Risco de Engravidar

Tive um aborto espontâneo, em quanto tempo posso engravidar?

Provavelmente seu aborto não deve ter nada haver com a Teicoplanina que seu marido está usando. Deve esperar 6 meses para engravidar novamente, antes de começar a tentar engravidar deve procurar um ginecologista. Seu útero após a curetagem fica como sempre foi (salvo alguma complicação durante a curetagem).

Quero trocar o anticoncepcional, corro risco de engravidar?

Deve iniciar a cartela do novo anticoncepcional no mesmo dia que iniciaria a cartela do anticoncepcional anterior para que não ocorra confusão, sangramento fora de época ou risco de gravidez.

Eu posso engravidar na primeira vez?

Sim. A mulher pode engravidar mesmo na primeira relação sexual.

Após a menarca, primeira menstruação, a mulher se encontra apta à engravidar. Por isso, uma relação sexual desprotegida é capaz de ter como consequência uma gravidez não desejada.

A mulher que pretende iniciar suas atividades sexuais e não deseja engravidar deve utilizar algum método contraceptivo.

O preservativo (camisinha) masculino ou feminino são eficazes na prevenção de doenças sexualmente transmissíveis, bem como na prevenção de gravidez.

Caso pretenda utilizar outro método anticoncepcional de longa duração, é recomendada uma consulta com o/a médico/a de família, clínico/a geral ou ginecologista para uma avaliação pormenorizada de qual método é mais indicado no seu caso.     

Tomo Contracep, posso engravidar por causa de uns dias a mais?

Na verdade o ideal é contar 90 dias e aplicar a injeção, porém 2 ou 3 dias a mais não vai diminuir a eficácia anticoncepcional. Não vai engravidar por causa desses dias a mais.

Quanto tempo depois de uma cirurgia posso engravidar?

O tempo que a mulher tem que esperar para engravidar depois de uma cirurgia depende do tipo e do local da operação. Alguns exemplos:

  • Cirurgia no útero para retirada de pólipos (polipectomia): 30 dias, pois as lesões causadas no procedimento geralmente são superficiais;
  • Cirurgia no útero para remover um mioma (miomectomia): Recomenda-se esperar pelo menos 12 semanas antes de tentar engravidar, uma vez que as lesões tendem a ser mais profundas que aquelas da polipectomia;
  • Cirurgia bariátrica: Deve-se esperar pelo menos 1 ano antes de tentar engravidar por causa da rápida perda de peso que ocorre nesse período, o que provoca uma instabilidade nos eletrólitos e nutrientes do corpo;
  • Cirurgia plástica:
    • Redução de mamas (mamoplastia redutora): O ideal é esperar pelo menos 2 anos para engravidar, pois só depois desse período as mamas estarão novamente em condições praticamente normais;
    • Abdominoplastia: Pode engravidar 1 ano após a cirurgia;
    • Lipoaspiração: A mulher já pode engravidar 6 meses depois da cirurgia;
    • Cirurgias de rosto, nariz, orelhas: Deve-se aguardar 6 meses para tentar engravidar.

Leia também: Quanto tempo depois de perder o bebê posso engravidar?

Informe o médico obstetra que irá fazer o seu pré-natal sobre a cirurgia para que ele possa definir com segurança quanto tempo você terá que esperar antes de tentar engravidar.

Cefalexina e anticoncepcional, posso engravidar?

A cefalexina pode ter um pequeno efeito sobre os anticoncepcionais orais, porém é pequeno e como estava menstruada, dificilmente engravidou nessa situação.

Posso engravidar com cisto no ovário e mioma?

Sim. Mulher com cisto no ovário e mioma pode engravidar.

A maioria das mulheres com ovário policístico e/ou mioma é capaz de engravidar e não apresenta nenhum problema.

As mulheres com Síndrome dos Ovários Policísticos podem ter dificuldade de engravidar pois apresentam o ciclo menstrual irregular.

Devido ao desequilíbrio hormonal, alguns ciclos menstruais não apresentam ovulação, o que pode levar um tempo maior para a mulher com síndrome dos ovários policísticos engravidar.

Em geral, após 12 meses consecutivos de tentativa de engravidar, a mulher juntamente com seu companheiro devem procurar uma consulta com médico/a de família, clínico/a geral ou ginecologista para uma avaliação da fertilidade do casal.

Com relação ao mioma, algumas mulheres podem apresentar dificuldade em engravidar pois o mioma pode interferir no local da implantação do embrião, na distensão do útero no início da gestação e prejudicar as contrações uterinas. Essa situação é rara e dependerá da localização do mioma no útero. Algumas complicações durante a gravidez, também não frequentes, podem ocorrer como aborto espontâneo, dor, parto prematuro e descolamento de placenta.

Outros fatores relativos à infertilidade são mais importantes de serem investigados no casal com dificuldade de engravidar.

planejamento familiar e uma consulta pré concepção com o/a ginecologista, clínico/a geral ou médico/a de família podem facilitar a solução de dúvidas e reduzir a insegurança do casal. 

