Perguntar
Fechar

Anabolizantes

Anabolizantes cortam o efeito do anticoncepcional?
Dra. Rafaella Eliria Abbott Ericksson
Dra. Rafaella Eliria Abbott Ericksson
Clínica médica e Neurologia

Sim, anabolizantes podem cortar o efeito do anticoncepcional. Uma vez que os anabolizantes são hormônios, eles podem interferir com a metabolização dos hormônios presentes no anticoncepcional, anulando o seu efeito.

A ação dos anabolizantes no fígado é imprevisível e é este o órgão responsável pelo metabolismo dos hormônios que estão no anticoncepcional e no anabolizante.

Os anabolizantes, por serem quase sempre derivados da testosterona, um hormônio masculino, diminuem o efeito dos hormônios femininos.

Mulheres que usam anabolizantes e tomam anticoncepcional devem utilizar outro método para evitar uma gravidez.

veja também: Anabolizantes podem suspender a ovulação e causar infertilidade?

Além disso, caso fique grávida, existe um grande risco de haver malformações fetais, com alterações no desenvolvimento dos genitais do bebê.

O uso de anabolizantes pode prejudicar gravemente a saúde da mulher, podendo causar:

  • Menopausa precoce;
  • Osteoporose;
  • Aumento do colesterol ruim (LDL) e diminuição do bom colesterol (HDL), aumentando o risco de infarto e derrame;
  • Câncer de fígado;
  • Aumento da pressão arterial;
  • Comprometimento de fígado e rins;
  • Aumento da agressividade, ansiedade e competitividade;
  • Transtorno bipolar;
  • Aumento do clitóris;
  • Angina de peito.

Para maiores informações e esclarecimentos sobre o uso de anabolizantes, consulte um médico endocrinologista.

Pode lhe interessar também:

Anabolizantes causam impotência?
Dr. Ivan Ferreira
Dr. Ivan Ferreira
Médico

O uso de anabolizantes por longos períodos de tempo e em doses altas e inadequadas pode causar a impotência ou disfunção erétil, geralmente após a interrupção do seu uso. Isso pode ocorrer durante algum tempo ou de forma permanente, não havendo uma forma de prevenir esses efeitos com segurança.

Os anabolizantes ou esteroides androgênicos anabólicos são hormônios derivados da testosterona, que é o principal hormônio sexual masculino. Sua ação estimula um aumento mais rápido da massa muscular. A presença do anabolizante no organismo bloqueia a produção dos hormônios hipofisários que estimulam a produção natural da testosterona pelos testículos, levando a alterações das funções sexuais.

O uso de anabolizantes, que deve ser acompanhado pelo médico, é indicado para pessoas com problemas musculares, metabólicos ou sexuais. O seu uso indiscriminado, comprado em academias e sem prescrição médica pode causar sérios distúrbios ao organismo.

Saiba mais em:

Varicocele causa infertilidade e impotência?

Antidepressivo pode causar impotência ou infertilidade?

Quais são as causas da impotência sexual?

Quais os efeitos dos anabolizantes no corpo humano?
Dra. Ângela Cassol
Dra. Ângela Cassol
Médico

O uso indevido dos anabolizantes pode acarretar inúmeros efeitos, como:

  • redução da produção de esperma;
  • impotência;
  • dificuldade ou dor para urinar;
  • calvície (queda dos cabelos);
  • crescimento irreversível das mamas em homens (ginecomastia);
  • aparecimento de sinais masculinos em mulheres, como engrossamento da voz, crescimento excessivo de pelos no corpo e na face (barba), perda de cabelo, diminuição dos seios;
  • finalizar, prematuramente, o crescimento, levando à baixa estatura;
  • aparecimento de tumores (câncer) no fígado;
  • alteração da coagulação do sangue;
  • alteração no colesterol;
  • pressão alta;
  • infarto do miocárdio (cardíaco);
  • acne (espinhas);
  • oleosidade do cabelo;
  • aumento da agressividade e irritabilidade;
  • infecção pelo HIV, hepatite B e C, se for feito uso do anabolizante injetável, sem técnica estéril.

