Perguntar
Fechar

Engorda

O propranolol engorda?
Dr. Charles Schwambach
Dr. Charles Schwambach
Médico

Em teoria não. Tenho muitos pacientes que usam propranolol e nenhum deles teve esse efeito adverso, precisa ver se não há outras causas para o aumento de peso. Talvez como uma reação rara (idiosincrasia - não esperada e diferente do habitual) até possa ocorrer.

Gerilon engorda?
Dr. Ivan Ferreira
Dr. Ivan Ferreira
Médico

Não, Gerilon não engorda. O Gerilon é um suplemento vitamínico composto por vitaminas e minerais que são nutrientes sem calorias. Porém, algumas pessoas podem apresentar aumento de apetite quanto tomam vitaminas. Caso isso ocorra, pode haver aumento de peso.

O clínico geral é o médico que pode orientar as dúvidas em relação aos medicamentos ou se necessário, realizar o encaminhamento à outros profissionais.

Tomei o contracep agora pela primeira vez, engorda?
Dra. Janyele Sales
Dra. Janyele Sales
Medicina de Família e Comunidade

Sim, o ganho de peso é um efeito colateral frequente do uso dos anticoncepcionais injetáveis trimestrais, no entanto, nem todas mulheres apresentam esse efeito, algumas mantém o peso e outras inclusive podem emagrecer. O ganho de peso com o uso dos injetáveis trimestrais é de 1 a 2 kg, raramente o ganho de peso é maior.

Caso o uso do anticoncepcional seja associado a uma alimentação equilibrada e um estilo de vida saudável com prática de atividade física o efeito sobre o peso pode ser minimizado.

O Contracep é um dos nomes comercias da injeção anticoncepcional de medroxiprogesterona, um contraceptivo que possui efeito durante 3 meses após a sua aplicação.

Quais são as vantagens do uso do anticoncepcional injetável trimestral?

Há algumas vantagens no uso do anticoncepcional injetável trimestral, um dos principais é o fator de não ser necessário que a mulher tome todos os dias pílula, portanto, dificilmente é esquecido ja que sua aplicação se repete a cada 3 meses.

Além disso, para muitas mulheres que sofrem com sangramento menstrual abundante ou cólicas menstruais intensas, ou mulheres que desejam reduzir o sangramento menstrual a medroxiprogesterona pode contribuir com redução do fluxo menstrual, ou mesmo provocando a amenorreia (ausência da menstruação).

Outras vantagens associadas ao uso do anticoncepcional injetável trimestral são:

  • Diminuição do risco de câncer de endométrio fibroides uterinos;
  • Diminuição do risco de doença inflamatória pélvica;
  • Diminuição do risco de anemia por deficiência de ferro devido a sangramento menstrual abundante;
  • Reduz crises hemolíticas em mulheres com anemia falciforme;
  • Reduz sintomas de endometriose.
Quais são as desvantagens do uso do anticoncepcional injetável trimestral?

O anticoncepcional injetável trimestral apresenta algumas desvantagens como:

Possível irregularidade menstrual e amenorreia, algumas mulheres podem sentir-se incomodadas ao parar de menstruar. Além disso, em algumas situações raras pode provocar sangramento contínuo.

Uma importante desvantagem é que o retorno a fertilidade é mais lento, ou seja, logo após parar o uso do anticoncepcional é possível que a mulher só volte a apresentar ciclos ovulatórios após alguns meses.

Possui alguns efeitos adversos com: ganho de peso, dor de cabeça, perda de cabelo, náuseas, diminuição da libido e alteração no humor.

Para mais informações sobre os injetáveis trimestrais consulte o seu médico de família ou ginecologista.

Também pode ser do seu interesse:

Dúvidas sobre anticoncepcional injetável

Ácido fólico engorda?
Dra. Nicole Geovana
Dra. Nicole Geovana
Medicina de Família e Comunidade

Não. O ácido fólico não engorda.

Ele é uma vitamina usada para tratar alguns tipos de anemia e prevenir defeitos no tubo neural do embrião.

Normalmente, quem está em tratamento ou em suplementação, toma o comprimido todos os dia e, de forma alguma, ele faz ganhar peso ou aumentar o apetite.

