Perguntar
Fechar

Ânus

Caroço no ânus: o que pode ser?
Dra. Nicole Geovana
Dra. Nicole Geovana
Medicina de Família e Comunidade

Caroço no ânus pode aparecer em diversas idades, isoladamente ou acompanhado de outros sintomas, além de poder ser característico de várias patologias, entre elas:

  • Hemorroida: veias anais que se dilatam em consequência de alguma situação;
  • Verrugas anais: decorrentes de algumas doenças transmitidas pelo sexo;
  • Abscesso: inflamação das glândulas da região anal com presença de pus, dor, vermelhidão e inchaço na região anal acompanhado de sintomas gerais como febre, prostração, calafrios;
  • Tumor: indicativo de câncer;
  • Cisto: muitas vezes acompanhado de abscesso;
  • Prolapso retal: exteriorização do reto por completo ou parcialmente.

O caroço no ânus deve ser examinado pelo/a médico/a clínico geral, médico/a de família ou proctologista para definir a causa específica e orientar o tratamento mais adequado.

Também pode lhe interessar: Tenho um caroço na virilha. O que pode ser?

Dor no ânus: o que pode ser?
Dra. Nicole Geovana
Dra. Nicole Geovana
Medicina de Família e Comunidade

Dor no ânus pode ser sinal de diversas condições patológicas como hemorroida, fissura anal, câncer de reto, entre outras. É importante observar os outros sintomas que acompanham a dor anal para poder identificar a causa da mesma.

Algumas causas de dor no ânus:

  • Hemorroida interna: Pode causar dor anal no caso de haver trombose associada ou quando a pessoa faz muita força para evacuar, provocando o prolapso da hemorroida para fora. Graus mais avançados podem provocar ainda incontinência fecal acompanhada de corrimento, provocando irritação e coceira na região do ânus;
  • Hemorroida externa: Provoca dor no ânus ao evacuar e ao sentar. São visíveis e palpáveis;
  • Fissura anal: Provoca dor para evacuar, com presença de sangue vivo nas fezes ou perceptível na limpeza com papel higiênico. A fissura aguda provoca ardência no ânus durante a evacuação;
  • Proctalgia Fugaz: Doença funcional benigna do reto/ânus de causa desconhecida, cujo principal sintoma é uma dor no ânus/reto que pode ser bastante intensa mas fugaz (rápida), sem relação com as evacuações, que dura geralmente alguns minutos. A dor pode surgir em qualquer momento do dia e, quando à noite, pode acordar o paciente durante a madrugada, caracterizando-se como câimbra, espasmo anal (saiba mais em: O que é proctalgia fugaz?);
  • Abscesso: dor latejante ou contínua acompanhada de inflamação na região em torno do ânus e de sintomas gerais como febre, perda de apetite, fraqueza;
  • Câncer retal: Além de dor no ânus/reto, provoca também sintomas como não conseguir evacuar ou ficar com a sensação da evacuação ter sido incompleta, sangue nas fezes, diarreia e prisão de ventre alternadas, cólica, emagrecimento sem causa aparente, entre outros.

A dor no ânus pode ter tratamentos diferentes a depender da causa. Em caso de dor de ânus, a pessoa pode procurar o/a médico/a proctologista, clínico/a geral ou médico/a de família.

Coceira no ânus, o que pode ser?
Dra. Ângela Cassol
Dra. Ângela Cassol
Médico

Coceira (ou prurido) anal pode ter algumas causas, dentre elas:

  • infestação por vermes, em especial oxiuríase;
  • má higiene local, com acúmulo de restos de fezes que podem irritar a mucosa anal;
  • limpeza excessiva, que também pode irritar a mucosa anal;
  • diarréia crônica (fezes líquidas e irritantes pelo baixo pH);
  • doenças locais, como hemorróidas e fissuras;
  • consumo de alguns alimentos, que acidificam o pH das fezes, como cerveja, frutas ácidas, bebidas com cafeína (café, chá preto, refrigerantes a base de cola), tomate, ameixas;

 É importante que um proctologista ou clínico geral seja procurado, para fazer um exame do ânus e para solicitar exames, como um parasitológico de fezes, para avaliar a causa do prurido e prescrever um tratamento adequado.

Quando vou defecar sai pingos de sangue vermelho?
Dr. Charles Schwambach
Dr. Charles Schwambach
Médico

Sangramento aos pingos de sangue vivo é geralmente decorrente de lesões no ânus ou parte baixa do intestino, dificilmente do fígado. Precisa ir a um médico para ver o que realmente está acontecendo.

