O que é urticária?

A urticária é caracterizada pelo rápido aparecimento de lesões cutâneas conhecidas como urticas, que são lesões avermelhadas, elevadas e extremamente pruriginosas. Normalmente as lesões tem curta duração (menos de 24 horas).

Pode ser classificada quanto ao tempo de duração em aguda, quando dura menos de seis semanas, ou crônica, quando apresenta duração superior a seis semanas.

A urticária pode ter diversas causas, como:

Publicidade
  • Imunes:
    • Induzida por antígenos: alergia a medicamentos, insetos e alimentar;
    • Mediada por anticorpos: urticária ao frio, dermografismo sintomático e urticária solar
    • Auto-imune.
  • Físicas:
    • dermografismo: surgimento de lesões 1 a 5 minutos após aplicação de forças mecânicas;
    • urticária de pressão tardia: surgimento de lesões após 3 a 8 horas da aplicação de força mecânica;
    • urticária de contato ao frio;
    • urticária de contato ao calor;
    • urticária solar;
    • urticária vibratória;
  • Associada a infecções:
    • virais: hepatite A ou B, citomegalovírus, coxsackie vírus;
    • bacterianas: H. pylori, estreptococos;
    • fúngicas: Trichophyton sp, Candida sp.
    • parasitas: giardíase, ascaridíase, estrongiloidíase, amebíase;
  • Associada a doenças internas, como tumores e sarcoidose.
  • Tipos especiais: urticária colinérgica, urticária adrenérgica, urticária de contato (alérgica ou pseudoalérgica), urticária aquagênica.

Leia também: Urticária é contagiosa?

O diagnóstico de urticária é clínico e a determinação da causa muitas vezes é um desafio e depende muito da percepção do paciente sobre hábitos, medicamentos ou alimentos que podem ser desencadeantes. Devem sempre ser pesquisadas causas infecciosas a auto-imunes, assim como associação a outras doenças, especialmente hematológicas.

O tratamento muitas vezes é um desafio e é baseado no uso de antihistamínicos e no afastamento de fatores desencadeantes, além de outros medicamentos naqueles casos mais refratários.

O diagnóstico e tratamento dos quadros crônicos deve ser feito pelo médico dermatologista. Na presença de lesões similares a urticas, procure um dermatologista.