Se você faz o tratamento com ácido fólico e está engordando, provavelmente é por outros motivos que não o uso dessa vitamina.

Procure o/a médico/a para orientar o uso do ácido fólico.

Saiba mais em: Por que as grávidas têm de tomar ácido fólico? Para que serve?

Quantos quilos a mulher engorda na gravidez?
Dr. Charles Schwambach
Dr. Charles Schwambach
Médico

Em teoria o ideal é que a mulher não engorde mais que 1 kg por mês de gestação totalizando algo em torno de 9 a 10 kg durante a gravidez, porém muito pouco nos primeiros meses de gestação.

Prednisona engorda? Quais os efeitos colaterais?
Dra. Janyele Sales
Dra. Janyele Sales
Medicina de Família e Comunidade

Prednisona pode engordar devido à retenção de líquidos e sal. Além disso, por ser tratar de um corticoide, a prednisona pode aumentar o apetite, o que contribui ainda mais para o ganho de peso. O inchaço ocorre pela retenção de sódio, que provoca a retenção de água no corpo.

Outro efeito colateral da prednisona que também favorece o ganho de peso é a perda de massa muscular. Quanto menos músculos a pessoa tiver, menos calorias ela irá queimar, já que com a perda de massa muscular, o corpo consome menos energia. Se a quantidade de calorias ingerida for maior que a consumida, a pessoa engorda.

Porém, vale ressaltar que a bula da prednisona não refere o ganho de peso como um dos seus efeitos colaterais. Contudo, a retenção de líquidos e sal, o aumento do apetite e a perda de massa muscular são reações adversas esperadas com o uso do corticoide e todas elas podem fazer a pessoa engordar.

Por isso, para combater a retenção de líquidos e o consequente ganho de peso, além da possível hipertensão arterial, é importante ter um dieta com pouco sal durante o uso da prednisona. Em alguns casos, também pode ser indicada a suplementação de potássio para compensar a perda do mineral causada pela medicação.

Saiba mais em: Qual o tratamento para retenção de líquidos?

Quais os efeitos colaterais da prednisona?
  • Retenção de sal (sódio), retenção de líquidos, eliminação de potássio;
  • Elevação do pH sanguíneo, queda dos níveis de potássio;
  • Funcionamento insuficiente do coração, aumento da pressão arterial;
  • Fraqueza, doenças musculares, perda de massa muscular; perda de proteínas;
  • Miastenia gravis (doença autoimune que provoca fraqueza muscular grave);
  • Osteoporose, fraturas nas vértebras da coluna;
  • Necrose asséptica da cabeça do fêmur e do úmero;
  • Fratura de ossos longos, ruptura de tendões;
  • Úlcera, que pode vir acompanhada de perfuração e hemorragia;
  • Pancreatite, inchaço abdominal, esofagite;
  • Cicatrização lenta, atrofia da pele, diminuição da espessura e aumento da fragilidade da pele;
  • Presença de manchas vermelhas ou arroxeadas na pele, vermelhidão na face;
  • Aumento da transpiração, falta de resposta nos testes de pele;
  • Dermatite alérgica, urticária, inchaço facial causado por reação alérgica;
  • Convulsões, aumento da pressão intracraniana, tonturas, dor de cabeça;
  • Irregularidade menstrual, retardo do crescimento do feto ou da criança;
  • Interrupção da produção hormonal pela glândula suprarrenal;
  • Menor tolerância aos carboidratos, diabetes, maior necessidade de insulina ou medicamentos em pessoas com diabetes;
  • Catarata, aumento da pressão intraocular, glaucoma, olhos saltados;
  • Euforia, mudanças de humor; depressão;
  • Alterações da personalidade, irritabilidade, insônia.
Para que serve a prednisona?

A prednisona é um corticoide que serve para tratar doenças endócrinas, doenças ósseas e musculares, doenças autoimunes que afetam o colágeno, doenças dermatológicas, alergias, doenças oculares, doenças respiratórias, doenças que afetam o sangue e tumores.

A prednisona tem uma forte ação anti-inflamatória, antirreumática e antialérgica sobre as doenças que apresentam boa resposta a medicamentos corticoides.