O que é proctalgia fugaz?
Dra. Rafaella Eliria Abbott Ericksson
Dra. Rafaella Eliria Abbott Ericksson
Clínica médica e Neurologia

Proctalgia fugaz é uma doença funcional do reto ou ânus cujo principal sintoma é uma dor anal que pode ser muito intensa, semelhante a uma cãibra, também descrita por alguns como "facada". Proctalgia significa literalmente "dor no ânus" e fugaz indica que a dor é breve, durando geralmente alguns minutos.

A dor pode surgir a qualquer hora do dia, subitamente, entretanto é mais frequente à noite, acordando muitas vezes o paciente durante a madrugada. Causada por espasmos violentos, pelos músculos elevadores do ânus.

Ainda não está definida a causa da proctalgia fugaz, porém uma das hipóteses descritas é a alteração vascular. Mas sabemos que se trata de uma condição benigna, que afeta mais as mulheres e de frequência variada. Existem casos de um episódio por mês, um por semana, até um episódio ao ano.

O diagnóstico é feito através do exame clínico, proctológico, excluindo outras causas com sinais e sintomas semelhantes, por vezes com exames de imagem complementares, e então estabelecer o diagnóstico. Ao exame, o ânus não apresenta qualquer alteração.

Alguns pacientes sentem uma vontade urgente de evacuar após os espasmos, embora a doença não tenha relação com as evacuações.

É importante lembrar que algumas doenças graves podem causar os mesmos sintomas da proctalgia fugaz, entre elas câncer de intestino e tumores da coluna. Por isso, em caso de dor anal, consulte sempre um médico proctologista para receber um diagnóstico definitivo.

Saiba mais em:

Proctalgia fugaz tem cura? Qual o tratamento?

Dor no ânus: o que pode ser?

O que pode causar prurido anal?
Dra. Rafaella Eliria Abbott Ericksson
Dra. Rafaella Eliria Abbott Ericksson
Clínica médica e Neurologia

O prurido anal pode ter várias causas. Podemos citar como algumas das causas mais comuns:

  • Presença de vermes (oxiúros);
  • Umidade;
  • Má higiene ou limpeza excessiva da região anal;
  • Feridas, fissuras ou assaduras, por exemplo por diarreia crônica;
  • Hemorroidas;
  • Reação alérgica, a produtos de higiene ou material da roupa íntima;
  • Infecção bacteriana ou fúngica;
  • Ingesta de bebidas e alimentos ácidos, entre outros.

A coceira anal costuma ser um sintoma presente em muitas das doenças que acometem o ânus e o reto. Na maioria das vezes está relacionada a fatores casuais como excesso de suor, ou roupa íntima pouco absortiva, porém, outras causas como presença de fístulas, hemorroidas, fissuras, infecções anais, condiloma acuminado ou câncer, também devem ser investigados.

O prurido pode estar presente até mesmo em patologias que acometem outros órgãos, como diabetes e hepatite.

A limpeza inadequada após as evacuações permite que restos de fezes se acumulem e irritem a mucosa do ânus, causando prurido. Lavar ou limpar a região anal em excesso também pode irritar o local e gerar o incômodo. O próprio sabonete pode ser a causa da irritação.

As fezes líquidas das diarreias crônicas são ácidas e irritam o ânus, causando coceira. Por outro lado, uma prisão de ventre mais severa, com impactação fecal, pode gerar um acúmulo tão grande de fezes no intestino ao ponto de haver um transbordamento de fezes líquidas pelo ânus. Esse vazamento, que pode nem ser percebido na roupa, irrita o local, e gera o prurido.

O uso de roupas apertadas ou de tecidos sintéticos em dias de calor aumentam a transpiração e a umidade na região anal, o que pode causar a coceira.

Outra possível causa de prurido anal é o consumo de determinados alimentos e bebidas que podem deixar as fezes mais ácidas, tais como leite, cerveja, frutas cítricas, café, refrigerantes, chá preto, tomate, ameixas e chocolate.

Há ainda casos de prurido anal cujas causas não são identificadas ou têm origem em fatores psicológicos, como ansiedade.

O prurido anal caracteriza-se por uma coceira ou ardência intensa em torno da região do ânus. Muitas vezes ocorre durante a noite ou após as evacuações. 

O tratamento deverá ser direcionado para a causa do problema, com o objetivo de aliviar os sintomas e tratar definitivamente a doença que o originou.

O diagnóstico e tratamento do prurido anal é de responsabilidade do/a médico/a proctologista. Na presença dos sintomas, consulte um especialista para avaliar o seu caso.

