Perguntar
Fechar

Paternidade

Preciso saber que dia engravidei?
Dr. Charles Schwambach
Dr. Charles Schwambach
Médico

Qualquer um desses dias é possível ter ocorrido uma gravidez, sendo dia 25 o mais provável, seguido pelo dia 31 e por último o dia 17, porém todos são dias possíveis.

Como saber quem é o pai do meu filho?
Dra. Rafaella Eliria Abbott Ericksson
Dra. Rafaella Eliria Abbott Ericksson
Clínica médica e Neurologia

Se houve relação com mais de um parceiro antes da gestação, a única forma de saber com certeza quem é o pai do seu filho é através de um teste de paternidade por DNA.

No caso de saber exatamente seu ciclo menstrual e as datas em que houver as relações, pode sugerir quem é o pai, mas não é um método fidedigno. A relação sem qualquer contraceptivo próximo ao dia fértil, dia 07/02, fala mais a favor da paternidade.

Entretanto, o fato de você ter praticado coito interrompido com o seu marido não garante que o filho não seja dele. O coito interrompido não é um método contraceptivo eficaz e apresenta uma taxa de falha elevada, em torno de 20%.

Isso porque o fluido que sai do pênis antes da ejaculação já pode conter espermatozoides capazes de fecundar o óvulo e gerar uma gravidez. Além disso, houve relação sexual com o seu marido no seu dia mais fértil, o que aumenta a probabilidade de ser ele o pai da criança.

Contudo, a única forma de esclarecer definitivamente a dúvida é através de um exame de DNA, que garante um resultado com 99,99% de certeza.

O teste de paternidade pode ser feito em laboratórios especializados e não necessita de pedido médico para ser realizado.

Estou grávida e não sei quem é o pai... e agora?
Dra. Janyele Sales
Dra. Janyele Sales
Medicina de Família e Comunidade

A probabilidade é maior para que seu filho seja do seu marido, porém somente o exame de DNA pode confirmar. O coito interrompido é um método de contracepção com alto índice de falha, cerca de 20%, por isso, geralmente costuma não ser recomendado, por isso pode mesmo haver dúvida em relação a paternidade da criança.

O exame de paternidade através de teste de DNA pode ser realizado durante a gravidez, antes do nascimento da criança, e possibilita saber com segurança qual o pai da criança.

Como é o teste de paternidade pré-natal?

Atualmente o teste de paternidade através do DNA, pode ser realizado algumas semanas após o início da gestação. O teste é feito através da recolha de sangue da mãe, a partir da 8º semana semana de gestação.

No exame é detectado material genético da criança que é comparado com o material genético do provável pai, que pode ser proveniente de saliva, sangue ou cabelo.

Algumas técnicas mais invasivas também podem ser realizadas para coleta de material genético da criança como através da amniocentese (coleta de líquido aminótico), cordocentese (coleta de sangue do cordão umbilical) ou de biópsia das vilosidades coriônicas.

Como é o teste de paternidade pós-natal?

O teste após o nascimento da criança pode ser realizado através também da coleta de saliva, sangue ou bulbo capilar da criança e do possível pai, assim é possível fazer a comparação genética que permite identificar a paternidade.

Geralmente o exame fica pronto entre 2 a 3 semanas, e apresenta confiabilidade maior que 99%.

Para mais informações converse com o seu médico de família.

Meu caso é o seguinte, estou grávida!
Dra. Janyele Sales
Dra. Janyele Sales
Medicina de Família e Comunidade

A probabilidade maior de gravidez é da relação ocorrida em 05-07-2011. Isto porque nessa data estava provavelmente mais próxima do seu período fértil, visto que estava no 15º dia do seu ciclo menstrual. A maioria das mulheres que apresentam ciclos menstruais de duração de 28 a 30 dias ovulam por volta de 14 a 16 dias depois do começo da menstruação.

A relação que teve no dia 23 foi no terceiro dia do seu ciclo menstrual não apresenta risco de gravidez, já que os primeiros dias da menstruação estão muito longe ainda do momento da ovulação na grande maioria das mulheres.

Vale lembrar que o coito interrompido é um método contraceptivo pouco seguro com alta taxa de falha, portanto, é possível que mulheres engravidem com esse método.

Como saber qual o meu período fértil?

