Perguntar
Fechar

Exercícios Físicos

Fazer sexo emagrece ou engorda?
Dra. Nicole Geovana
Dra. Nicole Geovana
Medicina de Família e Comunidade

Fazer sexo emagrece.  

Durante a relação sexual, vários músculos são ativados, a frequência cardíaca e respiratória aumentam, há liberação de hormônios, além de intensa transpiração. Portanto, há gasto de energia e consumo de calorias

O sexo pode equivaler a uma atividade física e que, de certa forma contribui com o emagrecimento.   

Além de ajudar a queimar gordura e emagrecer, o sexo traz benefícios para o sistema cardiorrespiratório e trabalha os músculos. De fato, dependendo da posição, é possível exercitar boa parte dos músculos do corpo.  

É importante lembrar que toda atividade sexual deve ser realizada com a vontade expressa de todas as pessoas envolvidas e que o uso adequado de preservativo previne doenças sexualmente transmissíveis.

Além disso, o processo de emagrecimento deve contemplar um plano amplo de ação com reorientação alimentar associada à atividade física indicada por um/a profissional competente na área.

Quem tem pressão alta pode fazer exercícios físicos como musculação?
Dra. Ângela Cassol
Dra. Ângela Cassol
Médico

Sim, quem tem pressão alta pode e deve fazer exercícios físicos como musculação, desde que sua pressão esteja controlada. A atividade física é essencial para controlar a pressão arterial.

Antigamente se preconizava que os pacientes hipertensos não deveriam fazer exercícios anaeróbicos, como musculação, porque pode ocorrer um aumento de pressão arterial durante a realização destes.

Contudo sabe-se que, desde que a pressão esteja controlada, eles podem fazer musculação três vezes por semana, contanto que mantenham constante a prática dos exercícios aeróbicos, que incluem corrida, andar de bicicleta, caminhadas e natação. 

Além da prática de exercícios físicos, é fundamental perder peso, cessar o tabagismo, diminuir o consumo de sal e gorduras e utilizar corretamente os medicamentos prescritos pelo seu médico.

Leia também:

Quem tem pressão alta pode consumir gengibre?

7 Maneiras de Baixar a Pressão Alta  

Tenho hérnia umbilical há 2 meses. Posso continuar malhando?
Dra. Rafaella Eliria Abbott Ericksson
Dra. Rafaella Eliria Abbott Ericksson
Clínica médica e Neurologia

Não. Se tem hérnia umbilical deve primeiro fazer uma avaliação médica criteriosa antes de continuar malhando. Levantar pesos na academia ou fazer exercícios físicos que exigem muita força aumenta a pressão dentro do abdômen e empurra a hérnia umbilical para fora.

Como a hérnia é recente, pode ser possível retornar o seu conteúdo para o local de origem. Hérnias pequenas e que não causam sintomas podem ser apenas acompanhadas e na maioria das vezes não precisam ser operadas de urgência.

Porém, se a hérnia umbilical for muito volumosa e o local por onde ela passa for muito estreito, pode não ser possível retornar para a cavidade abdominal após um esforço físico, por exemplo. Essa situação é muito perigosa devido ao risco de estrangulamento herniário, que pode levar à morte se não for tratado a tempo.

O estrangulamento é a porção do intestino, que forma a hérnia, deixar de receber suporte sanguíneo adequado, por estar comprimida naquela região, podendo gerar isquemia deste tecido herniário e complicações graves, como a perfuração da alça intestinal estrangulada, infecção generalizada, sepse e até óbito do paciente se não for abordado a tempo.

A maioria das hérnias umbilicais em adultos precisa de tratamento cirúrgico, pois o anel herniário geralmente é muito estreito e rígido, o que aumenta as chances de haver encarceramento e estrangulamento.

Saiba mais em: Uma hérnia pode estourar?

Portanto, antes de continuar frequentando a academia, consulte um médico cirurgião geral ou um gastroenterologista para que a sua hérnia umbilical seja avaliada e receba o tratamento adequado, e não correr riscos.

Também podem lhe interessar:

Como é a cirurgia de hernia umbilical e qual é o tempo de recuperação?

Toda hérnia tem que ser operada?

Quem tem hérnia umbilical pode engravidar?

Fui operado de Apendicite, quando posso fazer academia?
Dr. Charles Schwambach
Dr. Charles Schwambach
Médico

Os primeiros 30 dias não deve fazer nada, após 30 dias voltar as atividades habituais com restrição as coisas pesadas, porém exercícios físicos vigorosos e levantar peso somente após 90 dias.

Não consigo emagrecer, o que devo fazer?
Dra. Rafaella Eliria Abbott Ericksson
Dra. Rafaella Eliria Abbott Ericksson
Clínica médica e Neurologia

Para emagrecer, é necessário primeiro uma consulta médica para realização de exames básicos, que irão descartar doenças ou alterações hormonais, que possam ser a causa desse aumento de peso ou até mesmo da dificuldade em emagrecer. 

Após os resultados e descartando causas secundárias para sua dificuldade, deverá iniciar um plano alimentar indicado por um/uma nutrologista e nutricionista, que deverão prescrever uma dieta de acordo com as suas necessidades calóricas e nutricionais, além de associar a dieta com exercícios físicos orientados.

