Perguntar
Fechar
Fazia uso de Diane 35 para regular minha menstruação...
Dr. Charles Schwambach
Dr. Charles Schwambach
Médico

A decisão de parar foi sua e baseada na sua fé de já ter conseguido regular sua menstruação, haviam 3 possibilidades e todas elas aceitáveis (menstruação atrasar, menstruação adiantar e menstruação vir na data certa). Suas opções são três também: ou deixa as coisas como estão ou volta a tomar o Diane novamente ou volta ao ginecologista para refazer todos os seus exames e somente depois resolver com o médico o que fazer (acredito que a última alternativa é a melhor.

Vou ficar menstruada existe algo para adiantar ou atrasar a menstruação?
Dra. Janyele Sales
Dra. Janyele Sales
Medicina de Família e Comunidade

Sim, existem duas formas diferentes de atrasar a menstruação, uma está indicada para mulheres que fazem uso de contraceptivo oral e outra para mulheres que não fazem uso da pílula.

Se faz uso de contraceptivo oral

Caso faça uso de pílula contraceptiva uma das formas mais prática de atrasar a menstruação é tomar a pílula de forma contínua, sem a pausa entre uma cartela e outra.

Poderá tomar o anticoncepcional continuamente durante o período que desejar, quando quiser menstruar deve fazer a pausa ao fim da cartela, antes de começar a próxima.

É importante destacar que quando se faz o uso contínuo da pílula a chance de apresentar sangramento de escape é maior, principalmente no começo.

Geralmente o sangramento de escape é em pequena quantidade e não atrapalha tanto a mulher que deseja parar de menstruar por algum motivo específico como ir à praia ou viajar.

Leia também: Posso engravidar na pausa do anticoncepcional?

Se não faz uso de contraceptivo oral

Caso não faça uso de pílula, a forma segura de atrasar a menstruação é através do uso da noretisterona, um tipo de progesterona, um dos hormônios do ciclo menstrual feminino.

É possível usar a noretisterona isolada em comprimidos de 5mg ou em comprimidos em associação com o etinilestradiol (Primosiston).

Os níveis de progesterona se manterão altos enquanto fizer o uso de noretisterona, que deve ser no máximo durante 14 dias. Ao cessar o uso da medicação o sangramento menstrual irá vir após 2 a 3 dias.

Caso deseje fazer uso da noretisterona para retardar a menstruação é importante conversar com o seu médico de família ou ginecologista antes, para a correta orientação sobre o uso do medicamento.

Além disso, é importante ter certeza que a mulher não está grávida antes de tomar o medicamento, por isso descartar essa possibilidade é essencial.

E adiantar a menstruação?

Não há uma maneira segura para adiantar a menstruação, tanto em mulheres que fazem contraceptivo hormonal, quanto naquelas que não usam anticoncepcional.

Para adiantar a menstruação algumas mulheres que fazem uso de pílula até podem parar de tomar a pílula e fazer a pausa mais cedo.

No entanto, esse método não é recomendado, porque irá afetar substancialmente a eficácia da pílula e poderá ocasionar irregularidade menstrual.

Para mais esclarecimentos consulte o seu ginecologista ou médico de família.

Também pode ser do seu interesse:

Dúvidas sobre anticoncepcional

Pílula do dia seguinte pode adiantar e reduzir a menstruação?
Dra. Nicole Geovana
Dra. Nicole Geovana
Medicina de Família e Comunidade

Sim. A pílula do dia seguinte pode adiantar e reduzir a menstruação.

A pílula do dia seguinte contém hormônios que irá desregular o ciclo menstrual habitual da mulher. Com esse desequilíbrio, a menstruação poderá vir depois do esperado ou antes.

Principalmente no ciclo posterior à tomada da pílula do dia seguinte, pode haver alteração na característica do sangramento menstrual. A mulher pode apresentar um sangramento reduzido e antes do período esperado para vir a menstruação.

Isso ocorre por causa da desregulação provocada pela medicação. Depois desse ciclo desregulado, a menstruação da mulher voltará ao padrão anterior.

