Perguntar
Fechar

O que pode causar um infarto?

A principal causa de infarto é o entupimento das artérias coronárias por placas de gordura. Os principais fatores de risco para um ataque cardíaco são o tabagismo, colesterol alto, obesidade, diabetes, hipertensão arterial, sedentarismo e estresse.

As artérias coronárias são responsáveis pela irrigação do músculo cardíaco, conhecido como miocárdio. O estreitamento desses vasos reduz o fluxo de sangue para o coração, provocando danos ou morte de uma parte do músculo. É o chamado infarto agudo do miocárdio.

O hábito de fumar aumenta em até 5 vezes o risco de infarto. Isso porque a nicotina provoca uma contração dos vasos sanguíneos, reduzindo assim o calibre dos mesmos e causando lesões na parede interna das artérias.

Portanto, para reduzir as chances de infarto, recomenda-se não fumar, controlar o peso, a pressão arterial, o diabetes e o colesterol, diminuir o estresse e praticar atividade física regularmente.

Os principais sintomas de infarto incluem dor forte no peito com duração de mais de 20 minutos, falta de ar, transpiração excessiva, palidez e alteração dos batimentos cardíacos. Muitas vezes a dor pode irradiar para o braço esquerdo, costas e mandíbula.

Veja também: Saiba como identificar um infarto e conheça os sintomas

Em caso de ataque cardíaco, quanto mais cedo a pessoa receber um tratamento adequado, menos danos serão causados ao músculo cardíaco e menores serão as sequelas.

Saiba mais em:

Suspeita de infarto: o que fazer?

O que fazer em caso (ou suspeita) de ataque cardíaco?

Sofri um infarto. Que cuidados devo ter depois?