Perguntar
Fechar

Quais as causas do transtorno de conduta?

As causas do transtorno de conduta podem ter origem em fatores genéticos e ambientais. A formação da personalidade ocorre até aos 18 anos e é influenciada pelo próprio temperamento da pessoa, presente desde o nascimento, e pelo caráter, adquirido no meio e que traz as ideias de certo e errado, bem como as normas e as condutas a serem seguidas.

Além disso, existem ainda fatores genéticos, complicações e condições durante a gestação e experiências vividas na infância que exercem um papel importante na formação da personalidade da pessoa.

O transtorno de conduta pode ser considerado um tipo de distúrbio de personalidade antissocial, porém que ocorre na infância e na juventude. O transtorno tem tendência a ocorrer em pessoas cujos pais têm ou tiveram comportamentos antissociais.

Porém, o diagnóstico do transtorno antissocial só pode ser feito a partir dos 18 anos de idade, uma vez que a personalidade ainda não está totalmente formada antes dessa idade.

Sintomas

O transtorno de conduta caracteriza-se por diversos comportamentos e atitudes que perturbam os outros, com atos perigosos ou até mesmo ilícitos. Crianças com desvio de conduta não levam em consideração os sentimentos alheios e não apresentam remorso, arrependimento ou sofrimento por suas atitudes reprováveis.

Porém, é importante ressaltar que alguns atos moralmente reprováveis são comuns na infância e na adolescência, como mentir, por exemplo.

Contudo, em crianças e adolescentes com transtorno de conduta esses comportamentos disfuncionais são duradouros (pelo menos 1 ano) e podem persistir até à idade adulta, causando sofrimento aos outros e necessidade de tratamento especializado.

Leia também: Transtorno de conduta: Quais os sintomas e como é o tratamento?

Portanto, as causas do transtorno de conduta são múltiplas, com influências internas da própria pessoa e do meio externo que podem interferir negativamente na formação da personalidade e favorecer o desenvolvimento do transtorno.