Perguntar
Fechar

Sintomas de Aborto

Quais são os sintomas de aborto?
Dra. Nicole Geovana
Dra. Nicole Geovana
Medicina de Família e Comunidade

Os possíveis sinais e sintomas de um aborto espontâneo são:

  • Sangramento vaginal, com sangue de coloração viva ou escura;
  • Dores abdominais ou cólicas;
  • Saída pela vagina de um coágulo de sangue ou um jato de líquido claro ou rosa;
  • Dor na coluna lombar (parte de baixo das costas);
  • Contrações uterinas doloridas;
  • Febre (aborto infectado).

Esses sinais e sintomas também podem variar de acordo com o tipo de abortamento:

  • Ameaça de aborto:

    • Sangramento vaginal pouco intenso ou moderado;
    • Pode haver dores abdominais, tipo cólicas, normalmente pouco intensas;
    • Colo do útero encontra-se fechado;
    • Volume uterino condiz com o tempo de gravidez;
    • Não há sinais de infecção;
    • Exame de ultrassom está normal, com o feto vivo.
  • Aborto completo:
    • Ocorre geralmente antes da 8ª semana de gestação;
    • A perda de sangue e as dores diminuem ou acabam depois da expulsão do embrião;
    • Colo uterino pode estar aberto;
    • Tamanho do útero está menor que o esperado para a idade gestacional;
    • No exame de ultrassom a cavidade uterina está vazia ou com imagens de coágulos;
  • Aborto inevitável e incompleto:
    • Apresenta sangramento maior que na ameaça de abortamento;
    • A perda de sangue diminui com a saída de coágulos ou restos embrionários (leia também: O que são restos ovulares e como surgem?);
    • As dores geralmente são mais fortes que na ameça de aborto;
    • O colo do útero encontra-se aberto;
    • O ultrassom confirma o diagnóstico.
  • Aborto retido:
    • Normalmente evolui com a regressão dos sinais e sintomas da gravidez;
    • Pode ocorrer sem os sinais de ameaça de abortamento;
    • O colo uterino encontra-se fechado;
    • Não há sangramentos;
    • Exame de ultrassom mostra ausência de vitalidade ou presença de saco gestacional sem embrião;
  • Aborto infectado:
    • Febre;
    • Sangramento vaginal com odor fétido;
    • Dores abdominais;
    • Eliminação de secreção com pus pelo colo uterino;
    • Muitas vezes está associado a manipulações do interior do útero através de técnicas  inadequadas  e  inseguras;
    • A infecção geralmente é provocada por bactérias da própria flora vaginal;
    • Trata-se de um caso grave que deve ser tratado, independentemente da vitalidade do feto.
    • Pode evoluir para peritonite (infecção generalizada do interior do abdômen).

Leia também: Chá de maconha causa aborto?; Aborto pode causar infertilidade?

Na presença de qualquer um desses sinais e sintomas de abortamento, entre em contato imediatamente com o/a médico/a ginecologista, médico/a de família ou clínico/a geral ou procure um serviço de urgência.