Perguntar
Fechar

Preventivo

É possível saber se está grávida fazendo Papanicolau?
Dra. Nicole Geovana
Dra. Nicole Geovana
Medicina de Família e Comunidade

Não. O exame Papanicolau não serve para diagnosticar gravidez.

A partir da realização do exame preventivo (Papanicolau) não é possível identificar se uma mulher está ou não grávida. O exame preventivo tem a utilidade de identificar alterações nas células do colo do útero e vagina para detectar precocemente lesões ou doenças como câncer do colo do útero. Dessa forma, o resultado que o preventivo fornece não é capaz de informar gravidez.

Os testes de diagnóstico da gestação são a partir do exame Beta-HCG no sangue ou na urina e com a ultrassonografia transvaginal ou abdominal.

A mulher grávida pode e deve fazer o exame preventivo durante a gravidez para identificar alterações, mas não com o objetivo de descobrir a gestação.

Se você tem suspeita de gravidez, procure um serviço de saúde para a melhor identificação e acompanhamento.

Perguntas Frequentes

É sempre importante verificar aqui se a sua dúvida se encaixa com uma das perguntas frequentes do site, porque se sua dúvida já foi respondida nas Perguntas Frequentes ela não será mais respondida. Esta é a relação dos assuntos com as perguntas mais frequentes do site.

Nódulos ou Caroços:

Enurese Noturna:

Menstruação:

Mamas:

Anticoncepção:

Relação Sexual:

Período Fértil:

Infertilidade:

Gravidez:

Amamentação:

Candidíase:

Corrimento:

Pênis:

Exames:

Para fazer preventivo é preciso depilar?
Dra. Nicole Geovana
Dra. Nicole Geovana
Medicina de Família e Comunidade

Não é preciso se depilar para fazer o preventivo.

Durante o exame preventivo, o/a profissional de saúde realiza coleta de secreção do colo do útero e do interior da vagina. Ou seja, ele/ela coloca um especulo dentro da vagina da mulher para realizar a retirada do material. Não há necessidade de retirar os pelos pubianos pois o especulo entrará pelo introito vaginal e os pelos não atrapalharão no procedimento.

Após análise laboratorial, é possível avaliar as características das células dessa região, bem como a presença de algum micro-organismo agressor.

O exame preventivo é hoje o principal exame para detecção precoce do câncer do colo do útero.

Leia também:

Como é feito o exame preventivo feminino?

A mulher pode ir para o exame sem realizar nenhuma depilação.

O exame preventivo pode ser feito gratuitamente nas Unidades de Saúde da Família (USF) e nas Unidades Básicas de Saúde (UBS) pelas/os profissionais de saúde da Medicina e Enfermagem.

Se fizer ultrassom não preciso fazer Papanicolau?
Dra. Nicole Geovana
Dra. Nicole Geovana
Medicina de Família e Comunidade

O exame Papanicolau (Preventivo) e a ultrassonografia possuem funções diferentes e podem se complementar.

O exame preventivo é realizado com objetivo de identificar alterações nas células do colo do útero e vagina para detectar precocemente lesões ou doenças como câncer do colo do útero. O exame é feito com a raspagem superficial de secreções vaginais e do colo do útero que o/a profissional coloca em uma lâmina. Essa lâmina irá para avaliação em laboratório e após alguns dias o resultado é acessível.

A ultrassonografia transvaginal serve para avaliar órgãos e estruturas pélvicas da mulher como útero, endométrio, ovários, trompas uterinas, etc. É um exame de imagem em que, através de um aparelho, o/a médico/a visualiza de imediato normalidades ou possíveis alterações nessa região.

Por essa razão, os dois exames são diferentes e servem para propósitos distintos. A mulher deve realizar os dois se forem pedidos separadamente. O resultado dos exames podem complementar a decisão clínica do/a médico/a.

Leia também:

Existe diferença entre Papanicolau e preventivo?

Qual a diferença de fazer o preventivo e a transvaginal?

Eu tive algo que acredito ser uma fístula anal...
Dr. Charles Schwambach
Dr. Charles Schwambach
Médico

Deve procurar o médico sim para os seus exames anuais de rotina, mas em relação ao que teve no ânus, pode optar por comentar isso com seu médico, quando fizer seu próximo preventivo e ele pode dar uma olhada.

Quantas vezes no ano a mulher deve ir ao ginecologista?
Dra. Nicole Geovana
Dra. Nicole Geovana
Medicina de Família e Comunidade

Ao contrário do que muitas pessoas pensam, não há necessidade de consulta anual com ginecologista.

A mulher deve procurar médico/médica sempre que tiver sentindo algum sintoma que necessite de cuidados de saúde.

Normalmente a procura pela ginecologia surge quando a mulher pretende começar ou adequar um método anticonceptivo, iniciar o acompanhamento da gravidez, compreender queixas vinculadas à sexualidade, fazer o exame preventivo ou mesmo resolver qualquer problema do sistema genital feminino. Muitas dessas questões podem ser resolvidas por médicos de família ou clínicos gerais.

Por isso, em qualquer momento destes procure o/a ginecologista ou médico de família ou clínico geral.