Quais as contraindicações da prednisona?

A prednisona é contraindicada para pessoas com infecções sistêmicas causadas por fungos e para quem já apresentou reações alérgicas ou alguma reação à prednisona, a outro corticoide ou a algum dos componentes da fórmula do medicamento.

Como tomar prednisona?

Os comprimidos de prednisona devem tomados de manhã, com 1 copo de água. A dose do medicamento varia de acordo com a doença e a gravidade da mesma, além da resposta do paciente à medicação.

Para adultos, a dose inicial de prednisona varia entre 5 mg e 60 mg por dia. Se não houver melhora dos sintomas, recomenda-se procurar o médico que receitou o medicamento.

Para crianças, a dose diária inicial de prednisona varia entre 0,14 mg e 2 mg por cada quilo de peso corporal.

Com a melhora dos sintomas, a dosagem do medicamento vai sendo reduzida gradualmente, até chegar à dose de manutenção (menor dose possível capaz de produzir uma resposta satisfatória). Nessa fase, o paciente pode começar a tomar prednisona em dias alternados, conforme orientação médica.

Para maiores informações sobre o uso de prednisona e seus possíveis efeitos colaterais, consulte o médico que receitou o medicamento ou procure um médico de família ou clínico geral.

Dormir após o almoço engorda, mito ou é verdade?
Dra. Rafaella Eliria Abbott Ericksson
Dra. Rafaella Eliria Abbott Ericksson
Clínica médica e Neurologia

Mito. Não engorda. A ideia de que dormir após o almoço engorda não foi cientificamente comprovada, portanto é considerada um mito.

Aliás, segundo alguns médicos endocrinologistas, a prática de cochilar entre 15 a 40 minutos após o almoço é um hábito saudável e benéfico. Parece ser uma forma de defesa do organismo, forma de se organizar para desenvolver uma boa digestão. Quando o corpo relaxa, durante o sono, possibilita um desvio de fluxo sanguíneo adequado para o sistema gastrointestinal.

Uma boa digestão, por sua vez, auxilia no bem-estar, humor e memória das pessoas. Assim como uma boa qualidade de sono.

Claro que cada organismo possui suas particularidades, não são todos que sentem a necessidade de cochilar no período da tarde. Essa necessidade está mais relacionada com o relógio biológico de cada um, o tipo de alimentação consumida e hábitos de vida em geral.

Há pessoas que tem maior disposição pela manhã, por isso se alimentam mais nas refeições do dia, podendo apresentar maior sonolência após o almoço. Momento em que precisam "recarregar" as energias. Outras pessoas desempenham suas funções a noite, acordando mais tarde e, portanto, com menor consumo energético até o almoço, não costumam apresentar a vontade de cochilar.

Existe também uma forte relação com o tipo de alimentação. As alimentações mais pesadas e gordurosas acabam por exigir maior desempenho do sistema digestivo, por isso são pessoas que podem sentir mais necessidade do cochilo após a refeição.

Entretanto, os hábitos de vida são sabidamente o fator que mais interfere no aumento de peso e no emagrecimento. Pessoas que se alimentam bem, de forma balanceada e praticam atividades de maneira rotineira, não vão engordar mesmo que mantenham o hábito de cochilar de tarde.

Sendo assim, para evitar engordar é preciso manter uma rotina adequada, de boa alimentação, prática de atividade física e bom sono.

Para maiores esclarecimentos nesse assunto, agende uma consulta com um médico endocrinologista ou nutrologista, responsáveis pelas questões relacionadas a alimentação e hábitos saudáveis. Além de poder oferecer orientações especificas à sua necessidade.

Pode lhe interessa também: Tomar banho depois de comer faz mal?

Puran T4 engorda?
Dra. Rafaella Eliria Abbott Ericksson
Dra. Rafaella Eliria Abbott Ericksson
Clínica médica e Neurologia

Não. O puran T4 não engorda, e também não causa redução de peso em pessoas com os níveis hormonais normais. Inclusive pode causar complicações cardíacas graves se administradas para pessoas sem distúrbios na tireoide.

