Perguntar
Fechar

O que é impige (tinea), o que provoca e como tratar?

Dra. Juliana Guimarães
Dra. Juliana Guimarães
Doutora em Saúde Pública

Impingem ou impingem são os nomes populares dados à tinea, uma infecção superficial provocada por fungos. Podem ocorrer em toda a extensão da pele tais como pés, mãos, face, virilha e couro cabeludo.

O que causa a tinea?

Lesão provocada por tinea

A tinea é causada por fungos dermatófitos que se alimentam da queratina presente na pele. A micose se desenvolve em regiões do corpo que contém pele úmida, é transmitida por contato de pessoa para pessoa e ocorre especialmente em pessoas que possuem baixa imunidade.

Tratamento da tinea

O tratamento da tinea é feito com uso de medicamentos locais (tópicos) ou orais e deve ser efetuado mediante orientação médica.

Lesões localizadas

O tratamento das lesões localizadas é feito com aplicação de medicação antifúngica tópica em forma de creme ou pomada durante alguns dias ou semanas.

Lesões extensas ou de couro cabeludo

As lesões que afetam regiões corporais maiores, o couro cabeludo e/ou cabelos são tratadas com antifúngicos administrados por via oral ou em associação com a medicação tópica. Nestes casos mais graves o tratamento pode durar até 30 dias.

Sintomas de infecções por tinea

No local afetado, se pode observar os seguintes sintomas:

  • Lesões avermelhadas com leve descamação;
  • Prurido (coceira);
  • Lesões circinadas caracterizadas por sua forma de anel que crescem do centro para a periferia (borda) da lesão;
  • Perda de cabelos (quando afeta o couro cabeludo).

Formas de prevenção da tinea

  • Manter a pele seca, especialmente as regiões do corpo que possuem dobras como axilas, pescoço e virilhas;
  • Não compartilhar objetos de uso pessoal como toalhas, lençóis, roupas íntimas, escova de cabelo;
  • Efetuar higiene corporal;
  • Adotar hábitos alimentares saudáveis de alto valor nutricional para fortalecer o sistema imune.

Não trate micoses provocadas por tinea ou qualquer outro fungo utilizando medicamentos sem prescrição médica. Para uma tratamento eficaz busque uma/a médico/a de família ou um/a dermatologista.

Leia também

Fungos na pele: Como identificar e tratar?

Que tipos de micose existem?