A pílula do dia seguinte não é abortiva, por isso ela não impede a gravidez que já esteja efetivada.

Leia também:

A pílula do dia seguinte pode atrasar minha menstruação?

Será que a menstruação vai descer 2 vezes?
Dra. Rafaella Eliria Abbott Ericksson
Dra. Rafaella Eliria Abbott Ericksson
Clínica médica e Neurologia

Difícil dizer, mas se ocorrer não se preocupe porque esse sangramento é decorrente da pílula do dia seguinte, que normalmente causa irregularidades na menstruação.

A pílula do dia seguinte tem como efeito esperado, atrasar ou adiantar a menstruação. Na maioria das mulheres, o sangramento acontece nos primeiros 7 dias após tomar o comprimido. Mas pode ocorrer antes ou após, sem que represente um problema ou falha.

Portanto, sim, é normal menstruar duas vezes, atrasar ou adiantar a menstruação após o uso da pílula do dia seguinte (PDS).

Da mesma forma que é normal a menstruação se apresentar em dias diferentes, também é comum a mudança das suas características. O sangramento pode se apresentar mais escasso ou mais volumoso, mais escuro ou durar menos tempo do que o habitual.

Todas são modificações esperadas devido à medicação e são consideradas normais.

Importante ter a certeza de que com o uso da pílula do dia seguinte, logo após a relação desprotegida, o risco de engravidar é mínimo. Se tomar o remédio dentro das primeiras 24h, a eficácia da pílula é de superior a 90%. Conforme passe mais tempo, tem um risco maior, mesmo assim, é pequeno.

Então, se fez uso da pílula nas primeiras 24 horas, não se preocupe com as irregularidades da menstruação, isso vai acontecer e não representa um problema. Apenas se os sintomas permanecerem por mais de 2 meses consecutivos, é preciso procurar um ginecologista para avaliação de outras causas.

Posso usar a pílula do dia seguinte mais de uma vez no mês?

A pílula do dia seguinte não deve ser usada de rotina, devido à quantidade de hormônios na sua composição. Existem outras medicações com maior eficácia e menos efeitos colaterais para usar de forma rotineira.

No entanto, se fizer uso da medicação por mais de uma vez no mês, o que pode acontecer é uma irregularidade menstrual ainda maior. A menstruação vir mais vezes no mês, ou atrasar além do esperado.

A eficácia será a mesma, se tomar a medicação em até 24 horas após a relação, o risco de engravidar é mínimo. Se tomar após 72 horas, ou após 5 dias (para as medicações mais novas), o risco de engravidar é alto.

Para maiores esclarecimentos, converse com o seu médico de família ou ginecologista.

Estou menstruada, vem muito e estou com cólicas. Existe algo que eu possa fazer que diminua e corte a menstruação?
Dr. Charles Schwambach
Dr. Charles Schwambach
Médico

Existe sim medicamentos que diminuem e depois cortam a menstruação, você precisa nesse caso ir a um médico; o que você pode fazer se está tomando anticoncepcional é adiantar o dia e voltar a tomar que geralmente isso ajuda.

Recentemente transei com meu namorado sem camisinha e aconteceu um descuido
Dr. Charles Schwambach
Dr. Charles Schwambach
Médico

Sempre que se tem relação sem proteção independente de ejacular ou não dentro da vagina sempre há o risco de gravidez, então respondendo sua primeira pergunta: sim você corre risco de engravidar (pequeno, dada as circunstâncias, mas existe).

Respondendo sua segunda pergunta: sim a pílula do dia seguinte pode atrasar ou mesmo adiantar sua menstruação. Espere mais alguns dias e se continuar sem descer faça o exame de gravidez.

Existe remédio para menstruação descer?
Dra. Rafaella Eliria Abbott Ericksson
Dra. Rafaella Eliria Abbott Ericksson
Clínica médica e Neurologia

Sim. Existe tratamento para menstruação descer, mas depende da causa desse atraso. As causas mais comuns são a gravidez, uso de anticoncepcional ou problemas hormonais e as orientações ou tratamentos são diferentes para cada uma dessas situações.

