Sensação de desmaio: quais as causas e como saber se vou desmaiar?

Dra. Rafaella Eliria Abbott Ericksson
Dra. Rafaella Eliria Abbott Ericksson
Clínica médica e Neurologia

A sensação de desmaio muitas vezes é referida como uma sensação de tontura, em que há uma breve perda de consciência. Pode ser chamada também de sincope.

Pode ser causado por situações diversas, que levam a uma diminuição do fluxo sanguíneo para o cérebro. Dura em média poucos minutos e a pessoa normalmente se recupera rápida e completamente.

Antes de desmaiar, a pessoa pode perceber por se sentir fraca, suada ou enjoada. Outros sintomas comuns são as alterações visuais (visão em túnel) ou a sensação de ter um ruído que está diminuindo ao fundo.

Ao desmaiar, a pessoa não apenas perde a consciência, como perde o tônus muscular e a cor da pele, principalmente no rosto, que se torna pálida.

E após um desmaio a pessoa pode não se lembrar de fatos que aconteceram antes de desmaiar, durante ou mesmo após o desmaio; sentir-se confuso ou sonolento e com alterações nos batimentos cardíacos.

Quais as causas da sensação de desmaio?

A sensação de desmaio pode nos casos de:

  • Tosse constante;
  • Defecar, especialmente se houver grande esforço;
  • Estar parada num mesmo lugar por muito tempo;
  • Calor excessivo;
  • Jejum, ou alimentação exagerada;
  • Dor intensa;
  • Situação de estresse, medo ou ansiedade extrema.

Outras causas de desmaio, algumas das quais podem ser graves, incluem:

  • Uso de certos medicamentos, como os usados para ansiedade, depressão e pressão alta. Estes medicamentos podem causar uma queda da pressão sanguínea;
  • Uso de álcool ou drogas;
  • Doença cardíaca, como arritmia, infarto, e derrame cerebral;
  • Respiração rápida e profunda (hiperventilação);
  • Baixo nível de açúcar no sangue;
  • Convulsões;
  • Queda repentina da pressão arterial, como em casos de sangramento ou desidratação grave;
  • Levantar-se de repente da posição deitada, que também pode causar tontura.

Pessoas com histórico de sensação de desmaios, com diagnóstico e orientações médicas sobre como evitá-las, deve seguir as orientações de maneira rigorosa, para não correr riscos, como por exemplo uma queda da própria altura, ou situações mais graves, como um acidente automobilístico.

O que fazer em casos de desmaio?

1. Verifique as vias aéreas e a respiração da pessoa. Se necessário, ligue para o número de emergência (192 - Corpo de Bombeiros);

2. Solte as roupas apertadas em volta do pescoço;

3. Eleve os pés da pessoa acima do nível do coração (cerca de 30 cm) ou sente-a para a frente, com a cabeça entre os joelhos;

4. Se a pessoa vomitar, ou apresentar crise convulsiva, vire-a de lado para evitar que se engasgue;

5. Peça sempre ajuda.

O que não fazer em caso de desmaio:

  • Dar comida ou bebida a uma pessoa inconsciente;
  • Deixar a pessoa sozinha;
  • Colocar um travesseiro sob a cabeça de uma pessoa inconsciente;
  • Bater palmas, sacudir, dar tapas ou despejar água no rosto da vítima.

Chame imediatamente uma ambulância através do número 192 se a pessoa que desmaiou:

  • Caiu de qualquer altura, especialmente se estiver ferida ou sangrando;
  • Não recuperar a consciência rapidamente, em alguns minutos;
  • Estiver grávida;
  • Tiver mais de 50 anos;
  • For sabidamente portador de diabetes ou hipertensão arterial;
  • Sentir dor, pressão ou desconforto no peito antes do desmaio;
  • Apresentar batimentos cardíacos fortes ou irregulares;
  • Perder a fala, apresentar problemas de visão ou incapacidade de mover um ou mais membros;
  • Tiver convulsões, lesões na língua ou perda do controle das fezes.

Como prevenir a sensação de desmaio?

Para evitar a sensação de desmaio ou desmaiar:

  • Evite situações em que o nível de açúcar no sangue caia muito, como jejum prolongado;
  • Evite ficar em um local por muito tempo sem se mexer, principalmente se tiver propensão para desmaios;
  • Beba líquido suficiente, especialmente em dias quentes;
  • Se sentir que está prestes a desmaiar, deite-se ou sente-se com a cabeça inclinada para a frente, entre os joelhos.

Mesmo que não seja uma situação de emergência, uma pessoa que nunca desmaiou e teve um desmaio deve ser examinada por um médico clínico geral ou médico de família, bem como se tiver episódios de desmaios frequentes ou apresentar novos sintomas com desmaio.

Leia também: É normal sentir tontura ao se levantar, ou ao comer, ou...