Para saber qual é o seu período fértil, no qual há maior chance de engravidar é importante saber qual é a duração do seu ciclo menstrual em média. Geralmente, o dia em que ocorre a ovulação está na metade do ciclo menstrual.

Por exemplo, mulheres que apresentam ciclos menstruais de 28 dias irão ovular no 14º dia em média. Considerando esse 14º dia conta- se 3 dias antes e 3 dias depois. Portanto, o período fértil irá do 11º ao 17º dia do ciclo menstrual.

Vale lembrar que esse cálculo é uma média, algumas mulheres podem ovular um pouco antes ou depois da data prevista e assim o período fértil se modifica.

Alguns sinais no corpo da mulher também indicam uma maior proximidade da data da ovulação como: aumento da sensibilidade mamária, umidade vaginal, presença de corrimento em clara de ovo (transparente e elástico) e uma leve dor embaixo ventre próximo a região onde se localizam os ovários, nas porções inferior esquerda ou direita do abdômen.

Para mais informações consulte o seu médico ginecologista ou médico de família.

Procurando um pai! Qual a possível data da concepção?
Dra. Rafaella Eliria Abbott Ericksson
Dra. Rafaella Eliria Abbott Ericksson
Clínica médica e Neurologia

Não é possível definir com exatidão essa data. Podemos dizer que todos os dias citados são possíveis, sendo o dia 14 o mais provável, por ser exatamente o dia fértil, do ciclo menstrual regular de 28 dias. O dia 18 encontra-se próximo do dia fértil e o dia 7 o menos provável.

Na verdade, esse cálculo está sendo baseado em um ciclo menstrual normal, regular e de 28 dias, o que não é o mais comum na população feminina brasileira.

Por isso, recomendamos procurar seu médico ginecologista para uma avaliação mais detalhada e assim, com mais informações, sobretudo mais detalhes sobre seu ciclo menstrual e exame clínico, sugerir a data mais provável.

Como calcular o dia mais provável da gravidez?

O ciclo menstrual regular, apresenta como dia mais provável de gravidez, o dia do meio do ciclo, por isso, nos ciclos de 28 dias, o dia 14 é o mais fértil.

Nos ciclos mais curtos, como 26 dias, o dia fértil será o dia 13. Nos ciclos de 30 dias, o dia 15, e assim sucessivamente, sempre calculando o dia do meio do ciclo.

Vale ressaltar que o dia mais fértil é o dia do meio, porém contamos três dias a mais para frente o para traz, compondo o período fértil. Por isso, em média, a mulher apresenta 7 dias de maior possibilidade de gravidez.

Entenda melhor do assunto no link: Como calcular o Período Fértil?

Porém nos casos de ciclo menstrual irregular o cálculo se baseia nos últimos 6 meses.

Leia também: Ciclo menstrual desregulado: Como calcular o período fértil?

O médico ginecologista, através do exame clínico, é capaz de suspeitar o tempo estimado da gestação, por alterações no corpo da mulher, decorrente das alterações hormonais, entretanto, os dias são tão próximos, que pode ser mais difícil responder a essa questão.

De qualquer forma, o mais importante é que procure um atendimento médico para dar início ao pré-natal e assegurar uma gravidez saudável.

Pode lhe interessar também: Que exames devem ser feitos durante a gravidez?

Estou grávida e tive relação com meu ex e meu atual...
Dra. Rafaella Eliria Abbott Ericksson
Dra. Rafaella Eliria Abbott Ericksson
Clínica médica e Neurologia

A maior probabilidade é que o bebê seja do seu namorado, devido ao período em que mantiveram relação. Entretanto, a única forma de confirmar a paternidade, é mesmo através do exame de DNA, que garante um resultado com 99,99% de certeza, e pode ser realizado mesmo sem pedido médico.

De qualquer forma, para estimar o dia mais provável da gravidez, podemos calcular o período fértil, que se faz contando 14 ou 15 dias após a data do primeiro dia da última menstruação.

No seu caso, o dia 15 de dezembro, então com mais 14 = 29 de dezembro. Com uma margem de segurança de mais três dias antes e três dias depois, o seu período fértil foi do dia 26 de dezembro até o dia 2 de janeiro, com o dia 29 sendo o mais fértil, ou seja, maior chance de engravidar, justamente a semana em que esteve com seu namorado, mantendo um método com alto índice de falhas, o coito interrompido.

Já as relações próximas à data da menstruação não oferecem grande risco, aliás é bastante raro a gravidez nessa fase do ciclo.