Na tentativa totalmente errônea de prevenir o aparecimento de efeitos indesejáveis, alguns usuários tomam medicamentos anti-hipertensivos e também medicamentos anti-câncer.

Usuários de anabolizantes podem ficar dependentes dessas drogas, o que pode ser observado em pessoas que continuam tomando anabolizantes mesmo após terem tido consequências causadas pelos mesmos, como problemas físicos, nervosismo, irritabilidade, efeitos negativos nos seus relacionamentos sociais e pessoais. 

Além disso, essas pessoas gastam grandes quantias de dinheiro e tempo para conseguir a droga e, quando deixam de usá-la, apresentam diversos sintomas desagradáveis.

Para quem já vem consumindo altas doses de anabolizantes há muito tempo e apresentam sintomas de dependência, nem sempre é fácil deixar de usar. Quando interrompem o uso, podem sentir fadiga, falta de apetite, insônia, diminuição da libido e ainda muita vontade de continuar usando anabolizantes.

O sintoma mais perigoso que pode surgir ao deixar de usar anabolizantes é a depressão, que pode levar à tentativa de suicídio, em casos extremos. Nesses casos é necessária a ajuda de um profissional para parar de usar anabolizantes, idealmente um médico psiquiatra.

Se você faz uso destas substâncias, deve procurar um médico psiquiatra ou endocrinologista para interromper o uso.

O que são anabolizantes?
Dra. Ângela Cassol
Dra. Ângela Cassol
Médico

Esteroides anabolizantes são drogas fabricadas para substituírem a testosterona, hormônio masculino produzido pelos testículos. A testosterona tem alguns efeitos no organismo, dentre eles, ajudar no crescimento dos músculos (efeito anabólico) e no desenvolvimento das características sexuais masculinas como: pelos, barba, voz grossa (efeito androgênico).

Algumas pessoas necessitam da reposição deste hormônio, pois seu organismo não é capaz de produzí-lo. No Brasil, os principais medicamentos esteroides anabolizantes usados são: Durasteton®, Deca-Durabolin®, Androxon®.

Há pessoas que não necessitam reposição de testosterona, mas acabam utilizando-a com o objetivo de melhorar o desempenho nos esportes, aumentar a massa muscular e reduzir a gordura do corpo. Os principais usuários dessas drogas são os atletas, porém o uso também está espalhando-se entre os não–atletas, que a utilizam com fins estéticos. Os homens são ainda os maiores utilizadores, embora o uso entre as mulheres venha crescendo.

É importante frisar que seu uso sem prescrição e orientação médica pode trazer sérias consequências ao indivíduo que as utiliza. Para utilizar os esteróides anabolizantes é necessário existir uma receita médica.

O COI (Comitê Olímpico Internacional) proíbe o uso de esteroides por parte dos atletas. Realizam testes anti-doping e caso seja detectado que o atleta está fazendo uso dessas drogas o mesmo poderá sofrer duras penas e perder os títulos conquistados.

Quem comercializa estas drogas infringe dois artigos do Código Penal brasileiro: artigo 278 (venda de substâncias nocivas à saúde) e 282 (falso exercício da medicina).

Se um médico oferecer uma receita de esteróides anabolizantes, questione sua prescrição, se você não tiver uma doença que justifique o uso.

O uso de esteróides anabolizantes é prejudicial à saúde! Não aceite utilizá-los, mesmo se indicado pelo seu personal trainer ou um amigo!

Anabolizantes podem suspender a ovulação e causar infertilidade?

Sim, anabolizantes podem suspender a ovulação e causar infertilidade, pois os hormônios presentes nos anabolizantes inibem a produção do hormônio FSH, responsável pela maturação dos óvulos. Sem ovulação, a mulher deixa de menstruar e já não pode engravidar. 

Os anabolizantes quase sempre são feitos com testosterona, um hormônio masculino que, em grandes quantidades no corpo da mulher, diminui a ação dos hormônios femininos.

