Perguntar
Fechar

Excesso de gases: o que pode ser e como tratar?

Excesso de gases (eructação ou popularmente “arroto” e flatulência ou popularmente “pum”) pode ocorrer por uma série de motivos e o tratamento dependerá exatamente da causa desse problema.

Eliminamos gases diariamente, de forma natural, de acordo com o funcionamento do nosso intestino e quantidade de bactérias que nele habitam. Trata-se de uma condição completamente normal e geralmente não indica qualquer doença.

Porém, quando ocorrem com uma frequência muito elevada ou associado a outros sintomas como: dor de barriga, perda de peso, diarreia crônica, diminuição do apetite, anemia, febre e ou sangramentos, o excesso de gases pode ser sinal de algum problema de saúde.

Gases intestinais e gases no estômago: causas, sintomas e tratamento

Quais as causas dos gases intestinais e no estômago?

Os gases intestinais são produzidos pelas bilhões de bactérias que vivem no nosso trato digestivo e participam do processo de digestão, principalmente após metabolização de carboidratos, gorduras e proteínas ingeridas nos alimentos.

Outras causas possíveis para o excesso de gases são: falta de exercício físico, intolerância à lactose, alterações da flora bacteriana dos intestinos por uso de antibióticos, síndrome do intestino irritável, dispepsia funcional e constipação intestinal (prisão de ventre).

No caso dos gases no estômago, a origem principal é o ar engolido durante as refeições. Não reparamos, mas durante as refeições engolimos grandes volumes de ar, ainda mais quando conversamos durante a alimentação.

Também é comum haver deglutição de ar quando mastigamos um chiclete, engolimos saliva, tomamos bebidas com gás, fumamos ou mesmo conversamos.

Quais os alimentos que causam gases intestinais?

Dentre os alimentos que causam mais gases intestinais, estão: os refrigerantes e bebidas gaseificadas em geral, cerveja, feijão, repolho, couve-flor, ovos, vinagre, leite e alguns laticínios, adoçantes artificiais, batata, milho e alho.

Quais os sintomas de gases?

Os principais sinais e sintomas de gases são as dores abdominais em pontadas, inchaço e "endurecimento" da barriga, as cólicas, a flatulência (gases intestinais) e a eructação (gases no estômago).

Como eliminar gases?

O tratamento mais interessante e fácil para excesso de gases é a simples mudança da dieta, evitando ou diminuindo os alimentos citados. Vale a pena manter um registro de alimentos e bebidas que você costuma ingerir para identificar quais são mais incômodas para seu organismo e procure evitá-las no futuro.

É importante também praticar exercícios físicos e diminuir o estresse, além de equilibrar a alimentação.

Existem também alguns remédios, como a dimeticona e o salicilato de bismuto, que podem ser úteis para eliminar os gases, mas primeiro tente resolver o problema com a dieta e atividade física. Caso não seja suficiente, procure um médico que possa avaliar o caso e se preciso, prescrever o tratamento mais adequado.

Alguns remédios caseiros, como o chá de funcho com erva cidreira ou o chá de semente de erva doce, parecem ajudar na eliminação do excesso de gases, em algumas pessoas.

Chá de funcho com erva cidreira

Coloque 1 colher (sopa) de erva cidreira e 1 colher (sopa) de funcho em 250 ml de água fervente. Deixe tapado por 10 minutos, coe e beba de 3 a 4 xícaras de chá por dia, podendo adoçar, se for de costume.

Chá de semente de erva doce

Coloque 1 colher (chá) de sementes de erva doce em 250 ml de água fervente. Deixe tapado por 10 minutos, coe e beba de 3 a 4 xícaras do chá por dia, sem açúcar ou adoçante.

Exercícios para eliminar gases

Deite de barriga para cima e puxe as pernas dobradas contra a barriga.

Massagem para eliminar gases

Com as pontas dos dedos, faça movimentos circulares e profundos no abdômen, massageando a barriga no sentido dos ponteiros do relógio e insistindo nas áreas mais doloridas e inchadas.

Em caso de excesso de gases, um/a médico/a, de preferência gastroenterologista, deverá ser consultado.

Pode lhe interessar também: Minha barriga tem feito barulho, pode ser gases...