Portanto, de acordo com o seu relato, a maior probabilidade é da gravidez ter ocorrido com o seu namorado.

Vale ressaltar, que o cálculo para mulheres com ciclos irregulares é um pouco mais complicado, mas também é possível de ser feito, saiba mais no link: Cálculo do período fértil vale para ciclo irregular?

Para maiores esclarecimentos, procure seu médico ginecologista, com quem deverá fazer o acompanhamento de pré-natal.

Pode lhe interessar também: Estou grávida e não sei quem é o pai... e agora?

Tenho dúvida sobre a paternidade do meu filho...
Dra. Rafaella Eliria Abbott Ericksson
Dra. Rafaella Eliria Abbott Ericksson
Clínica médica e Neurologia

A possibilidade de engravidar com uso de preservativo é muito remota, a não ser que tenha havido contato após a ejaculação.

A data mais provável da gravidez, seria o dia 21, por estar dentro do período fértil, e não ter havido proteção contra a gravidez, contando que seu ciclo seja regular de 28 a 30 dias.

Como saber o dia que eu engravidei?

Não é possível saber exatamente o dia em que engravidou, por diversos fatores, porém podemos estimar através do cálculo do período fértil, e demais dados descritos na sua pergunta.

Calculamos o período fértil, com o primeiro dia da última menstruação, o dia 1 (D1), e adicionamos 14 (para os ciclos de 28 dias), ou 15 (para os ciclos de 30 dias), ou seja, sempre o dia exatamente do meio do ciclo será o dia mais fértil.

Porém, é natural que hajam variações entre os organismos, por isso acrescentamos ao menos 3 dias antes e 3 dias após o dia fértil, compondo um período fértil, de aproximadamente 1 (uma) semana, como sendo os dias mais propensos à gravidez.

Outra razão para ampliar os dias considerados de risco para uma gravidez, é a questão da vitalidade dos espermatozoides, que podem sobreviver por 5 dias ou mais no corpo da mulher, permitindo a fecundação dias antes ou dias após a ovulação.

No seu caso, o D1 foi dia 11 de dezembro, (+14) = 25, portanto do dia 25 foi o seu dia mais fértil. O período fértil, foi do dia 22 ao dia 28 de dezembro. Visto que a relação desprotegida foi dia 21, fala muito a favor do dia provável da sua gravidez.

No entanto, dia 26 era ainda mais fértil, por isso, embora tenham feito uso de preservativo no ato da penetração, se houve contato íntimo após a ejaculação, esse dia não pode ser 100% descartado como possível dia da gravidez.

Saiba mais sobre esse assunto no link: Como saber qual meu período fértil?

Devido a todo o descrito, concluímos que a única maneira de determinar a paternidade do bebê, será através do exame de DNA, que compara as características biológicas do bebê com o suposto pai, garantindo um resultado com 99,99% de certeza.

O teste de paternidade pode ser feito em laboratórios especializados e não necessita de pedido médico para ser realizado.

Pode lhe interessar também: Estou grávida. Tem como saber qual dia engravidei?

Como eu sei quem é o pai?
Dra. Rafaella Eliria Abbott Ericksson
Dra. Rafaella Eliria Abbott Ericksson
Clínica médica e Neurologia

A relação do dia 26 é a mais provável relação que resultou nessa gravidez. Porém só consegue saber quem é o pai através do exame de DNA.

O dia 26 é o dia mais provável porque está dentro do período considerado o período fértil para engravidar, no seu caso, nesse mês. Esse período é calculado a partir do primeiro dia da última menstruação, somando 14 dias, para os ciclos de 28 dias, ou 15 dias para os ciclos de 30 dias. Para os ciclos irregulares, o cálculo é um pouco mais complexo, baseado nos últimos 6 meses.

Saiba mais no link: Ciclo menstrual desregulado: Como calcular o período fértil?

Sendo assim, para o seu caso, acreditando ser um ciclo regular de 28 dias, com o primeiro dia da última menstruação o dia 15, somamos 14 dias e alcançamos o dia 29 de janeiro, esse é o dia mais fértil. Porém o período fértil compreende ainda 3 dias antes e 3 dias depois, concluindo o período de 26 de janeiro a 01 de fevereiro como os dias mais prováveis para uma gravidez.

E como uma das relações foi exatamente no dia 26, esse parece o dia mais provável.

