Perguntar
Fechar

Como prestar socorro a uma pessoa que ingeriu Diazepam de forma errada?

Dra. Rafaella Eliria Abbott Ericksson
Dra. Rafaella Eliria Abbott Ericksson
Clínica médica e Neurologia

Para ajudar uma pessoa que ingeriu Diazepam® (ou qualquer outro medicamento) de forma errada é cuidar para que não se machuque caso perca a consciência e pedir ajuda a um serviço de assistência toxicológico. Da seguinte forma:

  1. Não provocar nem permitir que provoque vômitos, pelo risco de broncoaspiração;
  2. Não oferecer água, leite ou qualquer outro líquido à vítima, pelo mesmo motivo, a pessoa pode não estar no seu estado de consciência adequado para engolir;
  3. Ligar imediatamente para um serviço de desintoxicação para receber as informações de socorros:
  • CEATOX-SP (Centro de Assistência Toxicológica) do Instituto da Criança do Hospital das Clínicas através do número 0800 014 8110, ou para
  • Disque Intoxicação da ANVISA (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) através do número 0800 722 6001; neste número sua ligação será transferida para o Centro de Informação e Assistência Toxicológica (Ciats) mais próximo da sua cidade. Existem mais de 30 centros pelo país, regulados pela ANVISA.

No caso de demorar ou não conseguir contato, leve a pessoa, com urgência, para um pronto socorro ou hospital mais próximo. Se possível leve junto a embalagem do Diazepam® (ou medicamento que tenha feito uso).

Ao ligar para um dos centros de informações sobre intoxicação, tenha consigo as seguintes informações:

  • Idade e peso da vítima (mesmo que só aproximado);
  • Há quanto tempo ocorreu a ingestão do Diazepam®;
  • Qual a dose do Diazepam® e quantos comprimidos acredita ter sido usado (pode olhar a caixa para ter ideia de quantos já foram retirados);
  • Os sintomas que a pessoa está apresentando;
  • Tenha a embalagem do medicamento em mãos;
  • Número de telefone para contato.

Como cortar o efeito do Diazepam®?

Existe uma medicação que corta o efeito do Diazepam®, chamada Lanexat® (Flumazenil), no entanto é uma medicação venosa que só pode ser administrada em ambiente hospitalar, por um médico.

Portanto, no caso de uso acidental de uso da medicação com dose maior do que a recomendada, ou no caso de efeitos colaterais do Diazepam®, ligue para o centro de desintoxicação, ou procure imediatamente uma emergência, e informe a medicação.

De preferência, leva junto a embalagem do medicamento, para acelerar o seu atendimento e tratamento adequado.

O Lanexta® deve ser aplicado com cuidado em pessoas epilépticas, mesmo que em tratamento, pois pode precipitar uma crise, e não deve ser usado em pacientes grávidas ou alérgicas a medicação.

Quais os efeitos colaterais do Diazepam®?

Se a pessoa tiver ingerido uma quantidade de Diazepam® maior do que a dose indicada, ela poderá apresentar os seguintes sintomas:

  • Sonolência;
  • Falta de coordenação motora;
  • Dificuldades na fala;
  • Movimentos anormais dos olhos;
  • Pressão baixa;
  • Dificuldade respiratória;
  • Coma.

Portanto, no caso de socorrer alguém que tenha feito uso em excesso de Diazepam® ou qualquer outra medicação, tente contato com urgência nos centros de informação e Assistência Toxicológica, citados acima e siga as orientações.