Posso fazer o exame preventivo no dia seguinte que tive relação sexual com preservativo ?
Dra. Rafaella Eliria Abbott Ericksson
Dra. Rafaella Eliria Abbott Ericksson
Clínica médica e Neurologia

Não. O ideal é que siga as orientações sobre os cuidados de 48 h antes do exame, para que o resultado seja mais fidedigno possível.

As recomendações para realização do exame preventivo na mulher são 48 h antes:

  • Abster-se de ter relações sexuais (mesmo com camisinha);
  • Evitar o uso de duchas, medicamentos vaginais e anticoncepcionais locais (por exemplo, espermicidas)
  • Não realizar exame ginecológico com toque, ultrassonografia transvaginal e/ou ressonância magnética da pelve
  • Ainda, não estar no período menstrual.

O exame é praticado por realizado por método simples e rápido, além de estar disponível na rede pública de saúde, entretanto pode apresentar algum resultado falso ou indeterminado no caso de não seguir as devidas orientações, o que acarretará na necessidade de repetir, ou até de um tratamento desnecessário.

Para mais esclarecimentos, o médico ginecologista é o responsável por esses casos e deverá ser consultado.

Pode lhe interessar também:

Eu fiz alguns exames ginecológicos e estou preocupada...
Dr. Charles Schwambach
Dr. Charles Schwambach
Médico

Bom você está com cistos nos ovários o que explicaria essa sua irregularidade menstrual. Pode sim ter haver com o que aconteceu com seu lado emocional. Em relação ao seu Papanicolau é uma infecção que precisa de tratamento adequado, assim como os cistos e seu problema emocional, todos precisam ser tratados.

Porque quando tenho relações tenho cistite no dia seguinte?
Dr. Charles Schwambach
Dr. Charles Schwambach
Médico

Cistites (infecção na bexiga) são comumente causadas pela relação sexual, procure um ginecologista, talvez precise fazer tratamento preventivo. Uma outra boa opção é o tratamento com remédios homeopáticos, procure um homeopata.

Colposcopia pode ser feita durante a gravidez?
Dra. Nicole Geovana
Dra. Nicole Geovana
Medicina de Família e Comunidade

Sim, a colposcopia pode ser feita durante a gravidez.  

A colposcopia é um procedimento indicado para avaliar lesões pré cancerígenas no colo do útero. Normalmente, ela é indicada após a observação de alguma alteração na citologia, exame preventivo ou Papanicolau.  

A colposcopia pode ser feita durante a gravidez sem nenhum problema para o feto ou para a mulher. A diferença é que um dos exames que pode ser feito durante a colposcopia não poderá ser realizado em grávidas. Por isso, é importante informar ao/à médico/a a presença da gravidez antes de se iniciar o exame.  

Durante a gravidez é recomendado realizar adequadamente o pré-natal, bem como os exames solicitados pelo/a profissional assistente. Com isso, a mulher poderá ter uma gravidez bem acompanhada garantindo a sua saúde e de seu/sua bebê.  

Qual é o tratamento da enxaqueca?

O tratamento para enxaqueca é feito com remédios e medidas não farmacológicas. O tratamento pode incluir analgésicos, anti-inflamatórios, antidepressivos, anticonvulsivantes, técnicas de relaxamento, controle do estresse, atividade física, alimentação equilibrada, sono regular, entre outros.

O tratamento da enxaqueca divide-se entre o alívio da dor e a prevenção das crises. Quando a dor de cabeça já está instalada, podem ser usados analgésicos de efeito rápido como Paracetamol e Dipirona.

Outros medicamentos usados para tratar os episódios de enxaqueca são os anti-inflamatórios (Diclofenaco, Indometacina, Naproxeno, Aspirina, Etoricoxib, Celecoxib), ergotaminas e triptanos.

Já o tratamento preventivo da enxaqueca tem como principal objetivo prevenir novas crises de dor de cabeça e reduzir a intensidade e a frequência dos episódios.

A prevenção pode ser feita com o uso de diversos tipos de remédios. Entre eles estão os antidepressivos (Amitriptilina), anticonvulsivantes (Ácido Valproico, Topiramato, Gabapentina), betabloqueadores (Propranolol, Atenolol), bloqueadores do canal de cálcio (Flunarizina, Verapamil), vitamina B2, magnésio, melatonina e toxina botulínica.

Veja também: Que remédios devo tomar para enxaqueca?

Além dos medicamentos, o tratamento da enxaqueca inclui também medidas não farmacológicas, como técnicas de relaxamento, evitar jejuns prolongados, não fumar, controlar o estresse, melhorar a qualidade do sono, prática regular de atividade física, psicoterapia, acupuntura, entre outras.

Vale lembrar que uma das formas mais eficazes para prevenir a enxaqueca é identificar e evitar os fatores que desencadeiam as crises.

O médico neurologista é o responsável pelo diagnóstico e tratamento da enxaqueca.

Saiba mais em:

Enxaqueca: causas, sintomas e tratamento

O que é enxaqueca com aura e quais os sintomas?

Vou fazer Papanicolau, será que vai doer?
Dr. Charles Schwambach
Dr. Charles Schwambach
Médico

Ultrassom não substitui o Preventivo ou Papanicolau. É um exame que incomoda um pouco, pode até ser um pouco doloroso, mas a maioria das mulheres sente apenas desconforto, independente disso ele precisa ser feito, é muito importante que você faça.