Entretanto, existem diversos fatores que podem alterar esse resultado, como o ciclo irregular, o uso de medicamentos, a vitalidade do espermatozoide, e a ovulação. O espermatozoide por exemplo, pode sobreviver por até 5 dias dentro do organismo da mulher, o que permitiria que a relação do dia 21 também alcançasse o dia 26 e assim, estaria dentro do período fértil.

Portanto, visto os dados informados, a única forma de saber com 99,9% de certeza a paternidade do bebê, é através do exame de DNA, que compara as características biológicas do bebê com o suposto pai. O teste de paternidade pode ser realizado em laboratórios especializados, sem a necessidade de pedido médico.

Leia também: Como saber qual meu período fértil?

A minha dúvida é: quem é o pai?
Dra. Rafaella Eliria Abbott Ericksson
Dra. Rafaella Eliria Abbott Ericksson
Clínica médica e Neurologia

Provavelmente o pai é o segundo parceiro. Pois após a primeira relação você fez uso do método contraceptivo de urgência - a pílula do dia seguinte, e a menstruação veio dias após, o que sugere que não permitiu a fecundação.

Entretanto manteve relações sem proteção com o segundo parceiro, e um momento no qual o ciclo estava irregular, devido ao uso da pílula do dia seguinte, fato que pode aumentar o risco de engravidar.

Os sintomas de gravidez geralmente se iniciam por volta da 5ª ou 6ª semana após a fecundação, ou seja, cerca de 40 dias.  

De qualquer forma, o único exame que pode te dar a certeza da paternidade é o exame de DNA, que compara as características biológicas do bebê com o suposto pai, garantindo um resultado com 99,99% de certeza.

O teste de paternidade pode ser feito em laboratórios especializados e não necessita de pedido médico para ser realizado.

Saiba mais sobre o assunto nos links:

Minha última mestruaçao foi dia 02/09/2011, tive relações...
Dr. Charles Schwambach
Dr. Charles Schwambach
Médico

A probabilidade maior é uma gravidez dos dias 11 ao 16, porém não dá para descartar os outros dias como possíveis dias para a ocorrência de gravidez.

Pai moreno e mãe branca, ambos com olhos castanhos, podem ter filho de olhos azuis?
Dra. Rafaella Eliria Abbott Ericksson
Dra. Rafaella Eliria Abbott Ericksson
Clínica médica e Neurologia

Sim. A cor dos olhos da criança depende da herança genética recebida dos pais. Mesmo ambos tendo olhos castanhos, se possuem "alelos" (material genético) de olhos azuis, existe sim a possibilidade de terem filhos de olhos azuis, embora seja mais difícil. 

Podemos observar esses casos quando existem avós ou bisavós com olhos claros.

Como isso acontece?

Quando ocorre a formação de um bebê, ele recebe material genético do pai e da mãe, que formarão seu próprio DNA, aonde estão armazenadas todas as características físicas e biológicas dessa criança.

A cor dos olhos varia de acordo com a produção, transporte e armazenamento da melanina, um pigmento que fica depositado na íris, além de outros tecidos do nosso corpo. Essas funções são determinadas pela combinação dos "alelos" que a criança recebe dos pais, um do pai e outro da mãe.

Existem dois tipos de alelos, A e a. O A determina a presença de melanina, ou seja, a cor marrom dos olhos, chamamos de alelo dominante. E o a, alelo recessivo, determina a cor azul. 

Quanto mais melanina mais escuros são os olhos.

Sempre que houver um A a cor dos olhos será escura, pela sua dominância; seja AA ou Aa. Se pai e mãe possuem gen Aa e transmitirem o a, alelo recessivo, formando a dupla aa, a criança apresentará olhos claros.

Resumindo:

Pai e/ou mãe - AA , todas as combinações terão ao menos um A no material genético, por isso 100% de chance do(s) filho (s) nasceram com olhos escuros.

Pai e mãe - Aa, já existe uma possibilidade de 25% de chance do(s) filho(s) ter olhos claros.

Combinação de alelos

A maior parte da população possui olhos de coloração marrom. 

O/A médico/a da família ou clinico geral podem esclarecer mais dúvidas sobre esse assunto.

Tive relação... quem pode ser o pai?
Dr. Charles Schwambach
Dr. Charles Schwambach
Médico

Não dá para saber, qualquer um dos dois pode ser o pai, neste caso só teste de DNA.