Perguntar
Fechar

O que pode ser fraqueza nas pernas?

A fraqueza nas pernas tem várias causas possíveis. Dentre elas estão:

  • Doenças vasculares (insuficiência vascular)
  • Doenças neurológicas
  • Doenças musculares
  • Doenças metabólicas
  • Transtornos psicológicos, entre outras.

Doenças vasculares

As doenças vasculares são as causas mais comuns de fraqueza nas pernas na nossa população, podendo acometer veias, artérias ou ambas. Condições como obesidade, sedentarismo, tabagismo, distúrbios hormonais e história familiar, são os principais fatores de risco para o desenvolvimento de doenças vasculares.

Insuficiência venosa

Trata-se de uma deficiência nas veias, que ocorre mais entre as mulheres, pessoas que passam muitas horas em pé e idosos. Normalmente está associada à dor nas panturrilhas, sensação de peso e cansaço nas pernas, mais prevalente no final do dia. Podem ser verificados sintomas como "vasinhos" (telangiectasias), varizes e inchaço nos membros.

Insuficiência arterial (claudicação intermitente)

Deficiência na circulação das artérias. Um quadro que acomete com maior frequência idosos, sobretudo tabagistas. Geralmente ocorre um ou mais episódios de dor intensa na perna, em pontada, durante ou logo após caminhadas mais longas, subir vários degraus de escada ou uma rua mais íngreme, ou seja, exercício intenso. É normal a pessoa precisar parar de caminhar por causa da dor. O repouso durante alguns minutos normalmente melhora os sintomas.

Doenças neurológicas

As doenças neurológicas que podem causar fraqueza nas pernas incluem: compressão de um nervo (por exemplo, causada por um disco deslocado na coluna vertebral), a hérnia de disco; "derrame" (acidente vascular cerebral); mielite transversa (inflamação aguda na medula); deficiência de vitamina B12 e neuropatia diabética (doença comum no diabético de longa data ou de controle glicêmico inadequado); paralisia cerebral, síndrome de Guillain-Barré ou mais raramente, esclerose múltipla e esclerose lateral amiotrófica e suas variações.

Dentre elas a mais frequente é a hérnia de disco, seguida pela neuropatia periférica (diabética) e o derrame cerebral. As demais doenças estão associadas a outros sintomas que devem ser avaliados pelo neurologista.

Doenças musculares

Um grupo de doenças que têm como principal sintoma a fraqueza muscular são as miopatias. A miopatia é uma doença que afeta a fibra do músculo, causando fraqueza muscular progressiva e dificuldade crescente de locomoção.

No início, as miopatias não causam sintomas. Depois, surge a fraqueza muscular, que piora gradativamente, até ocorrer a atrofia da musculatura e dificuldade de realizar tarefas simples como subir ou descer escadas, levantar-se, entre outras. Por isso, pessoas com miopatia geralmente são intolerantes ao exercício físico.

Os principais tipos de miopatias são as distrofias musculares, as miopatias congênitas, a distrofia miotônica e as miopatias inflamatórias. As causas podem ser genéticas, hereditárias ou ainda inflamações, infecções, tumores e doenças reumáticas.

Doenças metabólicas

A fraqueza nas pernas também pode ser um sintoma de distúrbio hidro eletrolítico, como baixos níveis de sódio ou potássio (após episódios de vômitos, má alimentação ou desidratação), pode ser decorrente a doenças da tireoide, glândula suprarrenal ou outras, como por exemplo a tireotoxicose, doença de Addison e hiperparatireoidismo.

Transtornos psicológicos

Os transtornos psicológicos como depressão, transtorno de ansiedade, histeria (reação de conversão), fibromialgia e síndrome da fadiga crônica, costumam originar com frequência, sintomas de fadiga, mal-estar e fraqueza nas pernas. Portanto devem sempre ser investigados.

Outras possíveis causas de fraqueza nas pernas

Outras possíveis causas de fraqueza nas pernas incluem problemas hormonais, períodos menstruais ou pré-menstruais, doenças crônicas de reumatismo, sobrepeso, alimentação ruim, entretanto também podem sinalizar situações mais graves e preocupantes como botulismo e envenenamento (inseticidas, ostras), o que leva riscos de vida para pessoa.

O diagnóstico dependerá da avaliação médica criteriosa, e quando necessário, exames complementares.

Na presença de fraqueza nas pernas, especialmente se houver dificuldade para andar, recomendamos agendar uma consulta com médico/a clínico/a geral, angiologista ou neurologista, para uma melhor avaliação.

Pode lhe interessar também: Quais os sintomas da insuficiência venosa?

Quais os alimentos ricos em vitamina B12?