Saiba mais em:

Prurido anal tem cura? Como é o tratamento?

Coceira no ânus, o que pode ser?

Fezes com sangue vivo, o que pode ser?
Dr. Ivan Ferreira
Dr. Ivan Ferreira
Médico

Fezes com sangue vivo são um sinal de sangramento na região baixa do sistema digestivo (intestino grosso, reto e ânus). As causas mais frequentes são devidas à lesões no ânus (fissuras anais) e hemorroidas, que geralmente sangram em situações que exigem esforço para evacuar (constipação). Outras causas de sangramentos são: pólipos, diverticuloses, vermes, doenças infecciosas e inflamatórias intestinais (colites, doença de Crohn, retocolite ulcerativa) e tumores. 

A constipação pode ser amenizada com ingestão de mais líquidos e a manutenção de uma alimentação saudável com muitas frutas, vegetais e fibras. A atividade física regular, como caminhar, estimula o trânsito intestinal, melhorando a constipação.

O gastroenterologista ou o proctologista são os médicos especialistas indicados para realizar o diagnóstico e tratamento de problemas do sistema digestivo, como no caso de presença de sangue nas fezes.

Faz dois dias que estou com pequeno caroço em meu ânus
Dr. Charles Schwambach
Dr. Charles Schwambach
Médico

A causa mais provável do seu caroço no ânus é hemorróida é só o que eu posso dizer por enquanto, todo o resto que você quer saber (tratamento, cirurgia, gravidade) só vai dar para responder após o diagnóstico correto ser firmado, precisa ir a um médico para ser examinado e obter o correto diagnóstico e esse mesmo médico vai responder suas dúvidas.​

Há muito tempo reparei que tenho um caroço no ânus...
Dr. Charles Schwambach
Dr. Charles Schwambach
Médico

Com esse exame provavelmente não irá ter nenhuma resposta a respeito do seu intestino e ânus. Deve procurar um Proctologista.

O que é colostomia?
Dr. Gabriel Soledade
Dr. Gabriel Soledade
Médico

Colostomia é uma abertura na parede abdominal, na qual se liga uma terminação do intestino e, por ali, o paciente passa a eliminar fezes e gases. Por fora dessa abertura, é colada na pele uma bolsa plástica que coleta esses produtos intestinais.

Ela em geral é indicada nos casos em que há uma obstrução intestinal ou problemas com o reto e ânus que impedem a evacuação pelas vias naturais. Alguns exemplos dessas situações são malformações intestinais ou anorretais (quando o bebê nasce com um defeito do intestino ou do ânus), cânceres, inflamações, rupturas intestinais, fístulas, amputações do reto, feridas e lesões traumáticas do ânus.

Dependendo da causa, a colostomia pode ser feita de forma definitiva ou transitória. No caso transitório, assim que as condições que causaram o procedimento se resolverem, é feita uma nova cirurgia para se retornar o intestino à posição normal e permitir o retorno da evacuação através do ânus.

A colostomia é realizada em hospital, com o paciente deitado e sob anestesia geral, ou seja, ele ficará inconsciente e não sentirá nada durante o procedimento.

É então feita uma pequena abertura na parede abdominal e, a ela é costurada a ponta do intestino, para que os dejetos sejam eliminados por ali. Posteriormente, uma bolsa coletora é colada à pele por meio de adesivos especiais. Essa bolsa deverá ser esvaziada periodicamente.

Nos primeiros dias após a cirurgia, o paciente permanecerá internado para aprender a realizar os cuidados necessários, tais como troca da bolsa e higienização do orifício.

Algumas complicações como irritação da pele e infecções locais são possíveis, e devem ser tratadas imediatamente.

O médico que realiza esse procedimento em geral é o cirurgião geral ou cirurgião do aparelho digestivo.

Dor lombar com pontadas, urina amarelada e dor no ânus?
Dr. Charles Schwambach
Dr. Charles Schwambach
Médico

Pode ser cólica renal ou uma infecção urinária ou dor de coluna ou hemorroida ou...

Ardência durante e após evacuar o que fazer?
Dr. Charles Schwambach
Dr. Charles Schwambach
Médico

Antes de procurar um tratamento para qualquer doença ou sintoma que estamos tendo o ideal é procurarmos um diagnóstico e a partir do diagnóstico correto o tratamento fica muito mais fácil. O ideal é procurar um médico para saber exatamente o que você tem, pode ser hemorróida, fissuras no ânus ou outra doença.