Durante a gravidez é esperado que não haja sangramento, se houver será um sinal de risco. No caso de irregularidade pelo uso de anticoncepcionais, o tratamento é apenas interromper o remédio. Problemas hormonais podem exigir reposição do hormônio, como no caso do hipotiroidismo.

Sendo assim, no atraso menstrual, o mais indicado é procurar um ginecologista, para descartar a gravidez e avaliar a causa desse problema. Vale lembrar que a falta de menstruação, chamada amenorreia, é considerada normal nas seguintes situações:

  • Antes da puberdade, em geral antes de 14 anos de idade;
  • Durante a gravidez;
  • Durante a amamentação e
  • Quando atinge a menopausa.
O que pode ajudar a menstruação descer? 1. Anticoncepcionais

O uso de anticoncepcionais é amplamente utilizado nos casos de amenorreia, no início do ciclo menstrual da mulher, ou nos casos de sindrome do ovário policístico, por exemplo.

2. Acetato de medroxiprogesterona

Esse hormônio está indicado nos casos de falta de menstruação em mulheres que antes menstruavam regularmente. Sempre após excluir outras causas, como gravidez, presença de tumores ou distúrbios hormonais.

3. Chás

Alguns chás são indicados para ajudar a menstruação a descer, como chá de canela, chá de arruda, chá de alecrim ou o chá de boldo. Isso porque são substâncias que estimulam o aumento do tônus da musculatura do útero e aumento o fluxo de sangue, com isso, parece acelerar a descamação do útero (menstruação.)

Porém são indicações sem qualquer comprovação científica. Além disso, são substâncias totalmente contraindicadas na suspeita de gravidez e para pessoas com problemas de coagulação.

4. Hormônios da tireoide

Mulheres com distúrbios de tireoide precisam ser acompanhadas com endocrinologista e colher exames de sangue para confirmar a causa e determinar qual hormônio deve ser reposto para promover a menstruação regular.

5. Cirurgia

Casos de alterações anatômicas como hímen imperfurado, septo vaginal, entre outros, tem indicação de tratamento cirúrgico para a sua correção. Não existe remédio nesses casos que resolvam, por ser um problema físico, de impedir a passagem do sangue.

Outras situações como causas externas, psicológicas ou medicamentosas recebem tratamento referente a cada caso.

No caso de falta de menstruação por mais de três ciclos consecutivos ou que dure mais de 6 meses, recomendamos investigação médica com ginecologista, para diagnóstico e tratamento adequados.

Entenda melhor sobre a falta da menstruação no artigo: O que é amenorreia e quais as suas causas?

Referência:

  • FEBRASGO - Federação Brasileira das Associações de Ginecologia e Obstetrícia.
  • American Family Physician. DAVID A. et al.; Amenorrhea: An Approach to Diagnosis and Management. Volume 87, Number 11 - June 1, 2013.
Pílula do dia seguinte pode atrasar ou fazer descer a menstruação?
Dra. Nicole Geovana
Dra. Nicole Geovana
Medicina de Família e Comunidade

Sim. A pílula do dia seguinte pode atrasar ou adiantar a menstruação.

A pílula do dia seguinte contém hormônios que irá desregular o ciclo menstrual habitual da mulher. Com esse desequilíbrio, a menstruação poderá vir antes do esperado ou depois.

Normalmente, se ocorrer um atraso da menstruação, esse atraso não ultrapassará 4 semanas. Por isso, a mulher que tomou a pílula do dia seguinte e não menstruou até 4 semanas após o uso, deverá procurar um serviço de saúde para investigação de possível gravidez.

A pílula do dia seguinte não é abortiva, por isso ela não impede a gravidez que já esteja efetivada.

Leia também:

A pilula do dia seguinte pode atrasar minha menstruação?

Vou para a praia, o que faço para menstruação não descer?
Dra. Rafaella Eliria Abbott Ericksson
Dra. Rafaella Eliria Abbott Ericksson
Clínica médica e Neurologia

A menstruação é um processo natural do organismo da mulher, que é controlado pelas taxas dos hormônios femininos. Os primeiros dias do ciclo menstrual, os níveis de hormônios começam a subir, para aumentar a camada de células e fluxo sanguíneo do útero, com o intuito de nutrir o feto, caso aconteça uma gravidez.

