Perguntar
Fechar

Teste de farmácia tem que ser feito com a 1ª urina do dia?

Dra. Nicole Geovana
Dra. Nicole Geovana
Medicina de Família e Comunidade

Teste de gravidez de farmácia pode ser feito com a urina de qualquer hora do dia e pode ser feito a partir de um dia de atraso menstrual. Antes disso não é confiável.

Porém, o ideal é esperar 8 dias para ver se realmente é atraso menstrual, após esse período o teste se torna ainda mais fidedigno, alcançando eficácia próxima a 100%.

Contudo, apesar da maioria dos testes de gravidez de farmácia poder ser feita com a urina de qualquer hora do dia, a primeira urina da manhã está mais concentrada e possui uma maior concentração de beta-HCG, oferecendo melhores resultados. Quanto mais intensa a cor da risca que aparece no teste, mais beta-HCG está presente na urina.

Teste de gravidez de farmácia: quando fazer e resultados

Como foi dito, o teste de gravidez de farmácia pode dar resultado positivo a partir do 1º dia de atraso menstrual, mas para o teste detectar uma gestação, é necessário que os níveis do hormônio beta-HCG (produzido durante a gravidez) estejam altos o suficiente para serem detectados na urina, o que só ocorre pelo menos 8 dias depois da fecundação.

Portanto, é necessário que ocorra a implantação do óvulo fecundado no útero para que o corpo da mulher comece a produzir esse hormônio. Para evitar os resultados chamados "falso-negativo", o recomendado é aguardar uma semana de atraso menstrual para realizá-lo. Se ainda assim der negativo e ainda houver suspeita de gravidez, o teste deve ser repetido após uma semana ou buscar pedido médico para realização de teste de sangue.

A eficácia do teste de gravidez pela urina varia entre 97% e 99,5%. Resultados falso-positivos, ou seja, a mulher não está grávida e o resultado é positivo, são raros. Portanto, se o resultado for positivo, a probabilidade da mulher estar grávida é muito alta.

O exame de gravidez beta-HCG feito através da análise do sangue é ainda mais confiável que os testes de farmácia, uma vez que a concentração desse hormônio é bem maior na circulação sanguínea do que na urina. Vale lembrar que para fins médicos, a gravidez só é confirmada pelo exame de sangue.

Para maiores esclarecimentos, consulte o(a) médico(a) de família, clínico(a) geral ou ginecologista.

Leia também:
Teste de farmácia pode dar resultado errado?