Perguntar
Fechar

Qual o risco de ter o colesterol HDL (colesterol bom) abaixo do ideal?

Dra. Nicole Geovana
Dra. Nicole Geovana
Medicina de Família e Comunidade

Ter o colesterol HDL (colesterol bom) abaixo do ideal aumenta o risco de doenças cardiovasculares, como infarto e derrame. Isso porque o bom colesterol (HDL) recolhe o colesterol ruim (LDL) depositado nos vasos sanguíneos, prevenindo a formação de placas de gordura na parede das artérias que podem provocar um entupimento das mesmas (aterosclerose).

Em outras palavras, o colesterol HDL ajuda a manter as artérias abertas, reduzindo o risco de ataques cardíacos e derrames. Ter altos níveis de HDL pode ser tão importante como manter baixos os níveis de LDL.

Colesterol HDL (bom colesterol) baixo

Pessoas que apresentam taxas de colesterol bom abaixo do normal devem incluir algumas mudanças no estilo de vida, tais como praticar exercícios físicos regularmente, perder peso e não fumar.

Alimentação inadequada, excesso de peso, diabetes, tabagismo e pressão alta são alguns dos fatores que provocam um aumento do colesterol ruim (LDL).

É importante lembrar que o principal determinante dos níveis de colesterol é o fator genético. Isso significa que um indivíduo pode ter uma alimentação rica em gorduras e apresentar níveis sanguíneos de colesterol ruim baixos, porque o seu fígado é capaz de eliminar o excesso adequadamente.

Por outro lado, uma pessoa com uma dieta equilibrada pode ter altos níveis de mau colesterol porque o seu organismo não consegue eliminar tão bem as gorduras. Isso explica por que pessoas magras também podem ter colesterol alto e não somente os obesos.

Saiba mais em: Quais os riscos do colesterol alto?; Como baixar o colesterol?

O que é o colesterol HDL?

HDL é a sigla em inglês para "Lipoproteína de Alta Densidade" (High Density Lipoprotein). O colesterol HDL é uma gordura de alta densidade, ou seja, ele é “pesado” e por isso não flutua na superfície do sangue.

Por isso o HDL é conhecido como “bom colesterol”, pois a sua alta densidade faz com que ele afunde no sangue e não se deposite na parede das artérias, evitando a formação de placas de gordura. Além disso, ele arrasta o mau colesterol (LDL), removendo-o da circulação sanguínea.

Por outro lado, o colesterol LDL é uma lipoproteína de baixa densidade (Low Density Lipoprotein), o que faz com que flutue na superfície do sangue e se deposite na parede das artérias. Por isso o LDL é conhecido como “mau colesterol” ou “colesterol ruim”, por levar à formação de placas de gordura nas artérias.

Isso explica por que ter o colesterol HDL baixo aumenta o risco de derrame cerebral e infarto. O HDL é o único colesterol cujos níveis devem estar acima dos valores de referência, com valores superiores a 40 mg/dl.

Como aumentar o colesterol HDL?

Para aumentar o colesterol HDL, recomenda-se incluir na dieta alimentos ricos em gorduras “saudáveis”, como salmão, atum, sardinha, cavala, sementes de linhaça, azeite de oliva, castanhas, nozes, amêndoas, avelãs e abacate.

Pessoas com níveis de colesterol HDL abaixo do normal devem consultar um médico clínico geral ou cardiologista.

Veja também os artigos:

Colesterol VLDL alto é perigoso? Quais são os riscos?

Quais os sintomas do colesterol alto?

O que fazer no caso de colesterol alto?