Perguntar
Fechar

É normal sentir tontura ao se levantar, ou ao comer, ou...

Queria saber se é normal nas manhãs, quando me levanto normalmente tenho tonturas, e quando como, quase sempre, tenho a sensação que me pára a digestão porque fico com tonturas e náuseas e um mau estar... se acabo de comer e entro no carro também me acontece!
Dra. Janyele Sales
Dra. Janyele Sales
Medicina de Família e Comunidade

Não é normal sentir esses sintomas, diferentes condições podem desencadear esse quadro de tontura, por exemplo a tontura ao se levantar é um quadro que pode sugerir um episódio de hipotensão ortostática. Já disfunções vestibulares podem também estar associadas a presença de tontura repentina ou transitória, mesmo fatores ambientais como andar de carro, podem desencadear tontura, como é o caso da cinetose.

Além disso, a presença de diferentes doenças também podem desencadear episódios semelhantes. Por isso, no seu caso é importante procurar uma avaliação médica para que a causa da tontura seja melhor diagnosticada e tratada.

Quais são as principais causas de tontura?

Existem quatro tipos de tontura: a vertigem, a lipotimia ou pré-síncope, o desequilíbrio e a tontura inespecífica.

Vertigem

A vertigem é a sensação de que tudo roda ao seu redor ou quando a pessoa sente-se girando em relação ao ambiente em torno. A vertigem é originada por disfunções vestibulares, originadas no vestíbulo, um pequeno órgão relacionado ao equilíbrio. Ela tem diferentes causas como:

  • Vertigem Posicional Paroxística Benigna;
  • Labirintites infecciosas;
  • Doença de Mènieré;
  • Enxaqueca;
  • Acidente vascular encefálico;
  • Tumores cerebrais.

As causas de origem central relacionadas a tumores cerebrais são muito mais raras e menos frequentes.

Lipotimia ou pré-sincope

A lipotimia ou pré-síncope é caracterizada por uma sensação de desmaio e fraqueza, no qual pode ocorrer escurecimento da visão ou perda de consciência transitória e rápida. Também podem estar presente os sintomas de palidez e sudorese intensa.

Pode ter diferentes causas, que se relacionam a diminuição da oxigenação cerebral transitória. É comum em situações em que ocorre queda da pressão arterial (hipotensão arterial), como situações de aglomeração de pessoas, alta temperatura, ambientes fechados ou exposição excessiva ao sol.

Também é frequente devido a ocorrência do reflexo vasovagal, esse reflexo geralmente é desencadeado em situações no qual há dor intensa, ou contato com sangue ou odores fortes ou durante a realização de exames.

Embora a pré-síncope esteja bastante relacionada a episódios transitórios e de natureza benigna também pode ser desencadeada por doenças cardíacas que merecem maior atenção como arritmias ou insuficiência cardíaca.

Desequilíbrio

É a sensação de instabilidade ao andar, geralmente cessa quando a pessoa senta-se ou deita-se e fica em repouso. Pode ter diferentes causas, algumas são:

  • Distúrbios neurológicos como a neuropatia periférica, mielopatia, espasticidade, rigidez parkinsoniana e ataxia cerebelar;
  • Presença de distúrbios visuais;
  • Fraqueza muscular;
  • Distúrbios metabólicos como hipo ou hiperglicemia, alterações tireoidianas, desidratação, entre outros;
  • Cinetose, é uma condição que causa tontura, náuseas e outros sintomas quando a pessoa encontra-se em um meio de transporte como carro, barco, avião ou trem.

Em idosos o conjunto de diferentes déficits como alterações visuais, auditivas e sensoriais na pernas e nos pés leva ao quadro de déficit sensorial múltiplo, que ocasiona tontura do tipo de desequilíbrio.

Tontura inespecífica

A tontura inespecífica se refere a diferentes tipos de sintomas, muitas vezes difíceis de serem descritos pela pessoa que os sente. Podem estar presentes os sintomas das demais tontura como sensação de que tudo roda ao redor, ou sensação de desmaio e perda de consciência ou mesmo sensação de desequilíbrio ao andar. A pessoa sente ainda um mal estar, uma sensação de "cabeça vazia".

Pode estar relacionada a qualquer uma das causas já mencionadas ou ser ainda decorrente de outras situações como:

  • Transtornos psicológicos, como ansiedade, depressão, esquizofrenia ou sintomas psicossomáticos;
  • Estresse;
  • Insônia;
  • Uso de medicamentos, como anti-hipertensivos, anticonvulsivantes ou psicotrópicos.

Na vigência de tontura consulte o seu médico de família ou clínico geral para uma avaliação inicial.