Charles Schwambach
Médico

O que você tem é zumbido. O zumbido pode ter haver com suas outras doenças, mas normalmente está associado com doenças do labirinto (um órgão que fica no fundo dos ouvidos). Zumbido pode ser causado por doenças físicas e por problemas emocionais. Precisa procurar um otorrinolaringologista.

Como saber se estou com o ouvido inflamado?
Dra. Janyele Sales
Dra. Janyele Sales
Medicina de Família e Comunidade

Os principais sintomas de um ouvido inflamado ou infeccionado são: dor intensa, diminuição da audição, inchaço do canal auditivo, febre, agitação, perda de apetite, tontura e vertigem. Se ocorrer perfuração do tímpano, pode haver secreção no ouvido de odor desagradável.

Em crianças e bebês, uma inflamação ou infecção no ouvido pode causar também irritabilidade, choro fácil, apatia, falta de apetite, vômitos, diarreia, obstrução e corrimento nasal.

A diminuição da audição ocorre principalmente devido ao inchaço e consequente fechamento do canal auditivo. Também é comum a sensação de ouvido tapado ou de pressão no ouvido.

As inflamações e infecções no ouvido, conhecidas como otites, são as principais causas de dor de ouvido. De acordo com a localização, a otite pode ser média (interna) ou externa.

Na otite média, a produção de muco é maior, com acúmulo de líquido no ouvido. O tímpano fica inchado e avermelhado. As mucosas do nariz também ficam inchadas.

No caso da otite serosa, que caracteriza-se pelo acúmulo de líquido por trás do tímpano, pode haver evolução para otite crônica, o que pode prejudicar a audição a longo prazo. Eventualmente pode ser necessário realizar cirurgias que auxiliem no tratamento da otite serosa.

Uma otite serosa sem tratamento pode levar à surdez definitiva se não for devidamente tratada.

Uma das complicações mais comuns do ouvido inflamado, dependendo da localização da inflamação, é a perfuração do tímpano. Nesses casos, ocorre saída de secreção clara, com pus ou sangue, pelo ouvido. Quando isso acontece, costuma haver uma melhora instantânea da dor e da audição.

Quais as causas de ouvido inflamado?

O ouvido pode ficar inflamado ou infeccionado após gripes, infecções de garganta e doenças respiratórias, já que a garganta, as vias respiratórias e os ouvidos estão interligados.

O acúmulo de água no ouvido também pode causar infecções e deixar o ouvido inflamado.

As inflamações na parte mais externa do ouvido (otite externa) também podem ser causadas por traumatismos provocados por cotonete ou outros objetos.

Na otite externa, a inflamação ou infecção acomete a pele do canal auditivo. A maioria dos casos é causada por bactérias. Já a otite média está mais associada a infecções das vias aéreas superiores e pode levar a complicações.

Pessoas que têm alergias, psoríase, dermatite seborreica ou eczema apresentam mais chances de desenvolver otite externa, bem como aquelas que produzem pouca cera no ouvido ou têm a pele mais fina.

O uso de tampões ou aparelhos auditivos também pode causar infecções bacterianas nos ouvidos, principalmente se não forem devidamente limpos ou secos.

Qual é o tratamento para ouvido inflamado?

O tratamento do ouvido inflamado é feito com remédios analgésicos e anti-inflamatórios. Em casos de infecção causada por bactérias, podem ser utilizados antibióticos. A medicação pode ser de uso tópico (gotas ou pomadas) ou administrada por via oral, conforme o tipo de otite.

Procure o médico de família, ou clínico geral ou o pediatra em casos de sintomas sugestivos de otite. Em casos de complicações pode ser necessário a avaliação de um otorrinolaringologista.

Sempre tenho inflamação na garganta e ouvidos...
Dr. Charles Schwambach
Dr. Charles Schwambach
Médico

Somente use antibióticos quando seu médico prescrever. Existe uma série de fatores que devem ser levados em consideração na hora de se optar ou não pelo uso de antibiótico, muito da subjetividade e experiência do médico contam nessa hora, além do nível de ansiedade do paciente. Não existe uma regra fixa (apesar que isso seria o ideal), em medicina 1 + 1 = 0 ou 1 ou 2 ou 3 ou...