Sempre que a dose da medicação está acima do necessário, pode causar efeitos deletérios para o organismo como irritabilidade, tremores, alterações cardíacas ou insônia, pelo aumento excessivo do metabolismo. Está associado ainda com elevado risco de perda de massa óssea, aumentando as possibilidades de desenvolver osteopenia/ osteoporose e fraturas, principalmente nas mulheres pós menopausa. Porém esses efeitos desaparecem quando a dose da medicação é ajustada.

O puran T4, ou levotiroxina sódica, é uma substância prescrita como reposição e suplementação em pacientes com níveis insuficientes de hormônio T4, produzido pela tireoide, causando quadro de hipotireoidismo - doença que se caracteriza por redução do metabolismo, aonde observamos sonolência excessiva, lentidão, inchaço, pele seca, unhas quebradiças e depressão.

O medicamento é fundamental para o tratamento da doença e deve ser iniciado tão logo seja confirmado o diagnóstico, evitando a piora ou complicações comuns da doença.

Contudo, tão importante quanto o tratamento correto com a medicação, fazendo uso diariamente, pela manhã, em jejum, para que os alimentos não diminuam sua eficácia, é também fundamental o acompanhamento, avaliação rotineira de doses, efeitos colaterais e esclarecimento de dúvidas.  

O médico responsável nesses casos é o endocrinologista, agende uma consulta e mantenha acompanhamento regular.

Pode lhe interessar também:

Promensil engorda?
Dra. Janyele Sales
Dra. Janyele Sales
Medicina de Família e Comunidade

Provavelmente não. Entre os possíveis efeitos adversos do Promensil estão a ocorrência de náuseas e vômitos,  não há relato de ganho de peso com o seu uso, de maneira geral é um fitoterápico bem tolerado.

O Promensil é o nome comercial de um fitoterápico composto pelo Trifolium medium L, que é um fitoestrógeno que contém isoflavonas, substâncias vegetais com atividade semelhante a atividade estrogênica do organismo feminino, por isso o Trifolium medium vem sendo usado no tratamento dos sintomas da menopausa.

Muitas pesquisas estão sendo realizadas com o propósito de avaliar a eficácia do Trifolium medium no controle de sintomas como fogachos e ondas de calor, no entanto, no momento ainda não há uma conclusão sobre o quanto que o tratamento dos sintomas do climatério com este medicamento realmente é eficaz.

Leia mais sobre menopausa em

Quais os sintomas da menopausa?

Posso estar entrando na menopausa?

Consulte o seu médico ginecologista ou médico de família para orientações sobre o uso de fitoterápicos no tratamento de sintomas da menopausa.

Chimarrão engorda?
Dr. Ivan Ferreira
Dr. Ivan Ferreira
Médico

Não, o chimarrão não engorda.

O chimarrão, bebida preparada com erva-mate, água, e sem açúcar,  tem uma quantidade mínima de calorias que não são suficientes para provocar ganho de peso.

A nutricionista é o especialista indicado para orientar sobre o ganho de peso em relação às dietas.

Maltodextrina engorda?
Dr. Ivan Ferreira
Dr. Ivan Ferreira
Médico

Maltodextrina pode engordar se for tomada em quantidades além do recomendado, uma vez que a dose ingerida deve ser adequada às necessidades nutricionais de cada pessoa, de acordo com o peso, sexo e a atividade física realizada por ela.

A maltodextrina é um carboidrato resultante da união da maltose com a dextrina, possui rápida absorção pelo organismo, sendo absorvida ainda no estômago.

Usada como suplemento alimentar por praticantes de atividades físicas, atua evitando a fadiga muscular, facilitando uma rápida reposição de glicogênio muscular, importante para a contração dos músculos. Também é usada em preparações de dietas especiais para pessoas com problemas na absorção de açúcares, evitando o aumento da fermentação nos intestinos causada por eles.

O uso de suplementos alimentares deve ser orientado por uma nutricionista.

Uso granola para funcionar o intestino, granola engorda?
Dr. Charles Schwambach
Dr. Charles Schwambach
Médico

Qualquer alimento que contenha calorias pode engordar, tudo depende da quantidade que você come, mas fique tranquila que a granola é saudável, faz bem para o intestino e não engorda. Pode continuar comendo sua granola.