Outras dicas que pode começar a seguir desde então:

1. Fazer pequenos lanches entre as principais refeições, pois estimula o metabolismo a manter o apetite sob controle. Barras de cereais, iogurtes desnatados e frutas são boas opções de lanches.

2. Distribuir os alimentos ao longo do dia. Evite comer grandes quantidades de carboidratos de uma só vez, para que o excesso não seja armazenado sob a forma de gordura.

3. Investir em alimentos integrais, como massas, arroz, pães e cereais, pois prolongam a sensação de saciedade. Alimentos feitos com farinha branca saciam temporariamente, mas, após um curto período de tempo, a pessoa volta a sentir fome.

4. Não deixar de lado as proteínas, que além de serem essenciais para a manutenção da massa muscular, prolongam a sensação de saciedade. Frango, peixes, carnes, leite, ovos e leguminosas (grão-de-bico, feijão, lentilha) são boas fontes de proteína.

5. Iniciar atividade física, de preferência em grupo e que te traga prazer, para que ajude na assiduidade do exercício. (Lembrando de realizar avaliação médica prévia).

6. Cuidar do seu estado emocional. É fundamental manter o controle emocional, evitando ou procurando ajuda caso apresente ansiedade ou depressão. Pessoas com distúrbios alimentares e sobrepeso costumam apresentar também quadros de ansiedade ou oscilação de humor, que atrapalham na rotina alimentar. Para isso é importante buscar ajuda e tratamento. Os responsáveis para tratar e orientar quanto a esses sintomas são psicólogos e psiquiatras.

Existem grupos bem estruturados para auxiliar no emagrecimento, com propostas sérias e resolutivas, existem medicamentos, quando o aumento do peso passa a causar riscos aos pacientes, indicação de cirurgia, entre outros. Ou seja, existem muitas formas de auxiliar as pessoas a emagrecer, dependendo de cada caso.

O/A médico/a saberá como orientar o seu caso.

Agende uma consulta com médico/a da família, clínico/a geral ou Nutrologista para dar início ao seu plano de tratamento, de forma segura e saudável.

Também podem lhe interessar os artigos:

Remédios para emagrecer

7 Erros que Você não Pode Cometer se Quer Emagrecer

Usar cinta, body ou modelador emagrece?

Dor na parte interna da perna, o que pode ser?
Dr. Charles Schwambach
Dr. Charles Schwambach
Médico

Você deve ter algum tipo de lesão muscular ou de tendão (rompimento ou algo parecido), precisa procurar um Ortopedista que provavelmente vai solicitar algum exame.

Também pode lhe interessar: Sinto muita dor nas pernas. O que pode ser?

Ganhei 16 kg e agora estou com falta de ar e cansaço...
Dr. Charles Schwambach
Dr. Charles Schwambach
Médico

O excesso de peso pode ser a causa de falta de ar e cansaço e exercícios físicos regulares podem te ajudar a melhorar dos seus sintomas e a perder peso, mas antes de começar o ideal é ir a um médico e começar os exercícios de forma branda e progressivamente ir aumentando o nível dos exercícios físicos para não sofrer com dores e lesões.

Tenho muita dor... que exercícios posso fazer para melhorar?
Dr. Charles Schwambach
Dr. Charles Schwambach
Médico

Os exercícios físicos programados e realizados com regularidade e acompanhamento profissional são ótimos para o tratamento da dor osteomuscular. O ideal no seu caso é procurar um fisioterapeuta, preferencialmente após ir ao um médico e fazer radiografias, o fisioterapeuta vai te ensinar a alongar de maneira correta antes e depois dos exercícios e também qual exercício deve fazer e em que quantidade.

Qual doença ocorre quando a pessoa faz muita força física?
Dr. Charles Schwambach
Dr. Charles Schwambach
Médico

Eu tenho uma ideia do que possa ser que seu amigo esteja falando, mas não vou te contar, e não é assim tão grave, é mais engraçado que grave, e pode ficar tranquila não é contagioso. Como ele não quis te contar é melhor respeitar o desejo dele, com o tempo e com a confiança em você ele vai te contar, mas a princípio deixa para lá.

Como ganhar massa muscular?
Dr. Charles Schwambach
Dr. Charles Schwambach
Médico

Só existe uma maneira de ganhar massa muscular: exercícios físicos. Os complementos alimentares ajudam, mas apenas quando associados com exercícios físicos, porém uma boa alimentação rica em frutas, verduras, carnes, ovos e leite associado com os exercícios físicos fazem o mesmo efeito que os suplementos alimentares.

Parei de fumar, ainda tenho riscos de doenças pulmonares?
Dr. Charles Schwambach
Dr. Charles Schwambach
Médico

Seu pulmão vai limpar em parte, mas nunca será igual ao pulmão de um não fumante e sempre ficará com um risco maior para doenças pulmonares (incluindo o câncer), claro que como você parou de fumar esse risco será bem menor do que o risco de alguém que continua fumando.

O que é mais eficiente para emagrecer: dieta ou exercícios?
Dr. Charles Schwambach
Dr. Charles Schwambach
Médico

Os dois "processos" juntos são melhores. Caso tenha que optar por apenas um deles (escolha estranha), opte por aquele que você vai conseguir fazer, porque todos os dois funcionam desde que sejam postos em prática. O emagrecimento com exercícios é muito mais saudável que o feito apenas com dieta de baixa calorias.