Quando não acontece a gravidez, essa camada toda de células descama e é eliminada na forma de menstruação. Portanto, a única forma efetiva de interromper esse ciclo e evitar a menstruação, é alterando as taxas desses hormônios.

Não existem receitas caseiras que realmente funcionem, além de causar danos ao organismo.

O que fazer para a menstruação não descer?

As formas comprovadas e seguras de evitar que a menstruação aconteça, são:

  1. Uso ininterrupto do anticoncepcional oral combinado, ou seja, emendar a cartela do remédio, sem esperar os sete dias entre as cartelas;
  2. Optar por anticoncepcional contínuo (oral, adesivo ou injetável);
  3. Dispositivo intrauterino (DIU) de progesterona,
  4. Primosiston®, medicamento com propriedades que impedem a menstruação descer.
O que fazer para a menstruação descer mais cedo?

Quando interrompe antecipadamente a cartela, a menstruação desce mais cedo, pela ausência abrupta dos hormônios da medicação.

Se já fizer uso de anticoncepcional

Para as mulheres que já fazem uso de anticoncepcionais, existem duas maneiras simples, que são emendar a cartela de anticoncepcionais ou interrompê-la antecipadamente.

Quando a medicação é continuada, a cartela termina e emenda na próxima, sem a pausa regular de 7 dias, a menstruação não acontece, devido à manutenção do hormônio no sangue.

Quando interrompe antecipadamente, a menstruação desce mais cedo, pela ausência abrupta dos hormônios da medicação.

A adesão aos anticoncepcionais de uso contínuo, DIU de progesterona, ou uso ininterrupto da medicação, pode ser uma boa opção para as mulheres que viajam muito, que praticam atividades físicas de alto rendimento, para mulheres que tem anemia crônica ou por opção própria. Basta que sejam avaliados os riscos e benefícios caso a caso.

O Primosiston® é um medicamento a base de hormônios, que dependendo da maneira utilizada, pode retardar ou antecipar a menstruação. Contudo, possui efeitos colaterais e contraindicações, que devem ser analisadas antes do seu uso, como o risco de trombose.

Se ainda não fizer uso de anticoncepcional

Para as mulheres que não fazem uso de anticoncepcionais, as opções são de iniciar um anticoncepcional ou usar o Primosiston®, se não houver contraindicação.

Não tome anticoncepcionais ou Primosiston® no caso de:

  • História atual ou anterior de trombose (trombose na perna ou embolia pulmonar)
  • História atual ou anterior de derrame cerebral, ou infarto agudo do miocárdio
  • Se for fumante (o tabagismo aumenta o risco de trombose)
  • Se for obeso (o sobrepeso também eleva o risco de tromboses)
  • Se houver qualquer hipótese de estar grávida
  • História atual ou anterior de doenças no fígado
  • História atual ou anterior de câncer
  • Se for diabético e estiver sem controle adequado da doença.

Portanto, o médico saberá a melhor medicação ou opção para o se caso, sem que ofereça riscos para a sua saúde. Converse com o seu ginecologista.

Pode lhe interessar também:

A pílula do dia seguinte pode atrasar minha menstruação?

O que posso tomar para que a menstruação não desça?
Dra. Nicole Geovana
Dra. Nicole Geovana
Medicina de Família e Comunidade

O uso de medicamentos hormonais é o modo mais seguro de evitar que a sua menstruação aconteça. Podem ser utilizados Primosiston®, anticoncepcionais orais e o dispositivo intrauterino (DIU) de progesterona.

A indicação de qualquer um destes medicamentos deve ser feita por uma ginecologista após avaliação do seu estado de saúde.

Que remédios posso usar para que a menstruação não ocorra? 1. Primosiston®

O Primosiston® é um medicamento a base de hormônios que, dependendo do modo de utilização, pode ser administrado para retardar ou antecipar a menstruação. Ele pode ser útil se você quer atrasar ou adiantar a menstruação em 1 ou 2 dias.

