Perguntar
Fechar

Hepatite A

O que não pode comer quem tem problemas de fígado?

Pessoas que têm problemas de fígado devem EVITAR:

  • Alimentos gordurosos, alimentos fritos;
  • Açucares;
  • Sal;
  • Bebidas Alcoólicas;
  • Molhos;
  • Creme de leite;
  • Leite e queijo integrais;
  • Manteiga e margarina;
  • Embutidos como salsichas, salames, linguiças, mortadela.

A dieta de um paciente com problemas hepáticos, ou seja, problemas no fígado, deve ser baseada nos seguintes critérios:

  • Dar preferência aos alimentos integrais: Os carboidratos, como pão, massas, e o arroz, devem ser preferencialmente integrais, pois contêm mais fibras solúveis, que se unem ao açúcar e às gorduras do bolo alimentar, dificultando a sua absorção;
  • Consumir apenas leites e derivados desnatados: Os derivados como queijos e iogurtes devem ter sempre o menor teor de gordura possível. Por isso os queijos ricota e cottage são os mais aconselhados;
  • Evitar doces e alimentos com muito açúcar: O excesso de glicose (açúcar) aumenta os níveis de triglicerídeos no sangue, agravando os problemas no fígado;
  • Preferir alimentos com baixo índice glicêmico: Batata doce e frutas como maçã e pera liberam o açúcar mais lentamente. Isso evita picos de glicose no sangue que, em excesso, é transformada em gordura e armazenada no fígado;
  • Consumir alimentos com ácidos graxos mono e poli-insaturados: São as chamadas "gorduras boas", pois protegem o coração e os vasos sanguíneos, podendo ainda ajudar a reduzir o colesterol ruim, auxiliando uma das funções hepáticas, o controle do colesterol. Castanhas, nozes, amêndoas, azeite, salmão, atum, sardinha, sementes de linhaça e quinoa são alguns dos alimentos que contêm esses ácidos graxos.

A dieta para pacientes com problemas de fígado deve ser elaborada por um nutricionista, de acordo com as recomendações do médico hepatologista.

Quais os sintomas da hepatite A?

Normalmente a hepatite A não manifesta sintomas, especialmente nas crianças. Nos adultos, ela pode passar despercebida como um resfriado leve. Quando presentes, os sintomas da hepatite A são: 

  • Náuseas e/ou vômitos;
  • Febre;
  • Tontura;
  • Dor abdominal;
  • Falta de apetite;
  • Cansaço;
  • Coceira na pele;
  • Diarreia, com fezes claras;
  • Urina escura;
  • Icterícia (pele e olhos amarelados).

A hepatite A é uma doença autolimitada de caráter benigno em que a pessoa se recupera em casa sem necessidade de internamento hospitalar. Menos de 1% dos casos pode evoluir para hepatite fulminante, exceto pessoas idosas, acima de 65 anos, que apresentam mais chances de desenvolver formas mais graves da doença.

Leia também: Tenho a pele amarela desde que nasci. Posso ter hepatite?

Indivíduos que já tiveram hepatite A ficam imunes a esse tipo de agravo, mas continuam suscetíveis às outras formas de hepatites.

Hepatite A tem cura? Se tem, qual o tratamento?

Hepatite A tem cura, embora não haja um tratamento específico para a doença. Recomenda-se repouso, abstinência de álcool durante e pelo menos 3 meses após o fim da doença e medicamentos para aliviar dores de cabeça, enjoos e febre, quando necessário. Deve-se evitar medicamentos contendo Paracetamol para não sobrecarregar o fígado.

Normalmente, a pessoa que adquiriu hepatite A cura-se espontaneamente em cerca de 1 a 2 meses, com boa recuperação em casa, não necessitando de internamento hospitalar. Quando há sintomas, estes costumam ser leves. A hepatite A não evolui para doença crônica e raramente torna-se grave ao ponto de necessitar de transplante de fígado. Existe, contudo, vacina para a hepatite A.

transmissão da hepatite A dá-se pela via fecal-oral, ou seja, de uma pessoa infectada para outra saudável ou através de alimentos ou água contaminada. Boas práticas de higiene como lavar as mãos com água e sabão, beber água filtrada, lavar verduras e frutas antes de comer são as formas de prevenir a doença.  

É verdade que a hepatite A é combatida à base de doces?

Não. A hepatite A tem como tratamento cuidados e orientações básicas.

Trata-se de uma doença causada pela contaminação do vírus da hepatite A (VHA), através de água ou alimentos contaminados, por isso acomete com maior frequência crianças e adolescentes, além de pessoas que moram em ambientes com saneamento básico precário. Esse vírus se aloja no fígado, aonde gera a intensa reação inflamatória e consequentemente seus sintomas.

O tratamento dessa infecção é praticamente repouso, alimentação balanceada, muito liquido (exceção de bebidas alcoólicas), e evitar medicamentos que sobrecarreguem ainda mais o fígado, como o paracetamol.

Não existe um medicamento específico para o tratamento da hepatite A, mas com certeza não há estudos científicos que sugiram o uso de doces para este tratamento.

Em caso de dúvidas ou mais esclarecimentos o médico clinico geral, medico da família ou gastroenterologista podem ajudar. Agende uma consulta médica.

Saiba mais sobre o assunto em:

Hepatite A tem cura? Se tem, qual o tratamento?

Quais os sintomas da hepatite A?

Tenho a pele amarela desde que nasci. Posso ter hepatite?

Sinto dores abdominais do lado direito abaixo as costelas. Pode ser hepatite?

Tenho a pele amarela desde que nasci. Posso ter hepatite?

Pele amarelada (icterícia) é um dos sinais de hepatite, mas é muito pouco provável que você tenha a doença desde o nascimento.

A icterícia é provocada pelo acúmulo de bilirrubina no sangue, que então se deposita na pele, parte branca dos olhos e mucosas, deixando a pele e os olhos amarelados.

A bilirrubina é uma substância de cor amarela, resultante do metabolismo da hemoglobina (substância que dá a cor vermelha aos glóbulos vermelhos do sangue).

Dentre as doenças que podem deixar a pele amarelada estão:

  • Hepatites;
  • Cirrose hepática;
  • Hemocromatose (doença genética que provoca uma absorção excessiva do ferro presente na alimentação);
  • Síndrome de Gilbert (condição benigna, também genética, que provoca uma elevação nos níveis de bilirrubina);
  • Câncer de fígado;
  • Anemia falciforme;
  • Cálculos ou tumores biliares;
  • Câncer de pâncreas.

Também pode lhe interessar o artigo: Olhos amarelados, o que pode ser?

Na fase crônica da hepatite B, por exemplo, a maioria das pessoas não manifesta sintomas. Quando estes estão presentes, são causados pela insuficiência e cirrose do fígado, o que pode causar, além de pele e olhos amarelados, os seguintes sinais e sintomas:

  • Líquido acumulado no abdômen (ascite);
  • Inchaço nos membros inferiores;
  • Baço aumentado;
  • Confusão mental.

A icterícia pode ter diversas causas e para detectá-las é preciso fazer exames laboratoriais específicos. Para isso, consulte um médico clínico geral, médico de família ou vá diretamente a um hepatologista. Só então será possível realizar um tratamento adequado para eliminar o problema.

Leia também:

Bilirrubina alta: o que pode ser?

Para que serve o exame de bilirrubina no sangue?

Quais os sintomas da hepatite A?

Quais são os sintomas da hepatite B?

Quais são os sintomas da hepatite C?