Tenho sangramento de escape, posso engravidar?

O sangramento de escape é comum em quem usa o anticoncepcional hormonal como Diane 35. Ao fazer o uso regular do anticoncepcional, sem esquecimento de pílulas e sem falhas, ele terá seu efeito garantido mesmo havendo esses escapes.

Sangramento de escape é a perda mínima de sangue que pode ocorrer ao longo do ciclo menstrual. Esse sangramento é diferente do sangramento da menstruação pois tem uma coloração de sangue menos vivo, não é prolongado, costuma durar alguns dias ou mesmo apenas 1 dia, é percebido na calcinha manchada e às vezes a mulher não sente necessidade do uso de absorvente.

O risco de gravidez em quem usa anticoncepcional é reduzido, em torno de 1%. Ou seja, quem faz uso regular da medicação, mesmo apresentando o sangramento de escape, tem um baixo risco de engravidar.

Caso você tenha alguma dúvida, consulte o/a médico/a de família, ginecologista ou clínico/a geral para uma avaliação.

Já fui operada de apendicite, posso engravidar?

Sim. A mulher que já fez cirurgia de apendicite pode engravidar normalmente.

A cirurgia para retirada do apêndice inflamado e/ou infectado não interfere na fertilidade da mulher e não apresenta riscos à gravidez.

O apêndice é um órgão localizado no início do intestino grosso. Quando ele está inflamado ou infectado, é indicada realização de cirurgia para sua retirada devido ao risco de ruptura. A cirurgia pode ser feita por diferentes técnicas, porém, nenhuma delas influenciará na possibilidade da mulher engravidar no futuro.

A mulher que pretende engravidar deve se preparar devidamente para garantir uma vida saudável para si e para seu/sua bebê. Nesses cuidados inclui, por exemplo, o uso de ácido fólico para prevenir defeitos de formação do tubo neural. Procure o/a ginecologista, médico/a de família ou clínico/a geral para uma consulta pré-concepcional.

Ficar sem Depo-Provera dois meses tem risco engravidar?

Os anticoncepcionais injetáveis são bem eficazes durante seu período de ação (que pode variar entre 30 e 90 dias dependendo do anticoncepcional. Após esse período existe sim o risco de gravidez.

Ovário policístico, tomei remédio. Posso engravidar?

Sim. A mulher que tem ovários policísticos pode engravidar mesmo após 1 mês de uso da medicação indicada para o tratamento.

As mulheres com Síndrome dos Ovários Policísticos podem ter dificuldade de engravidar pois apresentam o ciclo menstrual irregular.

Devido ao desequilíbrio hormonal, alguns ciclos menstruais não apresentam ovulação, o que pode levar um tempo maior para a mulher com síndrome dos ovários policísticos engravidar.

Em geral, após 12 meses consecutivos de tentativa de engravidar, a mulher juntamente com seu companheiro devem procurar uma consulta com médico/a de família, clínico/a geral ou ginecologista para uma avaliação da fertilidade do casal.

A mulher que já está em tratamento para a síndrome e/ou para tentar engravidar deve realizar um acompanhamento contínuo para controlar as dosagens hormonais e avaliar os sintomas clínicos.

Leia mais em:

Metformina é um bom tratamento para quem tem ovários policísticos?

O que quer dizer ovário com aspecto micropolicístico?

O tratamento da fertilidade em mulheres com Síndrome dos Ovários Policísticos pode ser eficaz logo no primeiro mês ou demorar um tempo a depender dos outros fatores, como o peso corporal e a medicação em uso. Use a medicação conforme indicação médica e converse sobre suas dúvidas com o/a médico/a que está lhe acompanhando.  

Posso engravidar na troca do anticoncepcional?

Não há risco de engravidar na troca do anticoncepcional. Se você começar a tomar o anticoncepcional novo no mesmo dia que iniciaria o anterior, não há risco de gravidez. Já está protegida logo na primeira cartela do novo anticoncepcional.

Mesmo que comece a tomar o novo anticoncepcional um dia antes, não tem problemas. Porém, se começar com atraso, as chances de engravidar aumentam.

Quanto maior o atraso, mais desprotegida você fica. Nesse caso, o mais indicado é usar preservativos durante a primeira cartela e só confiar no anticoncepcional a partir da segunda cartela.

Lembrando que a primeira pílula anticoncepcional deve ser tomada no 1º dia da menstruação. Se for uma cartela de 21, a mulher deve fazer uma pausa de 7 dias e retomar a seguir. Se a cartela for de 24 pílulas, a pausa é de 4 dias. 

Durante essa pausa entre uma cartela e outra não há risco de engravidar, mesmo que a mulher troque de anticoncepcional.

Leia também:

Posso engravidar na pausa do anticoncepcional?

Tomei o anticoncepcional com falhas. Posso engravidar?

Dúvidas sobre Anticoncepcional