Qual a dieta recomendada para quem tem gastroenterite?

A dieta para quem tem gastroenterite viral ou bacteriana deve incluir alimentos leves de fácil digestão e líquidos, sobretudo água, para prevenir a desidratação. Sucos de fruta e bebidas isotônicas também ajudam a repor líquidos e eletrólitos. Se o vômito, comum nas gastroenterites, impedir a pessoa de beber, recomenda-se chupar cubos de gelo para manter alguma hidratação.

É preciso ter algum cuidado com os sucos, pois as fibras das frutas, como a laranja, tendem a soltar o intestino e piorar a diarreia, outro sintoma frequente da gastroenterite. Por isso deve-se dar preferência a sucos de frutas que "prendem o intestino", como maçã e goiaba.

Os alimentos devem ser reintroduzidos na dieta gradualmente, começando com aqueles que são mais leves e fáceis de digerir, como arroz, batata, torrada, pão, cereais, peito de frango, purê de maçã e banana.

Publicidade

Leite e derivados, alimentos açucarados e gordurosos, café e bebidas alcoólicas devem ser evitados até a pessoa estar completamente curada da gastroenterite.

Adultos com baixa imunidade e idosos devem incluir na dieta soluções de hidratação oral para prevenir a desidratação.

A gastroenterite em bebês e crianças requer atenção especial devido ao maior risco de desidratação, pelo que é indicada a administração de soluções de hidratação oral, que podem ser adquiridas em farmácias.

A amamentação ou o leite em fórmula devem ser mantidos, juntamente com a solução de hidratação oral. A criança deve ser alimentada tão logo ela sinta fome.

Em caso de gastroenterite, consulte um médico clínico geral, médico de família ou gastroenterologista e siga corretamente as orientações quanto ao tratamento e à dieta indicados.

Saiba mais em:

Quais os sintomas da gastroenterite? Qual o tratamento?

Quais os sintomas da gastroenterite viral? Como é o tratamento?

Quais os sintomas da gastroenterite bacteriana e como é o tratamento?

Gastroenterite é contagiosa?