Como resultado, a mulher começa a desenvolver características masculinas:

  • A voz fica mais grossa;
  • O corpo perde as suas formas arredondadas;
  • Os pelos crescem além do normal;
  • O maxilar fica mais largo.

Além disso, o clitóris fica maior, os seios menores e o apetite aumenta.

Porém, suspendendo o uso do anabolizante, a mulher volta a ovular e a menstruação fica regularizada. Cerca de 3 meses depois da interrupção, o organismo volta ao normal.

O uso de anabolizantes também dificulta a fixação do embrião na parede do útero, provocando abortos. No caso da gravidez vingar, há maiores riscos de malformação fetais, pois prejudica o desenvolvimento dos órgãos genitais do bebê.

Veja também: Anabolizantes cortam o efeito do anticoncepcional?

Quais são os outros efeitos colaterais dos anabolizantes?

Tanto em homens como mulheres, os anabolizantes produzem os seguintes efeitos colaterais:

  • Aumento de acnes;
  • Queda do cabelo;
  • Distúrbios na função do fígado;
  • Câncer no fígado;
  • Explosões de raiva ou comportamento agressivo;
  • Paranoia;
  • Alucinações;
  • Psicoses;
  • Coágulos sanguíneos;
  • Retenção de líquido;
  • Aumento da pressão arterial;
  • Aumento do colesterol ruim (LDL) e diminuição do bom colesterol (HDL).
O uso de anabolizantes é sempre contraindicado?

Os hormônios presentes nos anabolizantes podem ser usados ocasionalmente, para reposição hormonal em homens e para auxiliar pacientes com AIDS, desde que sejam prescritos e usados sob orientação de um médico endocrinologista.

Mesmo quando há necessidade, os pacientes tomam apenas doses mínimas de hormônios, o suficiente para regular a sua disfunção.

O uso de anabolizantes sem orientação médica é proibido e traz grandes riscos para a saúde.

Comecei tomar um anabolizante e notei corrimento vaginal?
Dr. Charles Schwambach
Dr. Charles Schwambach
Médico

O M-drol é um hormônio e a vagina é um órgão sensível a ação dos hormônios, portanto essa pode ser a causa do seu corrimento; ou existe a possibilidade de ser uma infecção vaginal que coincidiu com o período que começou a tomar essa substância. O ideal é você ir ao médico, preferencialmente um ginecologista, para o correto diagnóstico e tratamento, precisa ver também com o médico que receitou esse hormônio o que fazer se for efeito do próprio anabolizante.

Winstrol stanozolol emagrece e qual e a forma de se aplicar?
Dr. Charles Schwambach
Dr. Charles Schwambach
Médico

Este produto é um anabolizante, pode emagrecer (é um efeito colateral em algumas pessoas), mas não é para isso que ele serve, é um medicamento muito perigoso e só pode ser usado com receita médica e acompanhamento frequente. Não use este tipo de produto sem receita médica sob risco de sérios danos a sua saúde.

Anabolizantes causam esterilidade?
Dr. Ivan Ferreira
Dr. Ivan Ferreira
Médico

Os anabolizantes podem causar esterilidade dependo da utilização, pois podem inibir a produção de espermatozoides. A ocorrência da esterilidade pela falta de espermatozoides (azoospermia) depende do  período de tempo em que foi usado o anabolizante e da dose tomada. Quanto maior o tempo de utilização e a dose recebida, maior será o risco para a esterilidade. Esse efeito pode ser permanente, não havendo uma comprovação científica em relação ao tempo necessário para causá-la.

A presença dos anabolizantes ou esteroides androgênicos anabólicos no organismo leva à um bloqueio nas funções do testículo, reduzindo ou interrompendo a produção de espermatozoides. Os anabolizantes são hormônios geralmente derivados da testosterona, que é o principal hormônio masculino produzido nos testículos, e agem estimulando o aumento do volume de massa muscular, principalmente por retenção de líquidos nas fibras musculares.

O endocrinologista ou o médico especialista em medicina esportiva são os profissionais indicados para a orientação em relação ao uso dos anabolizantes.