5 Formas de Melhorar a sua Memória

Dra. Rafaella Eliria Abbott Ericksson
Dra. Rafaella Eliria Abbott Ericksson
Clínica médica e Neurologia

Formas que comprovadamente melhoram a memória são: praticar exercícios físicos, alimentação balanceada e estimulo constante do cérebro.

5 formas de melhorar a memória

Veja 5 maneiras de melhorar a sua memória e concentração seguindo algumas dicas práticas para o seu dia-a-dia:

1) Faça exercícios físicos

  • A atividade física produz substâncias que estimulam a região do cérebro responsável pela memória;
  • Bastam 30 minutos de atividade física, 4 vezes por semana, para produzir efeitos positivos na memória;
  • A diferença já pode ser observada após 1 mês de exercícios regulares.

2) Tenha uma alimentação balanceada

Para melhorar a memória, não podem faltar na alimentação nutrientes como:

  • Carboidratos (pão, arroz, batata, massas, cereais, frutas): são fontes de glicose (açúcar), o combustível que fornece energia ao cérebro;
  • Ferro (carnes vermelhas, feijão, lentilhas, grão de bico, ervilhas): atua no transporte de oxigênio;
  • Cálcio (leites e derivados, sardinha, brócolis, espinafre): exerce uma função importante na condução dos impulsos nervosos;
  • Zinco (frutos do mar, peixe, frango, carne de vaca): auxilia o equilíbrio neuroquímico do cérebro;
  • Ômega 3 (sardinha, atum salmão, castanhas, nozes): compõe a membrana celular dos neurônios;
  • Vitamina B1 (gema de ovo, aveia, fígado, levedura de cerveja): favorece o aproveitamento de energia pelo corpo;
  • Cafeína (café, chá preto, chá mate, guaraná): desde que consumida em pequenas quantidades, melhora a atenção e a concentração.

Uma dieta saudável e equilibrada é essencial para garantir o bom funcionamento das células cerebrais e, consequentemente, da memória, fornecendo ao cérebro todos os nutrientes necessários.

3) Estimule o seu cérebro

  • Tente lembrar de compromissos, nomes, telefones e outras informações usando a sua memória, sem recorrer a lembretes ou agendas;
  • Leia, pois a leitura é um dos melhores exercícios para o cérebro e para a memória;
  • Repita para si mesmo o que precisar lembrar, como o local onde deixou um objeto, por exemplo; esse hábito aumenta a concentração no momento da ação e favorece a memorização;
  • Invista em atividades "novas", que nunca tenha praticado, como aprender outro idioma; o desconhecido cria novos circuitos neuronais e assim ativam a memória;
  • Pratique hobbies, jogos (mesmo videogames) e passatempos.

4) Cuide do seu coração

  • Mantenha o diabetes e o colesterol sob controle e não fume, pois assim você previne a formação de placas de gordura nos vasos sanguíneos, inclusive do cérebro, o que prejudica a circulação, com consequentes prejuízos para a memória;
  • Controle a hipertensão arterial, que pode provocar um estreitamento dos vasos sanguíneos do cérebro e prejudicar a memória.

5) Tenha um sono reparador

  • É durante o sono profundo e reparador que as memórias são consolidadas no cérebro;
  • Ter um sono de má qualidade deixa a pessoa cansada e prejudica a atenção, com efeitos negativos diretos na memória.

Ter esquecimentos é normal, mas quando começam a ser muito frequentes e interferem no seu dia-a-dia, pode haver algum problema relacionado com a perda de memória. Nesse caso, está recomenda procurar um/a médico/a.

Veja mais sobre o assunto em: Perda de memória: o que pode ser e o que fazer?

O/A neurologista é o/a médico/a responsável pelo diagnóstico e tratamento de doenças que afetam a memória.