O que pode causar deficiência auditiva?
Dra. Janyele Sales
Dra. Janyele Sales
Medicina de Família e Comunidade

As principais causas de deficiência auditiva incluem desde exposição crônica a ruídos, envelhecimento, excesso de cera, infecções e inflamações no ouvido até mesmo tumores.

No entanto, algumas situações como uso de medicamentos traumas e mudanças na pressão atmosférica, entre outras situações também podem levar a deficiência auditiva.

A perda de audição pode ocorrer quando há alguma dificuldade na transmissão do som pelo canal auditivo ou quando ocorre deterioração das células nervosas que transmitem os sinais sonoros ao cérebro, localizadas no ouvido interno. Em alguns casos, a deficiência auditiva pode ter as duas causas.

A deficiência auditiva é a perda parcial ou total da capacidade de ouvir e pode ser leve, moderada, grave ou profunda.

Os sinais e sintomas da deficiência auditiva podem incluir zumbidos no ouvido, falar alto demais ou ainda pedir sempre para os outros falarem mais alto ou repetirem o que acabaram de dizer.

O tratamento da deficiência auditiva depende do seu local de origem e da sua causa. Em algumas situações pode ser necessário a realização de cirurgia ou outros procedimentos clínicos.

Quando a perda de audição afeta o ouvido interno, o déficit auditivo dificilmente é revertido, sendo necessário o uso de uma prótese auditiva.

O diagnóstico e tratamento da deficiência auditiva é da responsabilidade do médico otorrinolaringologista.

Saiba mais em:

Deficiência auditiva: Quais os sintomas e como tratar?

Otite pode causar surdez ou perda de audição?

Deficiência auditiva: Quais os sintomas e como tratar?
Dra. Janyele Sales
Dra. Janyele Sales
Medicina de Família e Comunidade

Os principais sinais e sintomas da deficiência auditiva incluem zumbido, chiado ou estalos no ouvido, ouvir rádio ou televisão com volume muito alto, falar muito alto, sensação de ouvido entupido, pedir constantemente para as outras pessoas falarem mais alto ou repetirem o que foi dito, além de não conseguir ou ter dificuldade em acompanhar conversas.

Na infância, a deficiência auditiva pode ter como sintomas o atraso no desenvolvimento da linguagem e do aprendizado, além de falta de atenção.

A deficiência auditiva é a redução ou a perda da capacidade de ouvir os sons, podendo ser classificada em leve, moderada, grave e profunda.

O tratamento da deficiência auditiva pode ser feito por meio de reconstrução cirúrgica, uso de aparelhos auditivos e prótese coclear.

Uma das formas mais eficazes de tratar a surdez é através do implante de uma prótese coclear. A cóclea é um órgão responsável pela captação dos sons e a prótese substitui essa função, permitindo que o paciente volte a ouvir, falar e se comunicar normalmente.

Leia também: O que pode causar deficiência auditiva?

Como prevenir a deficiência auditiva?

⇒ Não usar cotonetes ou qualquer outro objeto para tirar cera do ouvido ou tentar limpá-lo. A cera protege o ouvido e não é considerada sujeira. Contudo, quando for necessário limpar o ouvido, deve-se fazê-lo suavemente usando algodão ou um pano limpo;

⇒ Evitar estar frequentemente em ambientes com ruídos ou sons muito altos. Quando for necessário, recomenda-se utilizar equipamentos especiais para proteger a audição.

⇒ Evitar utilizar fones de ouvido durante mais de uma hora sem interrupção;

⇒ Evitar ouvir música com volume muito elevado.

Na presença de algum sintoma de deficiência auditiva, procure um médico otorrinolaringologista para receber um diagnóstico e tratamento adequados.

Forte ardência e coceira no nariz, garganta e ouvidos...
Dr. Charles Schwambach
Dr. Charles Schwambach
Médico

Estes são sintomas típicos de rinite alérgica associada com um quadro de alergia de toda parte respiratória superior.

Todas as noites meu ouvido fica fazendo um som estranho?
Dr. Charles Schwambach
Dr. Charles Schwambach
Médico

Isso chama-se zumbido e tem tratamento (geralmente com remédios) deve procurar um médico clínico geral ou um otorrinolaringologista.