Entretanto, este medicamento somente pode ser consumido após um exame clínico e ginecológico detalhado, pois há possibilidade de efeitos colaterais graves como inchaço (edema) da face e garganta, trombose, hepatite e aumento da pressão arterial.

Além disso, o Primosiston® é contraindicado em caso de suspeita de gravidez.

2. Anticoncepcionais orais combinados

Os anticoncepcionais combinados de uso oral podem ser utilizados para atrasar a menstruação. Para isto basta usar os comprimidos de forma ininterrupta, ou seja, emende uma cartela na outra sem aguardar a pausa de sete dias entre as cartelas.

Deste modo as taxas de hormônio no sangue permanecem estáveis e a menstruação não acontece.

Se você deseja permanecer sem menstruar durante um mês, o método mais seguro é emendar as cartelas do anticoncepcional que você já utiliza.

3. Anticoncepcionais de uso contínuo e dispositivo intrauterino (DIU)

As mulheres que não desejam menstruar durante alguns meses podem optar pelos anticoncepcionais de uso contínuo. Estes medicamentos podem ser utilizados em forma de pílulas orais ou do dispositivo intrauterino de progesterona.

Os anticoncepcionais orais de uso contínuo trazem uma dosagem baixa de hormônio específica para que possa ser tomada diariamente sem a necessidade da pausa de 7 dias, na qual ocorreria a menstruação.

Já o dispositivo intrauterino (DIU) de progesterona é um dispositivo de plástico em formato de T que é colocado dentro do útero. A progesterona presente no DIU é liberada lenta e continuamente e impede a menstruação. O procedimento para colocar o DIU é feito em consultório pelo ginecologista.

Apesar de provocarem a ausência da menstruação, as mulheres que usam os anticoncepcionais de uso contínuo ou o dispositivo intrauterino podem apresentar pequenos sangramentos em qualquer período do mês. Estes sangramentos são considerados normais.

É possível parar a menstruação imediatamente?

Não. Não existem métodos seguros e eficazes com a capacidade de fazer com que a sua menstruação pare imediatamente de descer. Por este motivo, é importante que você conheça o seu ciclo e se planeje, caso queira atrasar a sua menstruação por causa de um compromisso que terá na próxima semana ou no próximo mês.

Outro passo importante é conversar com o seu médico de família ou ginecologista para juntos, decidirem a melhor forma de retardar a chegada da sua menstruação.

Não uso anticoncepcional e não quero menstruar, o que posso fazer?

As mulheres que não utilizam nenhum método anticoncepcional e não desejam menstruar podem iniciar o uso de um anticoncepcional ou usar Primosiston®.

Entretanto, esta escolha deve ser efetuada com orientação de um ginecologista ou médico de família.

Posso utilizar alguma receita caseira para atrasar a menstruação?

Não. As receitas caseiras que prometem retardar a menstruação não são seguras, não são comprovadas cientificamente e podem trazer danos à saúde.

Existem contraindicações para o uso de anticoncepcional?

Sim. Existem diversas contraindicações para o uso de anticoncepcionais. Você não deve usar anticoncepcionais em caso de:

  • Gravidez ou qualquer possibilidade de estar grávida
  • Tabagismo (o hábito de fumar aumenta o risco de trombose)
  • Obesidade (o sobrepeso também eleva o risco de trombose)
  • História de trombose
  • Doenças no fígado
  • História de derrame cerebral ou infarto agudo do miocárdio
  • Diabetes sem controle adequado da doença
  • História de câncer
  • Se for diabética e estiver sem controle adequado da doença.

A escolha do método e da forma de uso do método para atrasar a menstruação deve ser feita considerando a condição clínica da pessoa, os benefícios, os riscos, a conveniência e os custos financeiros.

Esta decisão deve ser feita pela mulher e pelo médico de família ou ginecologista. Não utilize anticoncepcionais sem orientação médica.

Leia mais:

Vou para a praia, o que faço para menstruação não descer?

O que fazer para parar a menstruação?